×
ContextoExato

Com 90% das vendas paradas, produtores trituram flores estocadas

Com 90% das vendas paradas, produtores trituram flores estocadasFoto: Pixabay

Devido à crise do coronavírus, empresários do ramo estão com mercadorias paradas. Setor emprega 3,5 mil pessoas

Manoela Alcântara - Metrópoles - 19/04/2020 - 05:58:28

Sem as vendas da Páscoa, do Dia Internacional da Mulher e com a falta de eventos no Distrito Federal, como casamentos e festas, as floriculturas do DF começam a triturar sua produção. O mercado, que movimenta R$ 200 milhões ao ano e emprega 3,5 mil pessoas, está quase sem demanda devido às ações para o combate ao novo coronavírus.

Dados do Sindicato do Comércio Varejista de Carnes Frescas, Gêneros Alimentícios, Frutas, Verduras, Flores e Plantas do DF (Sindigêneros) estimam queda de 90% nas vendas das floriculturas do DF.

De acordo com o presidente em exercício do sindicato, Joaquim Santos, os produtores de flores do DF estão triturando parte da produção por não terem demanda.

“O segmento de flores está sendo o mais afetado do nosso sindicato. Se o governador decretar a abertura do comércio de flores amanhã, pouco vai adiantar, porque o foco das floriculturas são as igrejas, casamentos, eventos corporativos. A venda de flores mesmo é só um complemento. Vamos vender para quem? As lojas estão abertas e o público está em casa”, desabafou Santos.

Comentários para "Com 90% das vendas paradas, produtores trituram flores estocadas":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório