×
ContextoExato

Contexto Exato

Brasil - Brasília - Distrito Federal - 29 de janeiro de 2022

‘É difícil ficar isolado sabendo que o mundo está caindo na sua frente’, diz Uip ‘enjaulado’

‘É difícil ficar isolado sabendo que o mundo está caindo na sua frente’, diz Uip ‘enjaulado’Foto: Estadão

Chefe do Centro de Contingenciamento do Coronavírus, infectologista está em casa após ser diagnosticado com Covid-19; em mensagem ao Ministério Público, diz que auge da doença virá nos próximos meses, defende isolamento social e pede tranquilidade

Estadão Conteúdo - 29/03/2020 - 21:34:36

Diagnosticado com Covid-19 e em quarentena , o infectologista David Uip afirmou que está sendo difícil ficar isolado ‘sabendo que o mundo está caindo na sua frente’. Em áudio enviado ao Ministério Público de São Paulo , o chefe do Centro de Contingenciamento do Coronavírus defende o isolamento social para achatar a curva de infecção, diz que auge da doença virá entre abril e maio, mas pede tranquilidade à população.

“Eu estou aqui na minha quarentena, estou enjaulado. É difícil você ficar isolado sabendo que o mundo está caindo na sua frente, mas faz parte da doença e eu tenho que cumprir a minha parte à semelhança de tantos outros brasileiros que estão isolados”, disse Uip.

Segundo o infectologista, está havendo uma ‘confusão na mídia’ em relação aos dados do Ministério da Saúde . A pasta atualiza números somente de pessoas diagnosticadas com o novo coronavírus, pois no Brasil só é testado quem está em estágio grave da doença – isso acaba deixando de fora quem está com o vírus, mas com poucos ou nenhum sintoma. O último balanço aponta 3.904 casos confirmados e 114 mortes .

“Hoje o Brasil só diagnostica os casos graves que estão em hospitais e os profissionais da área de saúde com sintomas. Então, é um numerador baixo. Diferente do que se você testasse toda a população”, explica. “Se a gente trabalhar com o denominador só de doentes versus mortes, nós vamos ter uma letalidade muito alta. Agora, se nós trabalharmos com uma população imensa que faz exames e com a letalidade que a mesma, nós vamos ter uma letalidade baixa, seguramente abaixo de 1%”.

O infectologista relembra que qualquer um pode ser infectado e qualquer um pode ficar em estado grave. “A letalidade que está na faixa dos mais vulneráveis”, destacou.

O infectologista David Uip, chefe do Centro de Contingenciamento do Coronavírus em São Paulo. Foto: Daniel Teixeira / Estadão

Uip afirma aos promotores que, na sua opinião, o Brasil ainda não chegou ao auge da doença e que, quando isso ocorrer, todo o sistema de saúde e o econômico enfrentarão dificuldades.

“Isso vai acontecer durante o mês de abril e maio, e teremos grandes dificuldades. Tanto para o sistema público e privado de saúde, sistema econômico. Não tem muito jeito, nós vamos ter que passar por isso à semelhança de outros países”, afirmou.

O médico defendeu o distanciamento social como forma de achatar a curva de ascensão da doença. A medida é recomendada por órgãos de saúde, como a Organização Mundial da Saúde, mas enfrenta resistência no governo federal, que encabeça iniciativa por um isolamento ‘vertical’, no qual apenas idosos e pessoas do grupo de risco ficam em casa.

Uip destaca que o isolamento serve para minimizar os impactos no serviço de saúde. “Se as pessoas não entenderem que esse confinamento, neste momento, é importante, nós vamos ter uma subida rápida do pico de doentes e isso vai ter repercussão em todo o sistema”, afirmou.

