×
ContextoExato

Contexto Exato

Brasil - Brasília - Distrito Federal - 25 de janeiro de 2022

Governo federal lança a campanha de trânsito Maio Amarelo digital

Governo federal lança a campanha de trânsito Maio Amarelo digitalFoto: Marcello Casal JrAgência Brasil

O foco são os profissionais que prestam serviços essenciais ao país

Por Luciano Nascimento - Agência Brasil - Brasília - 01/05/2020 - 17:08:09

A campanha Maio Amarelo deste ano será voltada para os profissionais que prestam serviços essenciais ao país. Em razão da pandemia de coronavírus, em 2020 a campanha será totalmente digital com o tema “Perceba o risco, proteja a vida”. A iniciativa segue a orientação das autoridades para respeitar o distanciamento social.

De acordo com o Ministério da Infraestrutura, a campanha Maio Amarelo vai disponibilizar informações e orientações que auxiliem na proteção de “profissionais que precisam estar diariamente nas ruas para garantir a saúde e segurança da população e o abastecimento do país durante o enfrentamento ao coronavírus”

Ministério da Infraestrutura promove Maio Amarelo Digital

Campanha de conscientização sobre responsabilidade no trânsito terá como público-alvo profissionais que prestam serviços essenciais para o Brasil

Divulgação/Ministério da Infraestrutura

Com isso, as ações terão como foco caminhoneiros, taxistas, motoristas de aplicativo, motociclistas e ciclistas entregadores e também de profissionais de saúde como médicos e enfermeiros.

Redes sociais

A campanha será realizada por meio das redes sociais do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) e das instituições parceiras, como Ministério da Cidadania (Senapred), Ministério da Saúde (DASNT/SVS), DNIT, ANTT, PRF, Associação dos Detrans (AND), Organização Pan-Americana de Saúde (OPAS/OMS), Sest/Senat e Associação Brasileira de Medicina do Tráfego (Abramet), entre outras. O ministério informou ainda que as ações presenciais serão realizadas somente em setembro.

Além disso, durante todo o mês de maio, a Esplanada dos Ministérios e diversos órgãos públicos estarão iluminados na cor amarela, representando a atenção na sinalização de advertência no trânsito.

Maio Amarelo Kids

Também foi lançado um aplicativo chamado de Maio Amarelo Kids, que visa auxiliar crianças na educação de trânsito. O jogo está disponível gratuitamente nas lojas da App Store e Google Play para crianças de 7 a 14 anos.

Doação de sangue

Outra ação promovida pelo Maio Amarelo é a Campanha de Doação de Sangue, que será realizada com o objetivo de contribuir com o aumento do estoque de sangue no país, sendo que as doações serão feitas de forma controlada parar evitar aglomerações.

Foco da campanha

Em sua 7ª edição, a campanha do Maio Amarelo é focada na conscientização para redução de acidentes de trânsito e visa chamar a atenção da sociedade para o alto índice de mortos e feridos.

De 11 de março a 26 de abril, a PRF registrou uma redução de 26% no número de acidentes em todo o Brasil, se comparado ao mesmo período de 2019. Os registros caíram de 8.251 para 6.070. Os acidentes graves caíram de 2.084 no ano passado para 1.659 nesse período de pandemia, uma redução de 20%.O órgão registrou também uma queda de 29% no número de feridos, que passou de 9.435 para 6.708. Isso significa dizer que são 2.727 pessoas feridas a menos, que poderiam necessitar de atendimento hospital, e 2.727 leitos a mais para quem precisa ser tratado da COVID-19.

Apesar da redução nas estatísticas, a Polícia Rodoviária Federal reforça a importância da obediência às leis de trânsito já que de 11 de março a 26 de abril, foram registrados 552 óbitos nas estradas federais brasileiras. O número pe apenas 3% a menos do que o registrado em 2019.

* Colaborou Karine Melo

Comentários para "Governo federal lança a campanha de trânsito Maio Amarelo digital":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório
Há 13 anos no topo da lista, Brasil continua sendo o país que mais mata pessoas trans no mundo

Há 13 anos no topo da lista, Brasil continua sendo o país que mais mata pessoas trans no mundo

De outubro de 2020 a setembro de 2021 foram registrados 375 assassinatos no mundo, o que representa um aumento de 7% em relação ao ano anterior

Intolerância religiosa:

Intolerância religiosa: "Brasil vive negação de direitos", afirma especialista

Violência aumentou nos últimos anos e políticas de combate foram enfraquecidas

Garimpo ilegal em alta no PA: Lama escurece águas do

Garimpo ilegal em alta no PA: Lama escurece águas do "Caribe Amazônico" em Alter do Chão

Faixa de areia separa águas barrentas e claras no balneário turístico de Alter do Chão (PA)

Mais de 500 coletores de sementes atuam na recuperação da Amazônia e do Cerrado

Mais de 500 coletores de sementes atuam na recuperação da Amazônia e do Cerrado

Rede de Sementes do Xingu já recuperou mais de 6 mil hectares de floresta na bacia do rio Xingu e Araguaia

Desejos de Ano Novo: Fora Bolsonaro, Democracia e Justiça Ambiental para todos

Desejos de Ano Novo: Fora Bolsonaro, Democracia e Justiça Ambiental para todos

Em Minas Gerais, as fortes chuvas elevam o risco do rompimento de barragens com rejeitos da mineração, a exemplo do que aconteceu nas cidades de Mariana, em 2015, e de Brumadinho, em 2019

Primeira vacinada do Brasil deseja um 2022 com 100% vacinados e sem uso de máscara

Primeira vacinada do Brasil deseja um 2022 com 100% vacinados e sem uso de máscara

Mônica Calazans, enfermeira e primeira vacinada no Brasil

Brumadinho: Três anos depois, o que mudou ?

Brumadinho: Três anos depois, o que mudou ?

Fotografia tirada após o rompimento da barragem da Vale, em Brumadinho, que matou 272 pessoas

"A luta dos povos indígenas é uma luta válida e importante para todo o povo"

A Festa do Murici e Batiputá acontece entre os dias 12 e 15 de janeiro

Brasil precisará de um exército de profissionais agroflorestais para liderar a transição regenerativa no mundo

Brasil precisará de um exército de profissionais agroflorestais para liderar a transição regenerativa no mundo

Hoje a agricultura é considerada ainda uma vilã do clima e não resolve o problema da fome no mundo

Da escravidão à independência: Famílias conquistam renda com produção agroecológica de cacau

Da escravidão à independência: Famílias conquistam renda com produção agroecológica de cacau

Assentamento no sul da Bahia é tema do documentário Dois Riachões - Cacau e Liberdade

No Recife, crianças vacinadas contra a covid-19 ganham livro de presente

No Recife, crianças vacinadas contra a covid-19 ganham livro de presente

No Recife, quem recebe a vacina contra a covid leva um livro para casa