×
ContextoExato

Contexto Exato

Brasil - Brasília - Distrito Federal - 09 de dezembro de 2021

Atriz Cacau Protásio revela traumas após sofrer racismo: "Tenho crises de choro"

Atriz Cacau Protásio revela traumas após sofrer racismo: Foto: Divulgação

Hoje, a estrela do Vai Que Cola ainda enfrenta o discurso de ódio disparado contra ela, como contou em entrevista ao jornal O Globo.

Universa-uol - 24/12/2019 - 06:13:25

Há um mês, Cacau Protásio foi vítima de racismo enquanto gravava uma cena do filme Juntos e Enrolados em um quartel de bombeiros no estado do Rio de Janeiro. No áudio, divulgado pelo jornalista Léo Dias, era possível ouvir homens proferindo diversas ofensas à atriz e aos bailarinos.

Hoje, a estrela do Vai Que Cola ainda enfrenta o discurso de ódio disparado contra ela, como contou em entrevista ao jornal O Globo.


"Tenho crises de choro. Aumentei a terapia de uma para três vezes na semana. Estou panicada mesmo. Acho que tem alguém pulando o muro da minha casa, parei de dirigir porque sentia que estavam me seguindo. Só consegui terminar o filme porque tive apoio dos colegas (chora). Pelo menos, as pessoas estão curiosas para ver a cena do bombeiro e vamos ganhar bilheteria (risos)", contou.

Cacau relembrou ainda quando ficou presa no elevador da delegacia ao registrar a queixa: "Quando disseram que chamariam o bombeiro, me deu pânico. Pensei: 'Esse cara não vai me salvar'. Me chamaram para depor, mas não tenho condição emocional de ver bombeiro agora".

Por fim, a atriz hoje reflete que sua atitude de expor o racismo do qual foi vítima é importante para que esse tipo de conduta não seja mais velada na sociedade.

"Quando soube, pensei 'deixa, vou ficar mais famosa ainda'. Mas ao ouvir, me senti a pior pessoa do mundo, comecei a acreditar em tudo que ele estava falando. Não queria mais trabalhar, ver gente, pensei em desistir do filme. Aí veio uma coisa de eu que tinha que me posicionar. Não imaginava que o vídeo da minha resposta fosse repercutir tanto, dar um se liga nas pessoas. Porque até aquele que é preconceituoso velado vai pensar duas vezes antes de fazer algo. Não consigo entender por que tanto ódio por causa de uma cor de pele".

Comentários para "Atriz Cacau Protásio revela traumas após sofrer racismo: "Tenho crises de choro"":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório
UnB aprova título de Doutor Honoris Causa para o líder indígena Aílton Krenak

UnB aprova título de Doutor Honoris Causa para o líder indígena Aílton Krenak

Líder indígena e ambientalista Aílton Krenak receberá o título de Doutor Honoris Causa pela Universidade de Brasília (UnB)

MST comercializa cesta de natal com produtos da reforma agrária

MST comercializa cesta de natal com produtos da reforma agrária

O período de entrega ou retirada das cestas será entre os dias 14 e 23 de dezembro.

Começa a 54ª edição do Festival de Brasília do Cinema Brasileiro

Começa a 54ª edição do Festival de Brasília do Cinema Brasileiro

Festival de Brasília do Cinema Brasileira será totalmente online e vai de 7 a 14 de dezembro; filmes poderão ser vistos de forma gratuita pela internet.

De olho na natureza, crianças participam do Natal no Cerrado

De olho na natureza, crianças participam do Natal no Cerrado

A ação contou com exposição de fotos, plantação de sementes e contação de história

Rede pública de ensino do DF amplia oferta de idiomas

Rede pública de ensino do DF amplia oferta de idiomas

Sofia de Souza, de 15 anos, pretende cursar alemão no Cemi Gama e conhecer a Alemanha

Grafite muda a paisagem da avenida W3 Sul

Grafite muda a paisagem da avenida W3 Sul

Douglas Retok conta que muitas vezes percorreu a W3 Sul em busca de um muro que servisse de suporte para sua arte

Artesãos brasilienses participam de feira em Belo Horizonte

Artesãos brasilienses participam de feira em Belo Horizonte

A artesã Tânia Rodrigues com a secretária de Turismo, Vanessa Mendonça

Trânsito é liberado aos domingos e feriados na W3 Sul

Trânsito é liberado aos domingos e feriados na W3 Sul

A avenida volta a ter circulação de veículos

Museu da República no Distrito Federal exibe três mostras simultaneamente

Museu da República no Distrito Federal exibe três mostras simultaneamente

Cecília Lima, Raíssa Studart e Cléber Cardoso Xavier apresentam trabalhos produzidos durante residência artística em Olhos D’Água

Jardim Zoológico de Brasília recebe ursa ameaçada de extinção

Jardim Zoológico de Brasília recebe ursa ameaçada de extinção

Liz veio da Bahia especialmente para encontrar Ney. Expectativa é que o casal contribua para a preservação da espécie, ameaçada de extinção.

Natal no Cerrado une espírito festivo e meio ambiente

Natal no Cerrado une espírito festivo e meio ambiente

Ação de conscientização ambiental acontece, simultaneamente, nos parques ecológicos Sucupira e Riacho Fundo