×
ContextoExato
Responsive image

Governo quer que Pazuello assine mudança no protocolo para depois escolher novo ministro da Saúde

Governo quer que Pazuello assine mudança no protocolo para depois escolher novo ministro da SaúdeFoto: Tribuna da Internet

Ministros da ala militar avaliam ser um perigo a decisão

Andréia Sadi - G1 / Tribuna Da Internet - 18/05/2020 - 18:33:48

Com a saída de Nelson Teich, o discurso no Palácio do Planalto é de que Jair Bolsonaro deve manter o general Eduardo Pazuello interino por um tempo para que o presidente escolha sem “açodamento” o novo ministro da Saúde.

Nos bastidores, porém, auxiliares do presidente admitem que a ideia é que Pazuello assine a mudança no protocolo da cloroquina — como quer Bolsonaro — pois o governo tem sido alertado de que nenhum médico de renome concordará com a ideia.

QUESTIONAMENTO – O protocolo deve ser questionado judicialmente. E se algum médico assinar pode responder no banco do conselho, segundo o blog apurou com especialistas da área da Saúde.

Ministros da ala militar — que defendem que Pazuello fique como secretário-executivo — foram procurados por parlamentares que avaliam ser um perigo a decisão de mudança de protocolo.

SEM BASE CIENTÍFICA – Além do risco para a saúde da população, afirmam que a decisão vai prejudicar a imagem das Forças Armadas, se um militar assinar uma mudança sem base científica; e agravar o ambiente político para o presidente no Congresso.

Mesmo assim, Bolsonaro quer seguir adiante com a cloroquina. Enquanto isso, o governo diz que procura um médico que “aguente a pressão” do cargo.

Comentários para "Governo quer que Pazuello assine mudança no protocolo para depois escolher novo ministro da Saúde":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório