×
ContextoExato

Contexto Exato

Brasil - Brasília - Distrito Federal - 27 de junho de 2022

Ipea prevê crescimento do PIB de 2,7% e inflação em 4,1% em 2019

Ipea prevê crescimento do PIB de 2,7% e inflação em 4,1% em 2019Foto:

Estudo divulgado nesta quinta-feira (20) analisa cenários fiscais com alterações na Previdência e no salário mínimo, entre outras, e traz ainda projeções do PIB 2018 e 2019.

Da Assessoria De Imprensa E Comunicação / Do Ipea / Foto: Rodrigo Czekalsk I/ Daf Caminhões / Fotos Públicas - 22/12/2018 - 19:20:00

O ajuste fiscal pode ser feito por meio de contenção do crescimento dos gastos públicos. A redução anual pode chegar a cerca de R$ 100 bilhões em 2022, com reformas que reduzam o crescimento das despesas obrigatórias do governo federal. Para isso, além das alterações na Previdência em tramitação no Congresso Nacional, são necessárias mudanças na regra de reajuste do salário mínimo – a regra atual vai expirar em 2019 –, na recomposição de servidores públicos aposentados e no abono salarial. Os cálculos feitos pelo Grupo de Conjuntura do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) foram divulgados nesta quinta-feira, 20.

A análise também prevê crescimento de 2,7% do PIB em 2019 se ocorrerem reformas que viabilizem o equilíbrio das contas públicas no médio prazo. “A Previdência é o principal item de despesa do governo, porque ela tem um crescimento projetado explosivo, ao contrário de outros que se mantêm sob controle”, informa o diretor de estudos e políticas macroeconômicas do Ipea, José Ronaldo de Souza Jr.

Segundo o documento, o PIB deve fechar 2018 com crescimento de apenas 1,3%, bem abaixo do esperado pela maioria dos analistas no início do ano. A alta deve ser de 0,8% na indústria, 0,6% na agropecuária e de 1,4% em serviços. O investimento previsto no setor industrial é de 4,4%. O consumo das famílias deve expandir 1,9%, ao passo que o consumo do governo deve permanecer praticamente estagnado. Já as exportações líquidas devem apresentar contribuição negativa para a expansão do PIB, com as importações crescendo substancialmente mais que as vendas externas.

O estudo traz, ainda, estimativas da economia agrícola. De acordo com o Ipea, o PIB agropecuário deve crescer 0,6% em 2018 e 0,9% em 2019, com base no prognóstico do IBGE. Quando utilizados dados da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) o crescimento previsto sobe para 2% em 2019.

A inflação deve ficar em 4,1% em 2019 – abaixo da meta de 4,25% -, em parte devido ao elevado grau ocioso da economia. O Indicador Ipea de Hiato do Produto aponta para um produto potencial 3,4% acima do PIB, porém essa ociosidade pode se reduzir para algo em torno de 1,3% no 4º trimestre de 2019. “Nessas condições, o Banco Central poderia dar início a um processo de elevação gradual da meta da taxa Selic já no final de 2019, ou no início de 2020”, sugere o estudo. As projeções estão condicionadas a um cenário com ajuste fiscal promovido de forma relativamente rápida pelo novo governo, a ser empossado em 2019.

Acesse a Seção Visão Geral


Acesse a Seção Economia Agrícola

Acesse a Seção Atividade econômica: indicadores mensais


Comentários para "Ipea prevê crescimento do PIB de 2,7% e inflação em 4,1% em 2019":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório
Logística verde reduz em 21% a emissão de gases de efeito estufa

Logística verde reduz em 21% a emissão de gases de efeito estufa

Agropalma implementa caminhão movido a gás natural em sua operação

Mercado de vinhos no país registra alta no primeiro quadrimestre do ano

Mercado de vinhos no país registra alta no primeiro quadrimestre do ano

Empresa registrou um mix de vendas estável em relação ao mesmo trimestre de 2021, com as categorias premium Principal e Invest respondendo por metade das receitas (49,9%).

Portal Solar Franquia planeja selecionar mais 200 unidades este ano

Portal Solar Franquia planeja selecionar mais 200 unidades este ano

Rede de microfranquias participa da feira de franchising ABF Expo 2022

Vivalá lança expedições de Volunturismo nas áreas de saúde, educação, meio ambiente e bioeconomia na Amazônia

Vivalá lança expedições de Volunturismo nas áreas de saúde, educação, meio ambiente e bioeconomia na Amazônia

Expansão faz parte da estratégia da organização em gerar cada vez mais impacto socioambiental positivo nos biomas e em comunidades tradicionais brasileiras.

Inscrições para o edital Revista TODOS Drogasil são prorrogadas para terça-feira

Inscrições para o edital Revista TODOS Drogasil são prorrogadas para terça-feira

Programa vai financiar ONGs de saúde com até R$ 500 mil, totalizando um investimento de até R$ 3,7 milhões

Mês do Meio Ambiente: Evento discute logística reversa na indústria farmacêutica

Mês do Meio Ambiente: Evento discute logística reversa na indústria farmacêutica

O evento, que serve ainda para celebrar o 50º aniversário da Conferência de Estocolmo e acelerar os esforços para cumprir a Agenda de 2030

Mastercard celebra o mês do orgulho LGBTQIA+ no metaverso

Mastercard celebra o mês do orgulho LGBTQIA+ no metaverso

A Mastercard participa pela primeira vez como patrocinadora oficial da Parada do Orgulho LGBTQIA+ de Decentraland Mastercard Pride Plaza, um espaço desenvolvido na Decentraland que sediará experiências que não têm preço.

Produção nacional de azeite já é recorde em 2022

Produção nacional de azeite já é recorde em 2022

Além disso, olivicultores das duas principais regiões produtoras do país, Rio Grande do Sul e Serra da Mantiqueira, após uma década de produção, já podem lidar com oliveiras mais desenvolvidas, que produzem mais frutos por pé

Feira reúne empreendedores do setor de reciclagem da América Latina

Feira reúne empreendedores do setor de reciclagem da América Latina

A 12ª Edição da Exposucata, que acontece no São Paulo Expo, de 12 a 15 de junho, reúne os principais fornecedores de tecnologia para este mercado

‘O seguro não precisa ser chato, pode ser sexy’, afirma CEO da Porto

‘O seguro não precisa ser chato, pode ser sexy’, afirma CEO da Porto

“O seguro pode ser pop. Acreditamos que há um espaço para isso”, afirma. “Estamos até conseguindo atrair talentos que estão vendo que o seguro não precisa ser um troço chato, mas até sexy.”

Com energia solar em crescimento,

Com energia solar em crescimento, "marketing verde" entra como ponto fundamental no planejamento estratégico das empresas

Empresas que estão conectadas com o coletivo estão um passo à frente, afirma Saulo Camelo