×
ContextoExato

Contexto Exato

Brasil - Brasília - Distrito Federal - 30 de junho de 2022

G20 terá Brasil coadjuvante e 'guerra' entre EUA e China

G20 terá Brasil coadjuvante e 'guerra' entre EUA e ChinaFoto:

Líderes se reúnem entre sexta-feira e sábado em Buenos Aires

Da Redação / Do Notícias Ao Minuto, Com Informações Da Ansa / Foto: Yutaka Nagata / Onu - 30/11/2018 - 08:28:44

A pauta da sustentabilidade será outro ponto chave em discussão. O Brasil anunciou nesta quarta-feira (28) a retirada da candidatura para receber a COP-25, conferência climática das Nações Unidas para negociar a implementação do Acordo de Paris. O governo alegou "restrições fiscais" para justificar a desistência, mas Bolsonaro afirmou que pediu o cancelamento da candidatura por acreditar que os termos do acordo diminuiriam a soberania nacional e atrapalhariam o crescimento do país.

"Já há um efeito negativo fora do Brasil sobre a pauta da sustentabilidade, os países do G20 estarão olhando com muita cautela. Isso manda um sinal que você terá inimigos da mudança do clima em Brasília", diz Matias Spektor. O professor lembra que a oposição à pauta climática é alvo de resistência dentro de um dos setores que forma a base política do presidente eleito, que é o agronegócio, já que os produtores rurais sofrem resistência no mercado internacional caso não respeitem as bases dos acordos internacionais.

Turbulências

Antes de assumir o poder, Bolsonaro já causou turbulência em outras frentes, como nas relações com países árabes, que, juntos, são o segundo maior comprador de carne brasileiro e geram um superávit comercial de US$ 7 bilhões ao país. Ele anunciou a intenção e transferir a embaixada brasileira em Israel para Jerusalém, assim como já fizeram Estados Unidos e Guatemala. Após a declaração, o Egito cancelou uma visita oficial do atual ministro das Relações Exteriores, Aloysio Nunes Ferreira, alegando problemas de agenda. Nesta terça-feira (27), o filho de Bolsonaro, em visita aos Estados Unidos, reafirmou a mudança da representação diplomática, mas a decisão ainda não foi confirmada pelo presidente eleito.

A China, maior parceiro comercial do Brasil, também demonstrou preocupação com as posições do presidente eleito. Em editorial no jornal estatal "China Daily", em 1º de novembro, o governo afirma que as críticas de Bolsonaro [feitas durante a campanha eleitoral], associadas a uma política econômica protecionista [que não vem sendo sinalizada por Bolsonaro], podem custar caro à economia brasileira, que acaba de sair da pior recessão de sua história". O texto compara o presidente brasileiro eleito ao mandatário norte-americano, chamando Bolsonaro de "Trump Tropical".

Segurança

Após a confusão que causou o adiamento da final da Copa Libertadores da América entre River Plate e Boca Juniors, no último fim de semana, cresceu a preocupação com a segurança dos líderes internacionais que estarão em Buenos Aires por dois dias.

O G20 deve trazer mais de 10 mil pessoas para a cidade, entre delegações de governos, funcionários, empresários, representantes de entidades internacionais, governamentais e jornalistas. Haverá três anéis de segurança em volta do Costa Salguero, prédio que receberá as reuniões. Após as 15h desta quinta-feira (29), somente carros oficiais poderão ultrapassar os bloqueios. Pelo menos 33 protestos e eventos culturais estão planejados para os dias da cúpula. A preocupação fez com que o governo decretasse feriado em Buenos Aires nesta sexta-feira (30) e paralisasse o funcionamento do transporte público na cidade, afetando 12 milhões de argentinos.

O Aeroparque Jorge Newbery, aeroporto mais próximo ao centro de Buenos Aires, será fechado para voos comerciais, que serão concentrados no Aeroporto Internacional de Ezeiza. O governo federal mobilizará mais de 13 mil membros de suas forças de segurança como Exército, Polícia Federal e Polícia Aeroportuária. A prefeitura e a província de Buenos Aires destacarão nove mil policiais na operação. As forças argentinas trabalharão em conjunto com equipes de segurança norte-americanas, que fornecerão aviões, radares e embarcações militares.

Comentários para "G20 terá Brasil coadjuvante e 'guerra' entre EUA e China":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório
Desenvolvimento de energia renovável impulsiona China por metas de carbono

Desenvolvimento de energia renovável impulsiona China por metas de carbono

Até o final de maio deste ano, a capacidade instalada de energia renovável do país atingiu um novo recorde, ultrapassando 1,1 bilhão de quilowatts, observou o relatório.

G7 quer investir US$ 600 bilhões em programa mundial para conter avanço chinês

G7 quer investir US$ 600 bilhões em programa mundial para conter avanço chinês

No campo tecnológico, a iniciativa contempla o desenvolvimento e a expansão da tecnologia das comunicações e a informação trabalhando com "provedores confiáveis", que forneçam 5G e 6G, conforme apontou a Casa Branca.

Abuso de entorpecentes e tráfico têm impacto sobre crises humanitárias e de saúde

Abuso de entorpecentes e tráfico têm impacto sobre crises humanitárias e de saúde

Drogas ilegais apreendidas.

Suprema Corte dos EUA suspende legalização do aborto

Suprema Corte dos EUA suspende legalização do aborto

Decisão foi tomada por seis votos a três e abre margem para que estados possam vetar o procedimento.

China pede solidariedade e abertura à medida que o mundo enfrenta mudanças

China pede solidariedade e abertura à medida que o mundo enfrenta mudanças

A comunidade internacional deve defender a Carta das Nações Unidas e se esforçar para manter a paz em um mundo volátil, disse ele.

Vitória de Gustavo Petro fortalece avanço da esquerda na América do Sul

Vitória de Gustavo Petro fortalece avanço da esquerda na América do Sul

Segundo analistas, trata-se de uma "mudança de maré" provocada pelo descontentamento com governantes anteriores.

Major Carvalho, apelidado de 'Pablo Escobar' brasileiro, é preso na Hungria

Major Carvalho, apelidado de 'Pablo Escobar' brasileiro, é preso na Hungria

A Polícia Federal brasileira informou que a prisão decorreu das investigações desenvolvidas no âmbito da Operação Enterprise

Itamaraty parabeniza Gustavo Petro por vitória eleitoral na Colômbia

Itamaraty parabeniza Gustavo Petro por vitória eleitoral na Colômbia

Jair Bolsonaro na abertura do Fórum de Investimentos Brasil 2022, em 14 de junho de 2022 © Alan Santos / Palácio do Planalto / CCBY 2.0

222 milhões de crianças afetadas pela crise precisam urgentemente de assistência educacional

222 milhões de crianças afetadas pela crise precisam urgentemente de assistência educacional

A Educação Não Pode Esperar

Ball Corporation avança em investimentos na América do Sul com nova fábrica de latas de alumínio no Peru

Ball Corporation avança em investimentos na América do Sul com nova fábrica de latas de alumínio no Peru

A empresa, líder global em embalagens sustentáveis de alumínio, anunciou abertura que vai gerar mais de 100 empregos diretos e 300 indiretos.

ACNUR solicita apoio urgente para ajudar quase 16 mil pessoas forçadas a se deslocar em Burkina Faso

ACNUR solicita apoio urgente para ajudar quase 16 mil pessoas forçadas a se deslocar em Burkina Faso

Milhares de burquinenses que se deslocaram pelo massacre em Seytenga encontraram segurança além da fronteira com o Níger.