×
ContextoExato

Contexto Exato

Brasil - Brasília - Distrito Federal - 17 de janeiro de 2022

'A confiança é o oxigênio da sociedade', diz o historiador Rutger Bregman

'A confiança é o oxigênio da sociedade', diz o historiador Rutger BregmanFoto: Reprodução YouTube

O livro de Bregman está na lista do também historiador e best-seller Yuval Noah Harari

Estadão Conteúdo - 25/12/2021 - 10:44:42

"Mudar sua visão sobre a natureza humana, olhar para os humanos de uma forma radicalmente nova, implicará consequências para sua própria vida." Essa foi a frase que deu início à conversa com um dos mais proeminentes pensadores europeus da atualidade. O holandês Rutger Bregman é taxativo ao afirmar que uma mudança de visão sobre a humanidade nos conduzirá a transformar a forma como nos organizamos em sociedade e como democracia e que, obviamente, acarretará mudanças pessoais.


Em seu mais recente livro, o best-seller internacional Humanidade: Uma História Otimista do Homem, Bregman traz uma visão - em suas palavras, realista - sobre o caráter cooperativo e de confiança do homo sapiens que "nasce para aprender, se relacionar e interagir e que tem no 'corar' a quintessência da socialização". Segundo o autor, corar é uma expressão unicamente humana. "Pessoas coram e com isso demonstram que se importam com o que as outras pessoas pensam, fomentando assim confiança e socialização."

Noruega

No final de um dos anos mais desafiadores da década, o historiador chama atenção em nossa conversa para uma das recorrentes pesquisas feitas por sociólogos do World Value Survey a cada ano desde a década de 1950. A pergunta feita é: "em média, você acredita que as pessoas são confiáveis?". Segundo Bregman, não existe nenhum país na Terra com menor número de pessoas que confiam umas nas outras que o Brasil. Na última pesquisa realizada pelo projeto, só 5% dos brasileiros afirmaram poder confiar nas pessoas em comparação aos 70% na Noruega. "A confiança é o oxigênio da sociedade, confiar faz tudo funcionar melhor. Se você não tem confiança, você tem burocracia, mais advogados. Na minha opinião, devemos fazer tudo que pudermos para aumentar o volume de confiança em uma sociedade."

Nível

Como, então, podemos aumentar o nível de confiança no outro nos tempos em que vivemos? Bregman afirma que a pandemia provou mais uma vez que a vasta maioria dos seres humanos quer fazer o certo e contribuir para o bem comum. "Temos de reconhecer que bilhões de pessoas ao redor do globo mudaram radicalmente seu modo de viver para parar a disseminação do vírus e isso é algo impressionante. Podemos sempre olhar para quem não usa máscara e se mostra conta a vacina, ignorando a realidade, mas a grande maioria fez o que era necessário, mesmo sendo difícil e frustrante do ponto de vista pessoal e profissional, incluindo homens de negócio", conclui.



Se Bregman parece ingênuo à primeira vista, com o decorrer da conversa vemos que suas explicações se baseiam em pesquisas importantes e contundentes. Ele traz exemplos convincentes e atuais e uma teoria revolucionária sobre a base evolutiva do homo sapiens. "É exaustivo viver sempre preocupado com o que as outras pessoas estão tramando por trás de você. Assumir que os seres humanos são programados para a bondade, confiar e esperar esse comportamento dos outros é uma forma libertadora de se viver e, possivelmente, você terá de volta exatamente o que espera."

O livro de Bregman está na lista do também historiador e best-seller Yuval Noah Harari, autor do premiado Sapiens: Uma Breve História da Humanidade como "o livro que me fez enxergar a humanidade sob uma nova perspectiva". Para a última semana de 2022, pode ser uma boa aposta de leitura.




As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.




fonte: Estadão Conteudo


Comentários para "'A confiança é o oxigênio da sociedade', diz o historiador Rutger Bregman":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório
No Vaticano, papa Francisco diz rezar por vítimas das chuvas no Brasil

No Vaticano, papa Francisco diz rezar por vítimas das chuvas no Brasil

Ele falou após a oração do Angelus, na Praça de São Pedro

Ex-primeiro-ministro de Israel, Netanyahu negocia acordo em processo de corrupção

Ex-primeiro-ministro de Israel, Netanyahu negocia acordo em processo de corrupção

Bolsonaro chega a Israel e defende parcerias em segurança e defesa

Ao recusar ir à posse de Boric no Chile, Bolsonaro impulsiona política que isola o Brasil

Ao recusar ir à posse de Boric no Chile, Bolsonaro impulsiona política que isola o Brasil

Ao fazer constantes declarações demonstrando seu posicionamento pessoal diante de líderes latino-americanos, Bolsonaro cria graves consequências para política externa brasileira. A Sputnik Brasil ouviu analista para entender por que o governo opta por um comportamento não diplomático

'Instabilidade do Mercosul citada por Bolsonaro foi criada por sua própria gestão', diz especialista

'Instabilidade do Mercosul citada por Bolsonaro foi criada por sua própria gestão', diz especialista

Presidente voltou a fazer comentários sobre o Mercosul dizendo que se o Brasil "estivesse livre do bloco" seria melhor, e apontou que a organização sofre "instabilidades". A Sputnik Brasil entrevistou analista para saber até que ponto os argumentos do presidente procedem com a realidade mercosulina.

Empresário de moda costura tecido da paz no nordeste da República Democrática do Congo repleto de violência

Empresário de moda costura tecido da paz no nordeste da República Democrática do Congo repleto de violência

Com uma nova coleção chegando a cada semana para a linha de roupas, Muhindo conseguiu lançar vários desfiles de moda locais.

Omã é o destino do programa “Anthony Bourdain, lugares desconhecidos”

Omã é o destino do programa “Anthony Bourdain, lugares desconhecidos”

O episódio deste domingo (09,01) apresenta detalhes surpreendentes sobre história, cheiros e sabores do antigo império do Oceano Índico

Morre Sidney Poitier, 1º negro a ganhar Oscar de melhor ator

Morre Sidney Poitier, 1º negro a ganhar Oscar de melhor ator

Ele inspirou geração durante movimento pelos direitos civis

Nos EUA, Biden eleva tom e vai culpar Trump e aliados por invasão do Capitólio

Nos EUA, Biden eleva tom e vai culpar Trump e aliados por invasão do Capitólio

Até agora o governo, inclusive o próprio Biden, costumava evitar nomear Trump, referindo-se a ele como "o outro cara" ou "o cara de antes".

Procuradora que investiga Organização Trump intima filhos do ex-presidente

Procuradora que investiga Organização Trump intima filhos do ex-presidente

O esforço da procuradora-geral para entrevistar Trump sob juramento tornou-se público no mês passado, mas não se sabia antes que seu gabinete também procurava questionar Donald Trump Jr. e Ivanka Trump.

Potências assinam nota conjunta contra guerra nuclear

Potências assinam nota conjunta contra guerra nuclear

Países dizem que ninguém pode vencer uma guerra nuclear

Em mensagem de Ano Novo, papa pede paz e condena violência contra mulher

Em mensagem de Ano Novo, papa pede paz e condena violência contra mulher

Mais cedo, durante a missa na Basílica de São Pedro em homenagem à Virgem Maria, Francisco fez uma homilia na qual chamou a violência contra as mulheres um insulto a Deus.