×
ContextoExato

Contexto Exato

Brasil - Brasília - Distrito Federal - 29 de janeiro de 2022

Covid-19: Ela não poupa ricos, pobres, negros, brancos ou amarelos. Se ressignifique

Covid-19: Ela não poupa ricos, pobres, negros, brancos ou amarelos. Se ressignifiqueFoto: Pixabay

O mundo praticamente parou.

João Zisman - 05/04/2020 - 11:03:00

O mundo praticamente parou. A pandemia do COVID-19 não poupa ricos, pobres, negros, brancos ou amarelos. Por agora, muito se fala e pouco se conhece sobre como conter o vírus. O isolamento social se mostra eficaz, apesar de impor consequências diretas sobre as economias de maneira geral, sobretudo a dos países subdesenvolvidos, pobres e daqueles enquadrados como emergentes, como é o caso do Brasil.

A grande massa da população que sobrevive na informalidade sofre mais, pois o ganha pão está na rua. As empresas brasileiras, principalmente as micro, pequenas e médias já vem há muito “trocando o pneu da bicicleta pedalando”, como diz a expressão popular, e ao parar ou até mesmo ao refrearem suas atividades, implicará no fechamento dos postos de empregos por elas gerados. Enfim, a doença da economia não é uma novidade no país, bem como a capacidade de resiliência do arranjo econômico-financeiro nacional, que por sua vez sempre teima em corrigir rumos e procurar o seu caminho natural. Nesse contexto a portentosa estrutura que sustenta o agronegócio brasileiro será, novamente, o peso que corrigirá o desequilíbrio provocado pela pandemia, afinal de contas o mundo precisa comer. Enquanto isso não ocorrer cabem às autoridades prover condições de sobrevivência a essa grande parcela da população brasileira, no entanto, sem descuidar do seu dever de cuidar da saúde de todos. E isso é prioritário.


Sob o aspecto social, não resta dúvida que nada será como antes desse confinamento. As pessoas certamente passarão a ressignificar seus valores. A privação do convívio com familiares e amigos provocará uma verdadeira revolução de costumes. As pessoas buscarão resgatar velhos hábitos que se perderam no tempo com as facilidades da tecnologia. As visitas tomarão lugar as vídeo-chamadas e os abraços recuperarão o sentido mais amplo do bem querer, dentre tantas outras demonstrações de afeto que sempre valem mais quando estão presentes o olho no olho e o toque. Haverá mais prazer em passear a pé pelas ruas, fazer compras num mercado, ir ao cinema ou a um campo de futebol; ler um livro e desligar o celular. O tempo precisa ser melhor aproveitado por todos, desde que a busca do reconforto na convivência de quem amamos volte a ser a prioridade das pessoas. Entender que as conquistas do dia a dia só valem a pena quando a vida está preservada será a grande lição dessa crise na saúde mundial.


E que a solidariedade prevaleça nesse momento.

Comentários para "Covid-19: Ela não poupa ricos, pobres, negros, brancos ou amarelos. Se ressignifique":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório
Turismo para além do Plano Piloto reservam riquezas que merecem ser conhecidas

Turismo para além do Plano Piloto reservam riquezas que merecem ser conhecidas

Regiões fora do centro do Distrito Federal reservam riquezas que merecem ser conhecidas e apreciadas por brasilienses e visitantes

Instituto Rosa dos Ventos homenageia Iemanjá na Praça dos Orixás

Instituto Rosa dos Ventos homenageia Iemanjá na Praça dos Orixás

Festa das Águas celebra Rainha do Mar

Complexo Cultural Samambaia é entregue, reformado

Complexo Cultural Samambaia é entregue, reformado

Equipamento do GDF ganhou melhorias estruturais e passa por obras na edificação

Espelho Labirinto exibe obras de 86 artistas brasileiros em Brasília

Espelho Labirinto exibe obras de 86 artistas brasileiros em Brasília

Mostra gratuita pode ser vista até 13 de março no CCBB

Iluminação externa da Catedral de Brasília ganha 39 refletores novos

Iluminação externa da Catedral de Brasília ganha 39 refletores novos

“Quando um refletor apaga, já sentimos a diferença; agora que estão todos acesos, fica ainda mais bonito e seguro trabalhar aqui”, afirma o pipoqueiro Marcos Almeida

Lixão no Distrito Federal vai se transformar em um parque de ipês

Lixão no Distrito Federal vai se transformar em um parque de ipês

Executado pelo SLU e o Polo Norte do programa GDF Presente, o plano para acabar com o lixão começou nesta semana, com a limpeza da área |

Cine Brasília exibe filmes premiados no Festival de Cinema

Cine Brasília exibe filmes premiados no Festival de Cinema

Programação especial terá início nesta quinta-feira (27)

Monumentos de Brasília estão entre as melhores fotos turísticas do mundo

Monumentos de Brasília estão entre as melhores fotos turísticas do mundo

O Museu Histórico de Brasília está entre as imagens do fotógrafo brasiliense classificadas para a final do concurso da Wikipedia

Evento de rock promete reunir mil músicos em Brasília

Evento de rock promete reunir mil músicos em Brasília

Rockin’1000 é a reunião de mil músicos profissionais e amadores que, juntos, irão executar uma seleção de músicas de Rock Nacional e Internacional.

Cine Itapuã, no Gama, mais perto de ser devolvido ao público

Cine Itapuã, no Gama, mais perto de ser devolvido ao público

Estão sendo investidos R$ 463 mil; reforma vai pôr fim a 18 anos de descaso com o espaço que é parte da história da cultura no DF

Plataforma digital da Biblioteca Nacional de Brasília entra em operação

Plataforma digital da Biblioteca Nacional de Brasília entra em operação

Repositório institucional já disponibiliza a Coleção BNB, com o registro de mais de 70 itens sobre a biblioteca