×
ContextoExato

Contexto Exato

Brasil - Brasília - Distrito Federal - 24 de outubro de 2021

É a política, estúpido!

É a política, estúpido!Foto: Reprodução

O PT, apesar de enfraquecido no Legislativo, se aproveita da inexperiência dos novatos do PSL e da insatisfação de aliados, sobretudo do Centrão, para impor reveses ao Planalto no Congresso.

Por Plácido Fernandes Vieira-correio Braziliense - 06/05/2019 - 08:25:36

Falta alguém avisar a Bolsonaro que, enquanto ele se entretém com a pedra angular do reino das redes sociais, o país real anda para trás, a economia afunda, o desemprego cresce, a popularidade do presidente derrete e o governo corre o risco de acabar sem nunca ter, de fato, começado. Um exemplo: a mais ambiciosa agenda do Planalto, a reforma da Previdência, crucial para o país voltar a ter dinheiro para investir e criar empregos, já poderia estar chegando ao Senado, mas ainda patina na Comissão Especial. Pior: corre o risco de ser desfigurada.

Tudo isso acontece por uma razão elementar, diria Holmes ao caro Watson: o chefe do Executivo ainda não entendeu que quem não conta com maioria no Congresso precisa negociar com outros partidos para ter sustentação política e, claro, votos para aprovar os projetos de interesse do governo. E isso não implica recorrer a mensalão ou a petrolão. Ceder espaço no governo, até mesmo a um adversário convertido em aliado, faz parte da política, não à toa já batizada de arte do impossível. Caso o dito-cujo incorra em desvios éticos ou não corresponda às expectativas, é só defenestrá-lo do cargo. E, a depender da habilidade na articulação, sem qualquer prejuízo para a aliança política.

Desde que a democracia é democracia é assim. Governante nenhum precisa ter compromisso com a corrupção, apesar de, no Brasil, desde a chegada de Cabral, sobressair a impressão de que essa costuma ser a regra do jogo. Itamar Franco surpreendeu, positivamente, ao afastar Henrique Hargreaves da Casa Civil, por o ministro ter sido alvo de denúncia de corrupção no escândalo dos anões do Orçamento. Mas quando Hargreaves foi inocentado, não hesitou em reconduzi-lo ao cargo.

Vale lembrar que Itamar também não hesitou em ampliar o espectro político do governo e teve a coragem de bancar o Plano Real, que tirou o Brasil de séculos de atraso e levou FHC a ser eleito e reeleito presidente da República. E em primeiro turno, nas duas vezes. Tem a ver com a economia, claro, mas isso seria impossível não fosse a articulação política antes de tudo.

Em vez de acionar os articuladores políticos para negociar o apoio necessário, Bolsonaro se perde em meio a balbúrdias e futricas, com uma pauta ultraconservadora, num território em que seu maior opositor, o PT, nada de braçada. Está lá muito antes de qualquer outro partido, no Brasil, ter se dado conta da importância das redes sociais para o embate político.

Além disso, com Bolsonaro no Planalto e também no papel de principal opositor do próprio governo, o PT, apesar de enfraquecido no Legislativo, se aproveita da inexperiência dos novatos do PSL e da insatisfação de aliados, sobretudo do Centrão, para impor reveses ao Planalto no Congresso. E parece levar a melhor, tanto no espaço virtual quanto no real. Uma prova disso é o atraso na tramitação da PEC da Previdência e os consequentes estragos na popularidade do presidente.

Comentários para "É a política, estúpido!":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório
Ponto facultativo do Dia do Servidor será em 1° de novembro

Ponto facultativo do Dia do Servidor será em 1° de novembro

Unidades responsáveis por atendimentos essenciais devem garantir a prestação ininterrupta dos serviços

Câmara Legislativa terá ciclo de exposições de trabalhos artísticos de pessoas com deficiência

Câmara Legislativa terá ciclo de exposições de trabalhos artísticos de pessoas com deficiência

A Câmara Legislativa já abrigou diversas exposições organizadas em parceria com seu Conselho Curador de Cultura

Descartar resíduos corretamente é bom pra todo mundo

Descartar resíduos corretamente é bom pra todo mundo

Lixo corretamente separado vai para cooperativas, onde é processado e reutilizado, evitando superlotação em aterros

Produções culturais femininas são destaque da agenda cultural no DF

Produções culturais femininas são destaque da agenda cultural no DF

Espetáculo “Melodrama de Xicaxaxim” é protagonizado pela atriz e palhaça Paula Sallas

Galeria dos Estados receberá Feira aos domingos

Galeria dos Estados receberá Feira aos domingos

Espaço vai oferecer arte, cultura, turismo e economia criativa para a população do Distrito Federal

Bicicletas compartilhadas têm boa aceitação do público nos primeiros dias

Bicicletas compartilhadas têm boa aceitação do público nos primeiros dias

Para retirar a bicicleta da estação, basta escolher o tipo de corrida no aplicativo, pagar pelo celular e liberar a bike apontando o celular para o QR Code próximo ao guidão|

MST lança loja online de alimentos agroecológicos e orgânicos no DF

MST lança loja online de alimentos agroecológicos e orgânicos no DF

Vendas online serão abertas oficialmente neste sábado, 16

Documentação Urbanística amplia acesso ao público

Documentação Urbanística amplia acesso ao público

Sistema oferece diversas informações aos usuários

Final de semana com muitas opções culturais no DF

Final de semana com muitas opções culturais no DF

Exposições, espetáculos teatrais e musicais estão entre as atrações para este sábado e domingo

Concurso vai escolher melhores trabalhos de artesanato

Concurso vai escolher melhores trabalhos de artesanato

Inscrições podem ser feitas até o dia 24 de outubro; premiados serão selecionados por votação popular

Redobre os cuidados ao dirigir no período das chuvas

Redobre os cuidados ao dirigir no período das chuvas

Temporada chuvosa requer atenção ampliada no trânsito |