Para Entender

Coronavírus: veja o que já se sabe sobre a doença

Doença está deixando vítimas na Ásia e já foi diagnosticada em outros continentes; Organização Mundial da Saúde está em alerta para evitar epidemia

Sintomas. Diagnosticado com Covid-19 na última segunda, 23, Uip relata que a doença é ‘chata’ e como uma ‘gripe seca’. “Eu pouco espirrei, não tenho coriza nos meus olhos, são fatos novos. Mudou meu olfato, mudou meu paladar – são dois sintomas novos que eu já havia vendo nos meus pacientes e estou sentindo agora no dia a dia”.

O médico alerta que a qualquer sinal de falta de ar, o paciente deve procurar imediatamente o sistema de saúde.

Na quarentena, Uip afirma que inicialmente sentiu medo ‘como qualquer outra pessoa’, mas que controlou o sentimento com fé e com paz na alma. E pede tranquilidade aos promotores: “Ainda acho que tenho uma missão a cumprir, eu acho que eu preciso voltar a trabalhar e eu acredito que as pessoas podem ajudar umas às outras. É sofrido? É sofrido. É doído? É doído. Mas nós vamos em frente”.

Comentários para "‘É difícil ficar isolado sabendo que o mundo está caindo na sua frente’, diz Uip ‘enjaulado’":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório
Turismo para além do Plano Piloto reservam riquezas que merecem ser conhecidas

Turismo para além do Plano Piloto reservam riquezas que merecem ser conhecidas

Regiões fora do centro do Distrito Federal reservam riquezas que merecem ser conhecidas e apreciadas por brasilienses e visitantes

Instituto Rosa dos Ventos homenageia Iemanjá na Praça dos Orixás

Instituto Rosa dos Ventos homenageia Iemanjá na Praça dos Orixás

Festa das Águas celebra Rainha do Mar

Complexo Cultural Samambaia é entregue, reformado

Complexo Cultural Samambaia é entregue, reformado

Equipamento do GDF ganhou melhorias estruturais e passa por obras na edificação

Espelho Labirinto exibe obras de 86 artistas brasileiros em Brasília

Espelho Labirinto exibe obras de 86 artistas brasileiros em Brasília

Mostra gratuita pode ser vista até 13 de março no CCBB

Iluminação externa da Catedral de Brasília ganha 39 refletores novos

Iluminação externa da Catedral de Brasília ganha 39 refletores novos

“Quando um refletor apaga, já sentimos a diferença; agora que estão todos acesos, fica ainda mais bonito e seguro trabalhar aqui”, afirma o pipoqueiro Marcos Almeida

Lixão no Distrito Federal vai se transformar em um parque de ipês

Lixão no Distrito Federal vai se transformar em um parque de ipês

Executado pelo SLU e o Polo Norte do programa GDF Presente, o plano para acabar com o lixão começou nesta semana, com a limpeza da área |

Cine Brasília exibe filmes premiados no Festival de Cinema

Cine Brasília exibe filmes premiados no Festival de Cinema

Programação especial terá início nesta quinta-feira (27)

Monumentos de Brasília estão entre as melhores fotos turísticas do mundo

Monumentos de Brasília estão entre as melhores fotos turísticas do mundo

O Museu Histórico de Brasília está entre as imagens do fotógrafo brasiliense classificadas para a final do concurso da Wikipedia

Evento de rock promete reunir mil músicos em Brasília

Evento de rock promete reunir mil músicos em Brasília

Rockin’1000 é a reunião de mil músicos profissionais e amadores que, juntos, irão executar uma seleção de músicas de Rock Nacional e Internacional.

Cine Itapuã, no Gama, mais perto de ser devolvido ao público

Cine Itapuã, no Gama, mais perto de ser devolvido ao público

Estão sendo investidos R$ 463 mil; reforma vai pôr fim a 18 anos de descaso com o espaço que é parte da história da cultura no DF

Plataforma digital da Biblioteca Nacional de Brasília entra em operação

Plataforma digital da Biblioteca Nacional de Brasília entra em operação

Repositório institucional já disponibiliza a Coleção BNB, com o registro de mais de 70 itens sobre a biblioteca