×
ContextoExato

Atriz Nicole Kidman quer dar voz às mulheres sobreviventes de violência

Atriz Nicole Kidman quer dar voz às mulheres sobreviventes de violênciaFoto:

Nicole Kidman é embaixadora da Boa Vontade da ONU Mulheres.

Da Assessoria De Imprensa / Da Onu - Br / Foto: Onu Mulheres / Kyle Espeleta - 17/12/2018 - 23:04:05

Em encontro de ativistas e vítimas de violência de gênero na Califórnia, a atriz australiana e embaixadora da Boa Vontade da ONU Mulheres, Nicole Kidman, afirmou neste mês (10) que quer “amplificar as vozes de mulheres sobreviventes por meio da mídia”. A artista espera mobilizar apoio ao fundo das Nações Unidas que financia iniciativas de assistência para quem sofreu abusos.

Realizado em Santa Monica, o encontro aconteceu no Dia Internacional dos Direitos Humanos, 10 de dezembro.

Nicole lembrou que quando recebeu o título de embaixadora da ONU, teve a oportunidade de conhecer mulheres e meninas apoiadas pelo Fundo Fiduciário das Nações Unidas pelo Fim da Violência contra as Mulheres. “Eu vi em primeira mão a diferença real que ele faz nas vidas de mulheres e meninas. Estou aqui hoje para continuar esse trabalho”, enfatizou.

Há 22 anos, esse mecanismo de financiamento contribui para a implementação de iniciativas locais e nacionais, tendo investido recursos em torno de 460 organizações. Apenas em 2017, 6 milhões de pessoas receberam assistência dos projetos patrocinados pelo fundo.

“Estamos testemunhando o poder de uma irmandade global para acabar com a normalização da violência contra as mulheres e meninas, (uma irmandade) que está dizendo aos agressores: ‘o tempo acabou'”, disse a chefe da ONU Mulheres, Phumzile Mlambo-Ngcuka, também presente no evento.

No mundo, uma em cada três mulheres é vítima de violência e abuso. “Temos de continuar amplificando as vozes de todas as sobreviventes e ativistas, especialmente as que são tipicamente marginalizadas ou cujas vozes foram silenciadas, e nos unir em uma solidariedade global pela mudança”, completou a dirigente, ecoando as palavras de Nicole.

O Dia dos Direitos Humanos marca o encerramento da campanha da ONU 16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência contra as Mulheres, que se inicia tradicionalmente no 25 de novembro, Dia Internacional para a Eliminação da Violência contra a Mulher .

Neste ano, a mobilização lançou o apelo #HearMeToo (#MeEscuteTambém), um chamado em prol da escuta e da valorização no debate público das vozes de sobreviventes de violência de gênero.

Por meio de eventos em todo o planeta, como shows no Chile, Colômbia e Bangladesh, instalações e intervenções urbanas no Afeganistão e em estações de transporte público em El Salvador, Vanuatu e Filipinas, cidadãos mostraram solidariedade com as sobreviventes e ativistas.

Comentários para "Atriz Nicole Kidman quer dar voz às mulheres sobreviventes de violência":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório