×
ContextoExato

Idosos se sentem mais amados com um pet

Idosos se sentem mais amados com um petFoto: Reprodução

Animais de estimação ajudam pessoas mais velhas a lidarem com problemas como depressão, isolamento social e solidão

Por Cássia Caballero - Jornal Destak - 26/06/2019 - 21:08:46

A professora de História, Sandra Chagas, conta que quando sua mãe completou 74 anos de idade, ganhou um canário de presente do genro. "Eu não poderia imaginar a alegria dela com o bichinho. A primeira coisa que fazia quando acordava era cumprimentar o canário, trocar a água e a comida, e limpar a gaiola. Percebi que, além de ficar mais calma e alegre, ela se sentia útil cuidando dele".

Sandra estava certa ao perceber os benefícios que o animal de estimação trouxe à sua mãe idosa. Uma pesquisa sobre o envelhecimento feita pela Universidade de Michigan, nos Estados Unidos, revelou que 90% dos idosos que têm pássaros, cães ou gatos disseram que o animal os ajuda a se sentirem mais amados, 80% garantem que estão menos estressados e para 60%, os bichos ajudam a lidar com problemas como depressão, isolamento social e solidão.

Não é novidade para estudiosos do assunto que o convívio do idoso com animais traz muitos benefícios não apenas para a saúde mental, mas também para a física, já que, em muitos casos, o idoso é obrigado e se movimentar para cuidar do bicho. Quando o pet é um cachorro e o idoso tem possibilidade de se locomover, podendo levar o animal para passear, os benefícios físicos são ainda maiores.

Na hora de escolher um pet para o idoso, é preciso avaliar a rotina da pessoa e se ela será capaz de cuidar sozinha do animal ou se precisará de ajuda. Com o animal certo, logo o idoso se mostra mais ativo, feliz e tranquilo.

Cães

Os cães necessitam de muitos cuidados, como levar para passear, tomar banho, tosar o pelo e limpar a sujeira. Por isso, o idoso precisa ser capaz de fazer tudo isso ou contar com a ajuda de outra pessoa. O cachorro é, com certeza, uma ótima companhia e um excelente remédio para a solidão. Sua energia ajuda seu dono a se movimentar, o que pode ser muito saudável. Eles também sabem, por instinto, quando precisam ser cuidadosos nas brincadeiras com crianças e velhinhos. Será uma relação com muito amor envolvido.

Pássaros

Os pássaros são indicados para idosos com pouca mobilidade porque os cuidados são simples e eles não exigem muita atenção. São alegres, divertidos e ainda cantam para alegrar o dia do idoso, que se sentirá útil cuidando deles, e ainda pode se distrair ensinando o filhotinho a cantar.

Gatos

Por ser um animal mais independente e que requer poucos cuidados, os gatos são perfeitos para idosos. Uma caixa de areia, água, ração e alguns brinquedinhos já são suficientes, sem contar que os gatos são muito higiênicos. Mesmo sendo independentes, os gatos sabem demonstrar amor e carinho e também são ótimas companhias. O jeito que ele tem de chegar mansinho e se aninhar no colo do seu dono, deixa os velhinhos encantados.

Peixes

Idosos estressados e peixes são uma combinação perfeita. Admirar os bichinhos nadando em um aquário é extremamente relaxante. O tempo disponível do idoso irá ajudá-lo a descobrir que os peixes sabem, sim, interagir com humanos e que ainda fazem algumas gracinhas quando estimulados. É possível que o idoso precise de ajuda para cuidar do tanque, mas eles se distraem muito colocando comida para os peixes. E se surgir algum problema naquela dinâmica aquática, pode ter certeza de que o idoso irá perceber e dar o alarme.

Comentários para "Idosos se sentem mais amados com um pet":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório
...