×
ContextoExato

Brasil - Brasília - Distrito Federal - 17 de novembro de 2018


Iniciativa mostra como aproveitar alimentos que seriam descartados

Iniciativa mostra como aproveitar alimentos que seriam descartados

A dupla, que forma o Double Chefs, vai preparar pratos com alimentos que seriam descartados na própria Ceasa.

Rogério Ippoliti / Da Emater - Df, Com Inofrmações Da Ascom Mma / Foto: Divulgação / Emater - 08/11/2018 - 10:29:50

No próximo sábado, a Ceasa/DF se transforma em palco de boas práticas em relação ao uso e aproveitamento de alimentos. Diversos parceiros se juntam ao Ministério do Meio Ambiente (MMA) no encerramento da Semana Nacional de Conscientização sobre Perdas e Desperdícios de Alimentos 2018, iniciada na segunda-feira (5). Entre os destaques, os chefs de cozinha Fernando Souza e Fábio Marques (foto), do projeto Desafio da Xêpa – Do Lixo ao Luxo.

A dupla, que forma o Double Chefs, vai preparar pratos com alimentos que seriam descartados na própria Ceasa. “Vamos mostrar todo o processo: do pré-preparo até o resultado final. Assim, as pessoas poderão acompanhar como aproveitar melhor os alimentos, sem desperdício. É, antes de tudo, um ato de amor”, afirma Fernando, acrescentando que o projeto nasceu nas visitas que os dois chefs faziam à Ceasa.

“Sempre que vamos ao local, vemos que muitos alimentos acabam indo para o lixo. Surgiu então a ideia da iniciativa para promover a conscientização que todos nós precisamos ter. Não é possível jogar tanto alimento fora, pois muitas pessoas passam fome. Resolvemos unir a nossa profissão e o combate ao desperdício”, explica Fábio. Ele finaliza dizendo que muitas vezes as pessoas não têm noção do que pode ser feito com os alimentos que seriam descartados.

ABÓBORAS

A Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Distrito Federal (Emater-DF) participa do evento com a elaboração de dois pratos à base de abóbora. “São receitas rápidas, de 30 minutos, e o foco é mostrar o aproveitamento integral do alimento”, afirma Flávio Bonesso Pinheiro, técnico em Agroindústria da Emater-DF. Além disso, a Fundição Progresso, do Rio de Janeiro, também integra a ação com comidas à base de Plantas Comestíveis Não Convencionais, as PANCs, que serão preparadas feitas na hora.

Quatro tendas do MMA serão erguidas na Ceasa/DF com material educativo sobre boas práticas. O objetivo da Semana é aumentar a compreensão e fortalecer a ação de todos os setores da sociedade, desde os produtores agrícolas, passando pela indústria alimentícia, comércio e varejo, pesquisa e inovação, até os consumidores, para reduzir perdas e desperdícios de alimentos em toda a cadeia produtiva e de consumo.

“As perdas estão sendo vistas pelos produtores e distribuidores porque representam prejuízo para eles. O que precisamos fazer agora é chamar a atenção dos consumidores para evitar o desperdício dentro de casa”, destaca a secretária de Articulação Institucional e Cidadania Ambiental do MMA, Rejane Pieratti.

Orientações sobre planejamento de compras, reaproveitamento de toda a sacola da feira e de todas as partes do alimento, conservação e durabilidade, entre outras informações, estão disponíveis no hotsite da Semana Nacional de Conscientização sobre Perdas e Desperdícios de Alimentos 2018.

 Clique aqui para acessar

DESPERDÍCIO

No mundo, a estimativa é de que a cada ano se perde aproximadamente 1,3 bilhão de toneladas de alimentos. Isso representa mais de 30% de toda produção mundial de alimentos para consumo humano. No Brasil, segundo dados das Nações Unidas, em 2013, 26,3 milhões de toneladas de alimentos disponíveis foram perdidas. Produtos como arroz, milho, tomate e cebola são os mais desperdiçados no país.

O tema é de fundamental importância humanitária em todo o mundo e foi incorporado à Agenda 2030 pelo Objetivo do Desenvolvimento Sustentável 12.3, que coloca o desafio global de reduzir o desperdício de alimentos diante do desafio de contribuir para a erradicação da fome no mundo presente no ODS 2, retratada no Mapa da Fome monitorado pela Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação (FAO).

Comentários para "Iniciativa mostra como aproveitar alimentos que seriam descartados":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório