×
ContextoExato

Contexto Exato

Brasil - Brasília - Distrito Federal - 16 de maio de 2022

António Guterres diz que pandemia aumentou desafios para paz e segurança

António Guterres diz que pandemia aumentou desafios para paz e segurançaFoto: Reprodução/ Arquivo Pessoal

Secretário-geral acredita que mecanismos internacionais para gestão de conflitos estão na iminência do “ponto de ruptura”; em discurso ao Conselho de Segurança, ele diz que as necessidades humanitárias estão nos níveis mais altos desde a Segunda Guerra Mundia

Onu News - 07/01/2021 - 15:01:30

Os desafios para manter a paz e segurança em contextos de fragilidade foram o tema de uma reunião, nesta quarta-feira, no Conselho de Segurança da ONU.

O secretário-geral, António Guterres, afirmou que mesmo antes da pandemia da Covid-19, a situação já estava piorando.

Desafios

Segundo o chefe da ONU, “os conflitos se tornaram mais complexos, alimentados por uma maior regionalização, proliferação de grupos armados não-estatais e ligações com interesses criminosos e extremistas.”

De acordo com o Banco Mundial, uma em cada cinco pessoas no Oriente Médio e no Norte da África vive perto de um grande conflito. Com isso, as carências humanitárias aumentaram atingindo os níveis mais altos desde a Segunda Guerra Mundial.

O número de pessoas sob risco de morrer de fome dobrou. Guterres acredita que os mecanismos internacionais de gestão de conflitos estão na iminência de uma ruptura.

Segundo ele, “essas tendências colocaram vários países num ciclo vicioso”.

Em 2030, o Banco Mundial estima que dois terços das pessoas extremamente pobres viverão em países frágeis ou afetados por conflitos.

Pandemia

E após a crise global da Covid-19, a situação se agravou.

No ano passado, pela primeira vez em mais de duas décadas, a pobreza extrema aumentou. A contração econômica em ambientes frágeis e afetados por conflitos devem lançar de 18 a 27 milhões de pessoas na pobreza.

Guterres também destacou o papel que a mudança climática tem na paz e segurança

Para Guterres, “a participação das mulheres na força de trabalho, um fator chave para o crescimento inclusivo, retrocedeu em décadas.”

Ele destacou também a crise ambiental dizendo que “não é por acaso” que dos 15 países mais suscetíveis aos riscos climáticos, oito acolhem uma missão da ONU.

África

Guterres contou que “as ligações entre conflito e fragilidade são particularmente visíveis no continente africano.”

Para lidar com essas tendências, as Nações Unidas atuam com a União Africana e as comunidades econômicas regionais.

A organização apoia a Agenda 2063 da União Africana e a iniciativa Silenciando as Armas. Segundo Guterres, seu apelo por um cessar-fogo global “anda de mãos dadas com esta iniciativa emblemática.”

Oportunidade

O secretário-geral disse ainda que “a prevenção e a construção da paz salvam vidas e são eficazes em termos de custos”, mas a “comunidade internacional continua investindo menos do que deveria nessas áreas.”

Ele citou o Fundo de Construção da Paz, dizendo que irá presidir a uma conferência de reposição para o Fundo em 26 de janeiro.

O chefe da ONU também realçou as parcerias com instituições financeiras internacionais ao falar da Estratégia de Fragilidade, Conflito e Violência do Banco Mundial.

Como parte dessa iniciativa, os Escritórios e Missões da ONU nos países têm uma cooperação estreita com governos e o Banco Mundial em cerca de 40 nações.

Para terminar, o chefe da ONU destacou o “papel crítico” que o Conselho de Segurança tem nesta área “agindo antecipadamente e de forma preventiva, engajando-se estrategicamente para abordar as causas profundas do conflito e falando a uma só voz.”

Comentários para "António Guterres diz que pandemia aumentou desafios para paz e segurança":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório
Dia Internacional das Famílias destaca impacto da urbanização sobre os lares

Dia Internacional das Famílias destaca impacto da urbanização sobre os lares

A ONU marca em 15 de maio o Dia Internacional das Famílias com foco na urbanização e como melhorar a vida das pessoas nas cidades

Coreia do Norte confirma 21 novas mortes suspeitas de Covid-19

Coreia do Norte confirma 21 novas mortes suspeitas de Covid-19

Apesar das medidas restritivas para evitar a circulação de pessoas entre cidades, as descrições da mídia estatal norte-coreana indicam que a população não está confinada.

Espera de entrevista para visto norte-americano chega a 354 dias em SP

Espera de entrevista para visto norte-americano chega a 354 dias em SP

Nos demais consulados no país a demora é menor

"Sem Caribe, não há América": campanha busca visibilizar a necessidade da integração regional

Economista haitiano propõe uma "pedagogia das revoluções" como estratégia contra o domínio imperialista em toda a região

Filmes, livros e contos são recursos para quem quer saber mais sobre o Japão

Filmes, livros e contos são recursos para quem quer saber mais sobre o Japão

Conhecer alguns termos e palavras principais na língua japonesa também é uma forma de saber mais sobre o país, além de ajudar a se sentir mais próximo da cultura

Profissionais de MSF seguem detidos injustamente há 4 meses em Camarões

Profissionais de MSF seguem detidos injustamente há 4 meses em Camarões

Organização pede libertação imediata de enfermeira e motorista presos após socorrerem ferido

Norma internacional previne acidentes e incidência de doenças no trabalho

Norma internacional previne acidentes e incidência de doenças no trabalho

Campanha Abril Verde busca estimular a notificação de acidentes e doenças ocupacionais no país.

EUA: Republicanos ameaçam isenção fiscal da Disney por oposição a leis anti-LGBT

EUA: Republicanos ameaçam isenção fiscal da Disney por oposição a leis anti-LGBT

Alguns republicanos temem que as iniciativas possam sair pela culatra com eleitores moderados, que não concordam com uma agenda anti-LGBT.

OMS continua investigando causas de hepatite aguda em crianças na Europa

OMS continua investigando causas de hepatite aguda em crianças na Europa

Criança recebe vacina contra hepatite B, porém casos recentes não foram associados aos vírus tradicionais.

Macron é o 1º presidente reeleito na França em 20 anos; Le Pen reconhece derrota

Macron é o 1º presidente reeleito na França em 20 anos; Le Pen reconhece derrota

Cinco anos atrás, Macron conquistou uma vitória expressiva também sobre Marine. Na ocasião, ele se tornou o mais jovem presidente francês.

Dia da Terra: Prêmio global destina US$ 3 milhões a projetos sustentáveis

Dia da Terra: Prêmio global destina US$ 3 milhões a projetos sustentáveis

Prêmio Zayed de Sustentabilidade está com inscrições abertas para PMEs, ONGs e projetos de Escolas Secundárias para o ciclo de 2023