×
ContextoExato

Contexto Exato

Brasil - Brasília - Distrito Federal - 09 de dezembro de 2021

Brasileira é uma das ganhadoras de prêmio da União Europeia

Brasileira é uma das ganhadoras de prêmio da União EuropeiaFoto: Diário de Pernambuco

Foram escolhidos mais 7 pesquisadores. Seis são europeus e um chinês

Por Alana Gandra - Agência Brasil Rio De Janeiro - 15/12/2019 - 20:23:48

Uma brasileira, Carolina Marcelino, pós-doutoranda do Programa de Engenharia de Sistemas e Computação do Instituto Alberto Luiz Coimbra de Pós-Graduação e Pesquisa de Engenharia (Coppe), da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), é a única representante das Américas entre os ganhadores do Prêmio Marie Curie Fellow, promovido pela União Europeia. O programa objetiva financiar pesquisadores promissores de qualquer lugar do mundo em diversas áreas de estudo.

Do total de oito agraciados este ano, seis são europeus e um chinês, além de Carolina, do Brasil. Eles receberão as ‘Individual Fellowships’, que são bolsas de pesquisa e pós-doutorado em instituições ou organizações europeias. O financiamento pretende aprimorar a carreira e as perspectivas acadêmicas de pesquisadores que atuam no exterior.


Em entrevista à Agência Brasil, Carolina Marcelino disse que recebeu a notícia da premiação esta semana e estava, no momento, cuidando da documentação que terá de enviar para o programa, cujo nome homenageia Marie Skłodowska-Curie, primeira mulher a ganhar o prêmio Nobel. A cientista polonesa que realizou estudos sobre a radioatividade dividiu o Nobel de Física com o seu marido, Pierre Curie, e o físico Henri Becquerel, em 1903. Em 1911, Marie recebeu o Nobel de Química pelo seu trabalho.

Ela terá de enviar o diploma de doutorado e uma prova de que não morou mais que 12 meses nos últimos três anos, na Espanha, onde pretende desenvolver o projeto com pesquisadores da Universidade de Alcalá.

Inteligência artificial e energia

Carolina inscreveu seu projeto em junho deste ano para concorrer ao financiamento do programa. O projeto foi incluído entre os novos talentos na área da energia e se destina a associar algumas técnicas de inteligência artificial (IA) na produção, geração e transmissão de energia em fontes renováveis. “Esse projeto foi aceito e eu recebi a premiação como ‘Individual Fellowships’. Passei para essa fase de elegibilidade”, disse Carolina.

A pós-doutoranda da Coppe deverá viajar para a Espanha no final do primeiro semestre de 2020. O aporte financeiro para o desenvolvimento do projeto será concedido pela Comissão Europeia. Segundo definiu Carolina, o Prêmio Marie Curie é a bolsa mais prestigiada no mundo para recentes doutores.

Todos os contemplados são da área de energia, segundo informou Carolina. “Mas nem todos são da área de energia e inteligência artificial ao mesmo tempo”.

Bolsista nota 10

Além de pós-doutoranda da Coppe-UFRJ, Carolina Marcelino é também bolsista nota 10 da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro (Faperj). “Na verdade, esse meu conhecimento em ciência de dados e aprendizado de máquinas foi reforçado a partir do momento em que eu cheguei nesse grupo de trabalho (da Coppe-UFRJ), junto com o professor Carlos Eduardo Pedreira. Porque a minha formação original é na área de otimização. Então, eu aprendi muito de 2018 para cá quando eu cheguei E isso fez com que eu amadurecesse na pesquisa. Eu sou muito grata à Coppe, à Faperj, ao dr. Carlos, à UFRJ como um todo e aos pesquisadores e professores da área de computação”, disse Carolina.

Quando regressar da Espanha, daqui a dois anos, ela pretende continuar trabalhando na área de inteligência artificial, possivelmente aplicada a programas de energia.

O prêmio ‘Marie Curie Fellow’ oferece um contrato no valor de € 4.500 mensais por dois anos, além de recursos de bancada para que o jovem pesquisador desenvolva o projeto submetido.

Edição: Nélio de Andrade


Comentários para "Brasileira é uma das ganhadoras de prêmio da União Europeia":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório
Uma pista novinha para os skatistas de Águas Claras

Uma pista novinha para os skatistas de Águas Claras

Com a ajuda de aprendizes do RENOVADF, a pista de skate da quadra 107 ganha manutenção; outros 27 equipamentos na cidade passarão por reformas

UnB aprova título de Doutor Honoris Causa para o líder indígena Aílton Krenak

UnB aprova título de Doutor Honoris Causa para o líder indígena Aílton Krenak

Líder indígena e ambientalista Aílton Krenak receberá o título de Doutor Honoris Causa pela Universidade de Brasília (UnB)

MST comercializa cesta de natal com produtos da reforma agrária

MST comercializa cesta de natal com produtos da reforma agrária

O período de entrega ou retirada das cestas será entre os dias 14 e 23 de dezembro.

Começa a 54ª edição do Festival de Brasília do Cinema Brasileiro

Começa a 54ª edição do Festival de Brasília do Cinema Brasileiro

Festival de Brasília do Cinema Brasileira será totalmente online e vai de 7 a 14 de dezembro; filmes poderão ser vistos de forma gratuita pela internet.

De olho na natureza, crianças participam do Natal no Cerrado

De olho na natureza, crianças participam do Natal no Cerrado

A ação contou com exposição de fotos, plantação de sementes e contação de história

Rede pública de ensino do DF amplia oferta de idiomas

Rede pública de ensino do DF amplia oferta de idiomas

Sofia de Souza, de 15 anos, pretende cursar alemão no Cemi Gama e conhecer a Alemanha

Grafite muda a paisagem da avenida W3 Sul

Grafite muda a paisagem da avenida W3 Sul

Douglas Retok conta que muitas vezes percorreu a W3 Sul em busca de um muro que servisse de suporte para sua arte

Artesãos brasilienses participam de feira em Belo Horizonte

Artesãos brasilienses participam de feira em Belo Horizonte

A artesã Tânia Rodrigues com a secretária de Turismo, Vanessa Mendonça

Trânsito é liberado aos domingos e feriados na W3 Sul

Trânsito é liberado aos domingos e feriados na W3 Sul

A avenida volta a ter circulação de veículos

Museu da República no Distrito Federal exibe três mostras simultaneamente

Museu da República no Distrito Federal exibe três mostras simultaneamente

Cecília Lima, Raíssa Studart e Cléber Cardoso Xavier apresentam trabalhos produzidos durante residência artística em Olhos D’Água

Jardim Zoológico de Brasília recebe ursa ameaçada de extinção

Jardim Zoológico de Brasília recebe ursa ameaçada de extinção

Liz veio da Bahia especialmente para encontrar Ney. Expectativa é que o casal contribua para a preservação da espécie, ameaçada de extinção.