×
ContextoExato

Contexto Exato

Brasil - Brasília - Distrito Federal - 29 de junho de 2022

Crescem oportunidades de trabalho para mulheres no turismo do Oriente Médio

Crescem oportunidades de trabalho para mulheres no turismo do Oriente MédioFoto: OMT

Apenas 8% de funcionários do setor nessa região são mulheres em comparação a 54% em nível global; participação feminina também é menor no trabalho autônomo e propriedade de Pequenas e Médias Empresas

Onu News - 18/01/2021 - 15:17:41

egundo a Organização Mundial do Turismo, OMT, menos de um em cada 10 trabalhadores do turismo no Oriente Médio é mulher, mas essa proporção está aumentando de forma constante.

Num novo relatório, do Ministério do Turismo do Reino da Arábia Saudita, a agência da ONU destaca oportunidades de avanços da participação feminina no turismo.

Mulheres têm taxas de ensino superior mais altas que os homens, mas continuam consideravelmente subrepresentadas no mercado de trabalho

Avanços

A nova publicação inclui “medidas políticas positivas” tomadas nos últimos anos. Ao mesmo tempo, realça o que é necessário fazer para atingir o Objetivo de Desenvolvimento Sustentável número 5, sobre igualdade de gênero, no Oriente Médio, especialmente quando comparado a outras regiões.

Segundo a pesquisa, apenas 8% dos empregados no setor na região são mulheres, em comparação com 16% na economia geral. Em todo o mundo, 54% dos trabalhadores de turismo são mulheres; Uma média maior que a proporção de mulheres na economia global, que é de 39%.

Além disso, as mulheres têm taxas de ensino superior mais altas que os homens, mas continuam consideravelmente subrepresentadas no mercado de trabalho.

O setor público lidera o caminho para as mulheres em cargos de chefia. Cerca de 21% dos ministros do turismo na região são mulheres. Em nível global, esta taxa é de 23%.

Oportunidade

O secretário-geral da OMT, Zurab Pololikashvili, disse que “o turismo tem proporcionado historicamente oportunidades abundantes para o empoderamento das mulheres em todo o mundo.” Mas para ele, ainda há muito a fazer no Oriente Médio.

O chefe da OMT contou que a agência irá atuar com os países “para garantir que a igualdade de gênero continue a ser o centro das atenções em seus planos de recuperação, capacitando as mulheres a se tornarem financeiramente independentes, desafiar estereótipos e iniciar seus próprios negócios.”

Participação feminina também é menor no trabalho autônomo e propriedade de Pequenas e Médias Empresas

Vida familiar

A participação feminina também é menor no trabalho autônomo e propriedade de Pequenas e Médias Empresas. Preocupações com equilíbrio entre vida familiar e profissional e as barreiras legislativas são alguns dos principais fatores.

Além de 21% dos ministros do turismo da região serem mulheres, existem muitas mulheres em cargos de alto escalão e liderando uma série de iniciativas políticas. Segundo a OMT, “a natureza recente dessas iniciativas significa que ainda é muito cedo para avaliar os resultados, especialmente no setor privado.”

A OMT diz que o relatório pretende servir de referência para pesquisas futuras sobre os efeitos dessas políticas e ajudar novos trabalhos em prol da igualdade de gênero.

Comentários para "Crescem oportunidades de trabalho para mulheres no turismo do Oriente Médio":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório
Klara Castanho: Entrega à adoção é legal e gestante tem direito ao sigilo

Klara Castanho: Entrega à adoção é legal e gestante tem direito ao sigilo

Gestante tem direito de não exercer maternidade, dizem especialistas

Luiza Trajano: A pandemia acelerou o processo de igualdade para a mulher

Luiza Trajano: A pandemia acelerou o processo de igualdade para a mulher

Segundo a empresária, a pandemia foi responsável por acelerar o processo de transformação nas companhias.

Gravidez após os 40 anos: o que toda mulher deve saber

Gravidez após os 40 anos: o que toda mulher deve saber

Realidade no Brasil, Europa e EUA, o adiamento da maternidade não é isento de riscos. Médica ginecologista da clínica Origen BH fala sobre o envelhecimento ovariano e o desafio de equilibrá-lo com as aspirações femininas e as transformações sociais da atualidade

Elas batalham pela inclusão de mais mulheres na astronomia

Elas batalham pela inclusão de mais mulheres na astronomia

A proposta inicial de acompanhar as garotas de forma próxima se manteve. “Fazemos o acompanhamento individual de cada menina, auxiliando nas atividades e interagindo”

Quem é Francia Márquez, a primeira mulher negra vice-presidenta na Colômbia?

Quem é Francia Márquez, a primeira mulher negra vice-presidenta na Colômbia?

Francia Elena Márquez Mina foi a mulher mais votada na história das eleições colombianas

'Meu repúdio por qualquer discriminação', diz Xuxa sobre homofobia de religiosos

'Meu repúdio por qualquer discriminação', diz Xuxa sobre homofobia de religiosos

A loira afirmou que está indignada com os discursos e por ver que existem pessoas que apoiam esse pensamento.

Relacionamentos abusivos: o que você precisa saber para mudar esse padrão e se libertar

Relacionamentos abusivos: o que você precisa saber para mudar esse padrão e se libertar

Uma em cada três mulheres sofre violência ao longo da vida, de acordo com relatório divulgado pela OMS. Entenda como o autoconhecimento pode ser um dos caminhos para evitar que os relacionamentos cheguem a este ponto

“A ressignificação da velhice é imprescindível”, destaca juíza do TJ do DF em lançamento de cartilha sobre a pessoa idosa

“A ressignificação da velhice é imprescindível”, destaca juíza do TJ do DF em lançamento de cartilha sobre a pessoa idosa

Conheça a Cartilha Quem Nunca? - Reflexões sobre o preconceito em razão da idade.

'Errei e não há justificativa', diz Talitha Morete após ser acusada de racismo no 'É de Casa'

'Errei e não há justificativa', diz Talitha Morete após ser acusada de racismo no 'É de Casa'

No final do programa, Talitha passou o prato para a convidada e pediu para que ela servisse todos que estavam no estúdio.

Bia Haddad celebra melhor ranking em simples e em duplas; Medvedev vira número 1

Bia Haddad celebra melhor ranking em simples e em duplas; Medvedev vira número 1

Confira abaixo os rankings de simples masculino e feminino

Bia Haddad vence Riske na grama em Nottingham e conquista 1º WTA 250 da carreira

Bia Haddad vence Riske na grama em Nottingham e conquista 1º WTA 250 da carreira

Bia Haddad Maia ainda disputará a final das duplas ao lado da chinesa Zhang Shuai no início da tarde deste domingo. Elas enfrentarão a americana Caroline Dolehide e a romena Monica Nicuslescu.