×
ContextoExato

Contexto Exato

Brasil - Brasília - Distrito Federal - 30 de novembro de 2021

Governo vai acabar com taxa extra para voo internacional; tarifa de embarque cairá à metade

Governo vai acabar com taxa extra para voo internacional; tarifa de embarque cairá à metadeFoto: PEXELS

Informação foi dada pelo ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas

época Negócios Com Agência O Globo - 28/10/2019 - 14:01:40

O governo federal decidiu acabar com a uma taxa cobrada há 20 anos de passageiros brasileiros que voam para fora do país. O anúncio foi feito, nesta segunda-feira, pelo ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas. Na prática, a extinção dessa taxa deve fazer com que a tarifa de embarque internacional caia pela metade.

A taxa é uma cobrança adicional feita junto com a tarifa de embarque em voos internacionais nos principais aeroportos do país e equivale a US$ 18, independentemente do destino. Segundo o ministro, a taxa será eliminada “em breve”.— O adicional de tarifa de embarque para voos estrangeiros foi criado lá atrás para recompor a dívida mobiliária da União, e ficou, ele vai ser eliminado em breve — disse o ministro, após participar de um evento sobre aviação, em Brasília.

A taxa foi criada em 1999 e, atualmente, é uma das fontes de abastecimento do Fundo Nacional de Aviação Civil (FNAC), criado em 2011 para financiar melhorias na infraestrutura aeroportuária. Em 2018, o governo arrecadou, R$ 700 milhões com a cobrança. O ministro não informou como essa receita será compensada.Atualmente, incluindo o acréscimo de US$ 18, a taxa de embarque internacional vai de R$ 106,76 (aeroporto de Natal) a R$ 122,20 (Galeão). Uma parcela desse valor, de US$ 18, é transferida para o fundo de aviação civil. O restante fica com a empresa que administra o aeroporto e serve para remunerá-la pelos serviços prestados aos passageiros.

Com o fim da taxa extra os passageiros passariam a pagar somente a parte devida às empresas que administram os aeroportos. Isso significa que a tarifa de embarque cairia para a metade do preço. No Galeão, por exemplo, a tarifa de embarque para voos internacionais passaria de R$ 122,20 para R$ 56,40.A ideia é ampliar o leque de medidas de incentivo à atração de companhias aéreas de baixo custo (low cost) ao país. O governo quer atrair essas empresas também para voos domésticos e, com isso, reduzir o preço das passagens aéreas no Brasil.

Tarcísio disse também que a meta do governo é ampliar para 200 milhões o total de passageiros aptos a usarem o transporte aéreo no Brasil, em 200 localidades, até 2025. Hoje, são 120 milhões de passageiros em 140 localidades.— A nossa ideia é chegar a 200 milhões de passageiros em 200 localidades em 2025 com os investimentos que estão sendo gestados agora. Estamos transferindo aeroportos para a iniciativa privada, serão 41 até 2022. Vamos atingir 63 aeroportos concedidos. A gente está fazendo ainda diversos investimentos na aviação regional, dando mais conectividade ao país — afirmou.

Comentários para "Governo vai acabar com taxa extra para voo internacional; tarifa de embarque cairá à metade":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório
Endividamento das famílias atinge maior patamar em quase 12 anos, revela pesquisa

Endividamento das famílias atinge maior patamar em quase 12 anos, revela pesquisa

Desde julho, o percentual de endividados está há 11 meses em alta

Mais de 50% das instalações de painéis solares no Brasil é feita por financiamento

Mais de 50% das instalações de painéis solares no Brasil é feita por financiamento

Despesa com juros acaba sendo menor do que os gastos com energia elétrica, que não param de subir. Além disso, se encerra com a quitação

OMC cancela conferência Ministerial por causa de nova variante do coronavírus

OMC cancela conferência Ministerial por causa de nova variante do coronavírus

A decisão de suspende a principal cúpula do órgão foi tomada pelo seu conselho geral na noite de sexta-feira, 26, após alguns países imporem restrições de viagem que impedem que ministros cheguem ao encontro - inclusive a Suíça adotou medidas de restrição.

Black Friday da crise dá força a sites de produtos da China

Black Friday da crise dá força a sites de produtos da China

"Existe desconfiança do brasileiro em relação a efetividade das promoções da Black Friday no País. Com essa super digitalização do processo de compra, é mais fácil comparar e ver os preços que são praticados lá fora", diz a fundadora da Wiz & Watcher, Cíntia Gonçalves.

O impacto da Black Friday na indústria de iGaming no Brasil

O impacto da Black Friday na indústria de iGaming no Brasil

A Black Friday é um dos eventos mais relevantes do calendário comercial das empresas

Novo seguro contra hackers oferece proteção digital para pessoas e famílias

Novo seguro contra hackers oferece proteção digital para pessoas e famílias

Quem nunca teve seu computador infectado por um vírus ou recebeu mensagens e e-mails com links maliciosos?

Alto preço do combustível é 'puxado' pelo preço do barril do petróleo

Alto preço do combustível é 'puxado' pelo preço do barril do petróleo

A explicação, conforme a equipe de analistas do Sindifiscal/MS, está no 'Fator Petrobrás'

Empresas da Zona Franca de Manaus faturam R$ 116,59 bilhões em 2021

Empresas da Zona Franca de Manaus faturam R$ 116,59 bilhões em 2021

Resultado é do período de janeiro a setembro deste ano

Próximo sorteio no DF do Nota Legal será em 24 de dezembro

Próximo sorteio no DF do Nota Legal será em 24 de dezembro

Mais uma vez, serão distribuídos R$ 3 milhões em prêmios, que vão de R$ 100 a R$ 500 mil

Relação comercial Brasil-Reino Unido pós-Brexit: 'Há muito a explorar e a resgatar', diz economista

Relação comercial Brasil-Reino Unido pós-Brexit: 'Há muito a explorar e a resgatar', diz economista

Esta semana, o Reino Unido apresentou novas propostas para alavancar a economia, focadas no setor de exportações. A Sputnik Brasil conversou com analista para entender os novos planos e se o Brasil pode se beneficiar com os mesmos.

Setor de eventos e turismo prevê forte retomada para 2022

Setor de eventos e turismo prevê forte retomada para 2022

A previsão é de um acréscimo de 0.9% na comparação entre este ano e o ano passado.