×
ContextoExato

Bauhaus, 100 anos. 4 dias pela Alemanha em busca do legado de artes e arquitetura

Bauhaus, 100 anos. 4 dias pela Alemanha em busca do legado de artes e arquiteturaFoto: Bruno Ponceano-Estado

Alemanha festeja centenário da escola de artes e arquitetura que viajou pelo mapa do país levando seu ideal: a forma segue a função.

Por Mônica Nóbregaestadão Conteúdo - 16/07/2019 - 07:23:01

Weimar

1919 - 1925

EXPLORE

Dessau

1925 - 1932

EXPLORE

Berlim

1932 - 1933

EXPLORE

Foi um curto e intenso período. Em 1919, o arquiteto Walter Gropius inaugurou, na cidade de Weimar, a Bauhaus, escola de artes e arquitetura mais influente do século 20.

A história do projeto Bauhaus se confunde com a da ascensão do partido nazista na Alemanha. Em 14 anos de existência, até 1933, a escola foi perseguida por disseminar ideias que a sociedade e os nazistas consideravam abertas e democráticas demais - coisas como aceitar alunas mulheres e estrangeiros. De Weimar, mudou-se para Dessau, onde Gropius construiu seu prédio-símbolo, e terminou seus dias na periferia de Berlim.

Reaberta como universidade na década de 1990, a Bauhaus é hoje uma das mais conceituadas e internacionalizadas universidades da Alemanha. Tem alunos de cerca de 70 países.

O legado da Bauhaus em 100 anos conduz o roteiro por quatro cidades e por um dos mais instigantes capítulos da vida política e cultural da Alemanha e do século 20 no Ocidente.

Seguimos, aqui, a linha do tempo da Bauhaus. Mas as visitas independem umas das outras: reprograme o itinerário segundo seus próprios interesses.

EXPEDIENTE

EDITOR EXECUTIVO DE ARTE

Fabio Sales

EDITORA DE INFOGRAFIA

Regina Elisabeth Silva

EDITOR ASSISTENTE DE INFOGRAFIA

Vinicius Sueiro

EDITORA DE VIAGEM

Adriana Moreira

Comentários para "Bauhaus, 100 anos. 4 dias pela Alemanha em busca do legado de artes e arquitetura":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório