×
ContextoExato
Responsive image

Facebook bloqueia perfis de bolsonaristas fora do país

Facebook bloqueia perfis de bolsonaristas fora do paísFoto: O Antagonista

Orlando Silva diz que Facebook dá ‘péssimo exemplo’ ao manter perfis de bolsonaristas

O Antagonista - 01/08/2020 - 12:29:03

O Facebook vai bloquear em todo o mundo as contas de bolsonaristas que foram alvos do inquérito das fake news.

A medida ocorre um dia após o ministro Alexandre de Moraes aumentar o valor da multa diária da empresa por não impedir que as contas pudessem ser acessadas.

O ministro, como publicamos, também intimou o presidente da empresa no país a cumprir sua determinação.

Leia também:

Orlando Silva diz que Facebook dá ‘péssimo exemplo’ ao manter perfis de bolsonaristas

Gabinete de Crise: BEM-VINDO À SELVA

Urgente: Moraes aumenta multa do Facebook para R$ 100 mil por dia

Bloqueio de perfis por Moraes atropelou discussões internacionais sobre o tema, dizem professores

Zambelli: "Se Moraes faz isso comigo, ele acaba com minha carreira política"

O Facebook justificou que, diante da ação de Moraes, decidiu acatar a ordem, mas que vai recorrer ao STF.

“O Facebook havia cumprido com a ordem de bloquear as contas no Brasil ao restringir a visualização das Páginas e Perfis a partir de endereços IP no país. Isso significa que pessoas com endereço IP no Brasil não conseguiam ver os conteúdos mesmo que os alvos da ordem judicial tivessem alterado sua localização IP. A mais recente ordem judicial é extrema, representando riscos à liberdade de expressão fora da jurisdição brasileira e em conflito com leis e jurisdições ao redor do mundo. Devido à ameaça de responsabilização criminal de um funcionário do Facebook Brasil, não tivemos alternativa a não ser cumprir com a ordem de bloqueio global das contas enquanto recorremos ao STF”, disse o Facebook em nota.

Leia mais: Comprovação do elo entre a Presidência da República e o gabinete do ódio complica Bolsonaro. Clique e leia

Comentários para "Facebook bloqueia perfis de bolsonaristas fora do país":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório