×
ContextoExato

FHC volta a defender renúncia de Bolsonaro: "Deixa o Mourão tomar conta"

FHC volta a defender renúncia de Bolsonaro: Foto: O Antagonista

“No caso do Moro, não me parece uma pessoa leviana. Agora ele terá que mostrar aquilo que disse”, afirmou.

O Antagonista - 28/04/2020 - 11:58:25

FHC voltou hoje a pedir a renúncia de Jair Bolsonaro.

“Entre o Bolsonaro e o Mourão, me parece, o Brasil fica mais tranquilo com Mourão”, disse o tucano em entrevista à Rádio Gaúcha. “Deixa o Mourão tomar conta.”

Segundo o ex-presidente, “o peso [do cargo] é muito grande para ele [Bolsonaro]”. “O melhor seria que ele tomasse juízo”, afirma.

Leia também: MORO FORA DO GOVERNO: NÃO ERA FAKE NEWS; É JORNALISMO

“O Brasil precisa de um rumo. É melhor ter um caminho do que não ter nenhum. […] Eu acho que está faltando no Brasil um sentimento de responsabilidade de estadista.”

FHC também falou sobre Sergio Moro, que deixou o Ministério da Justiça acusando Bolsonaro de tentativa de interferência na PF.

“No caso do Moro, não me parece uma pessoa leviana. Agora ele terá que mostrar aquilo que disse”, afirmou.

Comentários para "FHC volta a defender renúncia de Bolsonaro: "Deixa o Mourão tomar conta"":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório