×
ContextoExato

Detran do DF e PC do DF reforçam combate a embriaguez ao volante

Detran do DF e PC do DF reforçam combate a embriaguez ao volanteFoto:

Ajustes nos procedimentos trarão maior agilidade para prender em flagrante motoristas bêbados.

Da Assessoria De Comunicação / Do Detran - Df / Foto: Andre Borges / Agência Brasília / Fotos Públicas - 25/12/2018 - 20:43:01

O Departamento de Trânsito e a Polícia Civil firmaram uma parceria, no último dia 18, que aumentará a eficácia das medidas punitivas da Lei Seca. O Boletim de Serviço da PCDF publicou na terça-feira (18), a Recomendação nº 06/2018 que reforça junto às delegacias de polícia a admissibilidade e suficiência do Termo de Constatação de Embriaguez, ou seja, mesmo que se recuse a fazer o teste do bafômetro, o condutor poderá ser preso em flagrante se apresentar notórios sinais de embriaguez.


São duas as formas de geração de provas para a aplicação da infração e do crime de trânsito por dirigir embriagado: o teste do bafômetro (ou do exame de sangue), e a constatação visual pelo agente de trânsito dos sinais que indiquem a alteração da capacidade psicomotora do condutor. Na primeira, o aparelho metrológico emite um laudo com o nível etílico presente no pulmão da pessoa, gerando um documento de materialidade do fato.

Na segunda, é o próprio agente de trânsito que produz a prova, descrevendo em documento oficial (o Termo de Constatação de Embriaguez) as condições inadequadas daquele condutor para a direção de um veículo. De acordo com a recomendação da Corregedoria da PCDF, o delegado de polícia poderá, após análise técnica e jurídica dos fatos, considerar também suficiente o Termo de Constatação de Embriaguez. Conforme o Código de Trânsito Brasileiro (CTB), esses meios de prova são autônomos, pois é necessária a apresentação somente de um ou de outro.

A medida será um importante reforço para a fiscalização de trânsito durante a operação Festa Segura de final de ano.

Comentários para "Detran do DF e PC do DF reforçam combate a embriaguez ao volante":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório