×
ContextoExato

Contexto Exato

Brasil - Brasília - Distrito Federal - 17 de maio de 2022

Cerca de 915 milhões de pessoas dependem das montanhas para garantir seu sustento

Cerca de 915 milhões de pessoas dependem das montanhas para garantir seu sustentoFoto: ONU News/Daniela Gross

Países como Peru, e tantos outros, que dependem das geleiras, podem sentir os efeitos na agricultura e no fornecimento de água.

Onu News - 11/12/2019 - 07:20:02

Dia Internacional da Montanha é marcado nesta quarta-feira, 11 de dezembro; ONU destaca importância que estes territórios têm para a juventude; migração dos mais novos tem consequências econômicas e culturais.

No Dia Internacional da Montanha, marcado neste 11 de dezembro, as Nações Unidas estão dando destaque à importância que estes recursos têm para a juventude.


A ONU diz que “para a juventude rural, morar nas montanhas pode ser difícil.” Mas quando os jovens migram, “a agricultura fica abandonada, a terra degradada e as tradições culturais são perdidas.”

Recursos

Em 54 anos, o Peru perdeu 53% da cobertura glacial, ONU News/Daniela Gross

Os habitantes das montanhas estão entre as pessoas mais pobres do mundo. Para a ONU, educação, acesso ao mercado, oportunidades de emprego e bons serviços públicos podem garantir um futuro melhor para os jovens.

Este ano, as Nações Unidas destacam que a juventude deve assumir a liderança e “exigir que as montanhas e os povos das montanhas se tornem centrais nas agendas de desenvolvimento nacional e internacional.” Também devem pedir que estes territórios recebem mais atenção, investimentos e pesquisa.

Importância

As montanhas abrigam 15% da população mundial e um quarto dos animais e plantas terrestres do mundo. Segundo a ONU, 22% da superfície terrestre é coberta por montanhas, que têm um papel crítico para o crescimento econômico sustentável.

Cerca de 915 milhões de pessoas dependem das montanhas para garantir o seu sustento, ou 13% da população mundial.

Metade de toda a água doce usada pela humanidade todos os dias vem das montanhas. Para a ONU, a sua conservação é essencial para o desenvolvimento sustentável e faz parte da meta 15 dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, ODSs.

Ameaças

As montanhas estão sendo ameaçadas pela mudança climática e pela exploração excessiva. À medida que o clima global continua aquecendo, seus habitantes enfrentam lutas ainda maiores para sobreviver.

O aumento da temperatura também significa que as geleiras das montanhas estão derretendo com uma velocidade sem precedentes, afetando a quantidade de água disponível para milhões de pessoas.

A ONU afirma que “esse problema afeta todas as pessoas”, que “devem reduzir sua pegada de carbono para cuidar desses tesouros naturais.”

O Dia Internacional da Montanha foi criado pela Assembleia Geral e é comemorado desde 2003, com o objetivo de ressaltar a importância do desenvolvimento sustentável das regiões montanhosas.

Comentários para "Cerca de 915 milhões de pessoas dependem das montanhas para garantir seu sustento":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório
Livro reúne 70 obras do pintor José Antonio da Silva

Livro reúne 70 obras do pintor José Antonio da Silva

Trata-se de uma obra fundamental para conhecer aspectos da vida e obra de Silva raramente explorados em outras publicações.

Revista portuguesa publica artigo de Juiz do TJDFT sobre inovação

Revista portuguesa publica artigo de Juiz do TJDFT sobre inovação

No texto, o magistrado do TJDFT trata da abordagem do New Public Service, no âmbito dos estudos ligados à Administração

Verdades que ninguém te conta: A importância de falar sobre a maternidade real

Verdades que ninguém te conta: A importância de falar sobre a maternidade real

Livro recém-lançado pela Editora MOL em parceria com a Tip Top reúne relatos de mulheres sobre os desafios reais que chegam com a vida de mãe, como as mudanças no corpo e os julgamentos externos

Bolsonaro veta integralmente Lei Aldir Blanc, que previa R$ 3 bilhões anuais ao setor cultural

Bolsonaro veta integralmente Lei Aldir Blanc, que previa R$ 3 bilhões anuais ao setor cultural

Texto de autoria da deputada Jandira Feghali (PCdoB-RJ) calcula que medida alcançaria 4.176 municípios brasileiros

Cópia restaurada de 'Deus e o Diabo na Terra do Sol' será exibida em Cannes

Cópia restaurada de 'Deus e o Diabo na Terra do Sol' será exibida em Cannes

A última versão digitalizada do filme é de 2002 e tem qualidade inferior à atual

Autora estreante lança livro criado a partir do desejo de se comunicar durante a pandemia

Autora estreante lança livro criado a partir do desejo de se comunicar durante a pandemia

“Quando escrevo, é para me lembrar da esperança que eu mesma sei que tenho”, diz Nathália Ferreira

Eu acredito no livro!

Eu acredito no livro!

Numa necessidade rápida, até podemos contar com um trago de águas quase podres, mas para a vida, para beber água viva, o livro é o único lugar onde nos encontraremos com a civilização, com o melhor dela

Ribeirão Preto celebra a literatura nacional com o 'Revolução Poética na Fábrica'

Ribeirão Preto celebra a literatura nacional com o 'Revolução Poética na Fábrica'

Serão cindo dias de programação gratuita, reunindo 14 autores de referência do universo cultural brasileiro

Capas influenciam quase 30% das crianças na escolha do livro

Capas influenciam quase 30% das crianças na escolha do livro

Diante das diversas motivações que podem influenciar na escolha de um livro antes da compra, a capa é uma das mais citadas pelos entrevistados, em especial entre as crianças

Livro detalha o primeiro disco lançado por Nara Leão, em 1964

Livro detalha o primeiro disco lançado por Nara Leão, em 1964

O álbum traz ainda Berimbau, de Vinicius e Baden Powell, que ainda nem era chamado de afro-samba. Outro exemplo: a faixa Nanã (Coisa Nº 5), que estaria no clássico disco Coisas, de Moacir Santos, lançado em 1965.

Quarteto de cordas lança álbum com obras de compositoras brasileiras

Quarteto de cordas lança álbum com obras de compositoras brasileiras

Pelos temas, pelas múltiplas estéticas e pela interpretação, o disco se faz a partir de diferentes, pessoais e fascinantes olhares