×
ContextoExato

Brasil - Brasília - Distrito Federal - 18 de dezembro de 2018


Flamengo e Vitória empatam em jogo com gol relâmpago e polêmicas

Flamengo e Vitória empatam em jogo com gol relâmpago e polêmicas

Erros de arbitragem marcaram estreia de Leão e Rubro-Negro no Brasileirão de 2018; equipe carioca perdeu Éverton Ribeiro, expulso na 1ª etapa

Por Guilherme Padin / Do R7 / Foto: Fotos Públicas - 15/04/2018 - 11:43:37

Flamengo e Vitória se enfrentaram neste sábado (14), no Barradão, pela 1ª rodada do Campeonato Brasileiro, e ficaram no empate por 2 a 2. 

A partida foi marcada pelo gol relâmpago de Lucas Paquetá, aos 15 segundos de jogo, e por erros da arbitragem que prejudicaram ambos os lados.

Na próxima rodada do Brasileirão, no sábado, o Flamengo recebe o América-MG. No domingo, o Vitória visita o Atlético-MG.

Gol relâmpago e erros de arbitragem

A partida começou com um gol relâmpago do Flamengo.

Após passe de Vinícius Júnior, Lucas Paquetá chutou colocado e marcou o gol com 15 segundos de jogo.

A vantagem flamenguista, porém, durou pouco.

Aos nove minutos, após longo bate e rebate na área da equipe carioca, Rhayner chutou firme e a bola parou no rosto de Éverton Ribeiro, embaixo do travessão.

O árbitro compreendeu que Éverton Ribeiro defendeu com a mão, marcou o pênalti e deu o cartão vermelho ao meia.

Na cobrança, aos 12, Yago cobrou colocado, deslocou Diego Alves e empatou o jogo.

Aos 23, Lucas Paquetá fez jogada individual, avançou e chutou cruzado, mas Caíque defendeu bem.

Nove minutos depois, nova jogada individual de Paquetá. O jovem meia do Flamengo deixou a marcação para trás e rolou para Arão, que foi bloqueado pela zaga.

Aos 37, Denilson chutou de fora da área e Diego Alves defendeu. Cinco minutos depois, reclamação de pênalti no Fla. Rodinei recebeu passe na área, sentiu o contato da marcação e pediu a marcação da penalidade, mas o árbitro Wagner Reway mandou seguir. 

A etapa final quase teve mais um gol rápido. No primeiro mintuo, Uilian Corrêa recebeu passe na área e finalizou com precisão, mas Diego Alves fez ótima defesa.

Na sequência, Lucas Paquetá avançou em contra-ataque e passou para Vinícius Júnior, que chutou da entrada da área, mas a bola subiu e passou acima do travessão.

Aos 21, nova polêmica: Diego recebeu entrada por trás de Ramon na grande área e caiu pedindo pênalti, mas o árbitro novamente mandou seguir.

Mesmo com a desvantagem numérica, o Flamengo conseguiu voltar à frente do placar, mas com um novo erro da arbitragem.

Aos 27, Diego cobrou falta e, em posição de impedimento, Arão errou o cabeceio. Na sobra, Geuvânio cruzou para a pequena área e Réver completou de cabeça para marcar o gol.

Dois minutos depois, o Leão empatou: Rhayner recebeu passe pela direita e cruzou aberto. Denilson subiu no segundo andar para cabecear no canto e anotar o segundo tento do time baiano.

Aos 32, em falta pela esquerda, Diego tentou a cobrança direta e mandou por cima da barreira.

Comentários para "Flamengo e Vitória empatam em jogo com gol relâmpago e polêmicas":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório