×
ContextoExato
Responsive image

Fernando de Noronha anuncia nova cura clínica e volta a zerar casos da Covid-19

Fernando de Noronha anuncia nova cura clínica e volta a zerar casos da Covid-19Foto: Ana Clara Marinho/TV Globo

O único paciente que estava com a doença na ilha, um homem de 50 anos, teve cura clínica. Noronha registrou 64 pessoas com coronavírus e todos estão recuperados.

Por Ana Clara Marinho, G1 Pe - 16/06/2020 - 07:40:08

A Administração de Fernando de Noronha informou, nesta segunda-feira (15), que o único paciente da ilha que estava com a Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus, teve cura clínica confirmada. A pessoa que ainda estava infectada é um homem, de 50 anos. Com o resultado do exame realizado, todos 64 moradores que tiveram a doença estão recuperados.

O paciente que estava com a Covid-19 foi um dos 36 casos identificados pelo estudo epidemiológico realizado em Noronha. Os outros 28 moradores que tiveram coronavírus foram identificados nos testes feitos pelo governo, desde o início da pandemia.

Essa é a segunda vez que a ilha zera os casos de Covid-19. No início de maio o governo de Fernando de Noronha anunciou que todos os pacientes estavam curados, mas novos casos voltaram a ser registrados.

A partir da terça-feira (16), passam a ser liberados os treinos de equipes esportivas. Como medida de prevenção, atletas e treinadores precisam seguir o protocolo para as atividades, publicado nas redes sociais do governo local.

Nesta segunda-feira (15), também foram autorizados a reabrir salões de beleza e serviços de estética, comércio varejista, construção civil, clínicas e consultórios médicos, odontológicos e veterinários, óticas, clínicas de fisioterapia e de psicologia.

Por causa da falta dos visitantes, a ilha está fechada para o turismo desde março, e de mão de obra, muitos pontos comerciais não abriram as portas nesta segunda. As praias foram liberadas para uso dos moradores no dia 25 de maio.

Comentários para "Fernando de Noronha anuncia nova cura clínica e volta a zerar casos da Covid-19":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório