×
ContextoExato
Responsive image

Força-tarefa do Ministério Público do DF em defesa do promotor Eduardo Gazzinelli​​​​​​​

Força-tarefa do Ministério Público do DF em defesa do promotor  Eduardo Gazzinelli​​​​​​​Foto: CorreioWeb

Um terço das demandas que chegam ao MPDFT é relacionada à covid-19​​​​​​​

Correioweb - 10/06/2020 - 07:38:55

A força-tarefa do Ministério Público do DF que acompanha as ações relacionadas à pandemia da covid-19 saiu em defesa do promotor de Justiça Eduardo Gazzinelli, que foi alvo de uma representação disciplinar protocolada pelo governador Ibaneis Rocha no Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP). Os promotores da força-tarefa esclarecem que a criação do grupo não usurpou a competência dos demais colegas em suas respectivas áreas de atuação. Ao inspecionar os leitos do hospital de campanha instalado no estádio Mané Garrincha, o promotor está, segundo a força-tarefa, agindo de acordo com a sua atribuição relacionada à defesa do patrimônio público. O grupo também afirmou que está colaborando com o GDF, num tratamento de respeito, e pediu reciprocidade.

Atuação destacada

O embate do governador Ibaneis Rocha com o promotor Eduardo Gazzinelli é também tratado em nota da Associação do Ministério Público do DF. “O Dr. Eduardo Gazzinelli Veloso exerce atribuições para a Defesa do Patrimônio Público e sempre teve atuação destacada e exemplar, sendo merecedor de todo respeito e consideração”, diz a nota.

Um terço das demandas que chegam ao MPDFT é relacionada à covid-19

Mais de um terço das dúvidas e reclamações que chegam ao Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT) estão relacionadas à covid-19. Desde o início da pandemia, a Ouvidoria do órgão recebeu 2.090 demandas da população, 35% a mais que o registrado no mesmo período do ano passado. Entre 6 de março e 31 de maio de 2020, chegaram 682 manifestações relacionadas ao novo coronavírus e às medidas que vêm sendo tomadas para contê-la. Dessas, 77% estão relacionadas a ações do poder público e 65% a providências sob responsabilidade do GDF: 28,5% dizem respeito à ausência ou insuficiência de medidas de combate à pandemia em órgãos públicos e em órgãos de saúde, 24% ao sistema penitenciário do DF e 14% ao retorno às aulas nas instituições de ensino locais. Do total, 12% são reclamações sobre o auxílio emergencial do governo federal.

As manifestações recebidas pela Ouvidoria são encaminhadas aos órgãos competentes, dentro do MPDFT ou externamente. As unidades que mais receberam demandas foram a Promotoria de Justiça de Defesa da Saúde (Prosus), que soma 123 contatos, à força-tarefa de combate à pandemia, com 119, e o Núcleo de Controle e Fiscalização do Sistema Prisional (Nupri), com 103.

Em dados proporcionais, Estrutural e Lago Sul lideram número de casos de covid

Ceilândia é a cidade com mais contaminações pelo novo coronavírus. Proporcionalmente ao número de habitantes, são 2.232 casos, segundo boletim da Secretaria de Saúde divulgado ontem. Mas proporcionalmente à população, a crise maior está em outros lugares. Estrutural é a região administrativa com maior índice de doenças: são 1.041 infectados a cada 100 mil moradores. Como Ceilândia, Estrutural está em restrição de circulação. O segundo local nesse ranking é o Lago Sul e em seguida aparece Sobradinho, onde está grande parte dos condomínios do DF, com, respectivamente 910 e 800 casos a cada 100 mil habitantes. Sinal de que o coronavírus está espalhado e não tem preferência por classe social. Na sequência, com 731, está o Paranoá. Ceilândia tem 503 casos a cada 100 mil habitantes.

Vizinhos

Do total de casos da covid-19 registrados no DF, 8% vêm de municípios do Entorno. São 1.293 dos vizinhos entre 16.344 infectados.

 (Facebook/Reprodução)

Luto na saúde

A servidora da saúde Vilza Souza Alencar, que morreu com suspeita de infecção pelo novo coronavírus, postou em maio uma mensagem sobre a pandemia. Um desenho de uma máscara e o texto: “Os olhos nunca precisaram ser tão sinceros”. Por causa da morte da funcionária da Unidade Básica de Saúde 7, de Taguatinga, o governador Ibaneis Rocha decretou luto de três dias no DF. Foi a primeira vítima da covid-19 entre servidores da saúde. Hoje há 995 contaminações entre os funcionários que atuam nessa área e 381 na segurança pública.

 (Ed Alves/CB/D.A Press)

Redução salarial nos três poderes

Desde o início da pandemia, a deputada Paula Belmonte (Cidadania-DF) tem defendido que os parlamentares reduzam seus salários como parte do esforço em obter recursos para o combate à covid-19. Ontem, a proposta da deputada ganhou o reforço do presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), que sugeriu ampliar a redução para os demais Poderes. “A redução salarial nos três Poderes é a oportunidade dos representantes do povo fazerem a vontade da população. A proposta do presidente Maia tem meu total apoio. Inclusive apresentei um projeto para reduzir, primeiramente, o salário dos parlamentares”, afirmou Paula.

Adeus, Bier!

E lá se vai na pandemia do novo coronavírus mais um restaurante que faz parte da história de Brasília. O Bier Fass, do Gilberto Salomão, há muito distante dos tempos áureos, mas ainda tradicional, vai fechar as portas. Quem de Brasília nunca comeu o famoso filet a parmegiana do Bier? Em crise, o restaurante segue o caminho do Piantella e do Fritz.

Siga o dinheiro

R$ 258.291,00

É o valor estimado pela Polícia Militar do DF para compra de 188 beliches e 300 armários roupeiros de aço com 4 portas para unidades da corporação.


Só papos

 (José Dias/PR)

“Para efeitos da pandemia, nós podemos separar o Brasil em Norte e Nordeste, que é a região que está mais ligada ao inverno do hemisfério Norte, são as datas do hemisfério Norte em termos de inverno, e ao Centro-Sul, Sudoeste, Centro-Oeste, que é o restante do país que está mais ligado ao inverno do hemisfério Sul”

Ministro da Saúde interino, Eduardo Pazuello

 (Marcelo Ferreira/CB/D.A Press)

“Conhecimento invejável de geografia desse senhor! Fantástico! Ainda bem que não é médico nem infectologista!”

Ex-procurador-geral da República Rodrigo Janot

Comentários para "Força-tarefa do Ministério Público do DF em defesa do promotor Eduardo Gazzinelli​​​​​​​":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório