×
ContextoExato
Responsive image

Com lockdown, CLDF reforça restrições e vai priorizar o teletrabalho

Com lockdown, CLDF reforça restrições e vai priorizar o teletrabalhoFoto: Rafaela Felicciano/Metrópoles

O acesso de visitantes para reuniões com os parlamentares vai ocorrer das 13h às 19h, mas será necessário comunicado com antecedência

Francisco Dutra - Portal Metrópoles - 28/02/2021 - 19:22:05

Após o anúncio do lockdown para frear a pandemia do novo coronavírus no Distrito Federal, a Mesa Diretora decidiu reforçar as medidas restritivas na Câmara Legislativa (CLDF). Para evitar aglomerações, a Casa continuará limitando o acesso de pessoas, vai priorizar o teletrabalho e terá apenas sessões remotas.

O ato foi publicado no sábado (27/2). Segundo o documento, o acesso ao local deve ser restrito, respeitando as medidas sanitárias de prevenção contra a Covid-19. “Cabe aos gestores, em suas unidades, evitar a ocorrência de aglomerações, bem como o desrespeito às determinações das autoridades sanitárias”, ressaltou o ato.

Veja a publicação:

DCL nº 049, de 27 de fevereiro de 2021 – Edição Extraordinária by Metropoles on Scribd

O acesso de visitantes para reuniões com os parlamentares vai ocorrer das 13h às 19h, mas será necessário comunicado à Coordenadoria de Polícia da CLDF (Copol), recebendo o aval do gabinete do respectivo parlamentar. Em caso de atendimento fora do horário, é preciso informação prévia ao órgão de segurança.

Segundo o ato, a Mesa recomenda aos gabinetes que priorizem o teletrabalho para a manutenção dos trabalhos. “Em caso excepcional da necessidade de trabalho presencial, o número de servidores presentes deve ser restrito para a prevenção da saúde coletiva”, destacou a decisão.

Reuniões remotas

Reuniões e sessões plenárias passam a ser exclusivamente remotas. Apenas o pessoal necessário para a realização dos trabalhos deve comparecer presencialmente.

O ato é assinado pelo presidente da CLDF, deputado Rafael Prudente (MDB), o vice-presidente, Rodrigo Delmasso (Republicanos) e pelos parlamentares Iolando Almeida (PSC), Robério Negreiros (PSD) e Reginaldo Sardinha (Avante).

Comentários para "Com lockdown, CLDF reforça restrições e vai priorizar o teletrabalho":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório