×
ContextoExato

Contexto Exato

Brasil - Brasília - Distrito Federal - 16 de outubro de 2021

Cerca de 930 milhões de toneladas de comida vão parar no lixo, alerta FAO

Cerca de 930 milhões de toneladas de comida vão parar no lixo, alerta FAOFoto: PMA/Bruno Djoye

2,5 milhões de pessoas na República Centro-Africana passam fome.

Agência Onu News De Noticias - 29/09/2021 - 07:58:01

No Dia Internacional de Conscientização sobre Desperdício Alimentar, agência da ONU pede mais ações globais para reduzir perdas; FAO destaca que para muitas pessoas acesso à comida é subestimado, enquanto 811 milhões passam fome.

Um evento global nesta quarta-feira celebra o Dia Internacional de Conscientização sobre Desperdício Alimentar. A iniciativa é da Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura, FAO, e do Programa da ONU para o Meio Ambiente, Pnuma.

Mais de 900 milhões de toneladas de comida são desperdiçadas por ano.

Foto: Unsplash/Sanjog Timsina

A FAO destaca que para muitas pessoas do planeta, o acesso à comida é dado como certo. Mas 811 milhões de pessoas passam fome e um adicional de 132 milhões sofrem com as ameaças da insegurança alimentar, especialmente com a pandemia de Covid-19.

Recursos desperdiçados

Apesar de tantas pessoas não terem acesso à comida, 14% da produção alimentar mundial, avaliada em US$ 400 bilhões, são perdidos todos os anos entre a colheita e o comércio.

A FAO calcula ainda que por ano, 931 milhões de toneladas de comida vão parar no lixo. Com isso, todos os recursos que foram utilizados na produção alimentar, incluindo água, uso da terra, energia, trabalho humano e capital, acabam também sendo desperdiçados.

Ações para mudar um padrão

Alimentos que serão jogados fora em um mercado em Uganda

Foto: © FAO/Sumy Sadurni

Alimentos que serão jogados fora em um mercado em Uganda

A agência da ONU afirma ser a hora de reconhecer que o valor da comida vai muito além do seu preço de mercado, já que tem vários valores associados: o valor dos agricultores, dos recursos naturais e do número cada vez maior de pessoas que acaba ficando sem ter o que comer.

A FAO usa o Dia Internacional para enfatizar o pedido por mais ações globais que evitem o desperdício. A agência destaca ainda que soluções inovadoras e tecnológicas precisam ser consideradas.

O evento organizado pela FAO e pelo Pnuma contará com a transmissão de mensagens de ministros de vários países e com a apresentação da Coalizão A Comida Nunca é um Desperdício

Comentários para "Cerca de 930 milhões de toneladas de comida vão parar no lixo, alerta FAO":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório
Aplicativo vai ajudar crianças e adolescentes a denunciar violências

Aplicativo vai ajudar crianças e adolescentes a denunciar violências

Plataforma será ligada à Ouvidoria Nacional dos Direitos Humanos

Campanha contra insegurança alimentar ilumina Congresso Nacional

Campanha contra insegurança alimentar ilumina Congresso Nacional

Campanha global lembra o Dia Mundial da Alimentação, no próximo sábado

Campanha

Campanha "Tenho Sede" conta com doações para construir 1 milhão de cisternas no Semiárido

Na campanha, mulheres do semiárido contam suas histórias sobre como o acesso à água através das cisternas transformou as suas vidas

Campanha da ASA busca doações para construir 1 milhão de cisternas no Semiárido brasileiro

Campanha da ASA busca doações para construir 1 milhão de cisternas no Semiárido brasileiro

Consideradas tecnologias simples e baratas, cisternas tendem a gerar benefícios para famílias e comunidades do semiárido

Dia Nacional do Idoso: Conheça políticas públicas para essa população

Dia Nacional do Idoso: Conheça políticas públicas para essa população

Pessoas com mais de 60 anos representam quase 18% dos brasileiros

Itamaraty não fará nada sobre deportação de crianças brasileiras dos EUA para Haiti, diz professor

Itamaraty não fará nada sobre deportação de crianças brasileiras dos EUA para Haiti, diz professor

A Sputnik Brasil conversou Thiago Rodrigues, professor do Instituto de Estudos Estratégicos da Universidade Federal Fluminense (UFF), sobre a grave crise de migração que levou milhares de haitianos à cidade texana de Del Rio.

Balé muda vida de adolescentes em favelas brasileiras

Balé muda vida de adolescentes em favelas brasileiras

Dançar da favela para o mundo na plataforma da nuvem, é um sonho para todos os jovens bailarinos do Balé Paraisópolis em São Paulo no Brasil.

CNJ aprova política para atender pessoas em situação de rua: O que muda na prática?

CNJ aprova política para atender pessoas em situação de rua: O que muda na prática?

De acordo com o IPEA, no início da pandemia já chegava a 222 mil o número de pessoas vivendo em situação de rua no Brasil

Projeto Cultura Doadora realiza Semana da Doação de Órgãos entre os dias 26 e 1º de outubro

Projeto Cultura Doadora realiza Semana da Doação de Órgãos entre os dias 26 e 1º de outubro

O projeto Cultura Doadora preparou uma programação intensa para a Semana da Doação de Órgãos

Quase 9 mil vivem nas ruas de BH:

Quase 9 mil vivem nas ruas de BH: "A única coisa que eu quero é um lar para meus filhos”

Construção civil não para de anunciar novos empreendimentos em BH, mas não há indícios de que imóveis vão resolver problema habitacional

Quilombolas do Vale do Ribeira doaram 249 toneladas de alimentos desde o início da pandemia

Quilombolas do Vale do Ribeira doaram 249 toneladas de alimentos desde o início da pandemia

Jornal Brasil Atual também analisa o Projeto de Lei Complementar (PLC) Nº 26 de João Doria, na coluna São Paulo em Foco