×
ContextoExato

Brasil - Brasília - Distrito Federal - 23 de outubro de 2018


Mara Gabrilli será a 1ª representante do Brasil no Comitê da ONU sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência

Mara Gabrilli será a 1ª representante do Brasil no Comitê da ONU sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência

A deputada federal Mara Gabrilli será um dos novos integrantes do Comitê da ONU sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência – CDPD, no período 2019 – 2022.

Psdb Mulher - 14/06/2018 - 00:47:48

Concorrendo com outros 21 candidatos, a representante brasileira foi eleita em segundo turno, com o voto de 103 países dentre os 175 que votaram. No primeiro turno, Mara recebera 85 votos. A votação ocorreu nesta terça-feira, 12/6, durante a 11ª Conferência dos Estados Partes da Convenção sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência, em Nova Iorque.

É a primeira vez que um representante brasileiro integrará o CDPD. Responsável por monitorar a implementação da Convenção, o Comitê reúne 18 membros de diferentes países, peritos na temática da pessoa com deficiência. “Será uma honra representar o Brasil perante as Nações Unidas. Poderemos fazer um trabalho enriquecedor, com o intercâmbio de experiências em políticas públicas para pessoas com deficiência, trazendo para o Brasil o que foi bem sucedido lá fora e levando para outros países as conquistas que já tivemos por aqui”, comemora Mara.

A eleição é realizada pelos países signatários da Convenção – atualmente, 177 Estados têm direito a voto. Com nove vagas em disputa, 22 países apresentaram candidatos, o que fez dessa eleição a mais concorrida do histórico das Nações Unidas. A candidatura de Mara Gabrilli foi construída com o apoio dos três poderes e da sociedade civil.

Além de Mara Gabrilli, foram eleitos os representantes da Lituânia, Nigéria, Austrália, Suíça, Coréia do Sul, Gana, México e Indonésia.

O CDPD se reúne em Genebra, na Suíça, duas vezes ao ano e muitos de seus trabalhos ocorrem remotamente e através de videoconferência. Por isso, representar o Brasil na ONU não a impedirá que Mara Gabrilli concorra nas eleições nacionais deste ano, nas quais é pré-candidata ao Senado pelo PSDB de São Paulo.

Sobre a Convenção

Há dez anos, em 13 de dezembro de 2006, a Assembleia Geral da ONU adotou resolução que estabeleceu a Convenção sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência, com o objetivo de “proteger e garantir o total e igual acesso a todos os direitos humanos e liberdades fundamentais por todas as pessoas com deficiência, e promover o respeito à sua dignidade”. Atualmente, 177 países ratificaram a Convenção e outros 11 são signatários. No Brasil o documento foi ratificado pelo Congresso Nacional em 2008 e internalizado em 2009, com status de emenda constitucional.

Mara Gabrilli

Tetraplégica em função de um acidente de carro em 1994, Mara Cristina Gabrilli é psicóloga, publicitária e deputada federal em seu segundo mandato. Fundou em 1997 o Instituto Mara Gabrilli, que desenvolve programas de defesa de direitos das pessoas com deficiência, promove o Desenho Universal e fomenta projetos esportivos, culturais e pesquisas científicas.

Além de comandar programas de rádio e manter colunas na mídia impressa sobre temas pertinentes às pessoas com deficiência, foi vereadora na Câmara Municipal de São Paulo (2007-2010) e a primeira titular da Secretaria Municipal da Pessoa com Deficiência e Mobilidade Reduzida na cidade de São Paulo, no período entre 2005 e 2007.

Atualmente é deputada federal por São Paulo e, na Câmara dos Deputados, é presidente da Comissão de Defesa dos Direitos das Pessoas com Deficiência, membro titular da Comissão de Seguridade Social, integra a Frente Parlamentar Mista do Congresso Nacional em Defesa dos Direitos das Pessoas com Deficiência e preside a Frente Parlamentar Mista de Atenção Integral às pessoas com doenças raras.

Foi relatora e autora do texto substitutivo da LBI – Lei Brasileira de Inclusão, que entrou em vigor em 2016, após consulta pública e ampla participação da sociedade civil na sua estruturação.

Comentários para "Mara Gabrilli será a 1ª representante do Brasil no Comitê da ONU sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório