×
ContextoExato

Brasil - Brasília - Distrito Federal - 23 de outubro de 2018


Japão: onda de calor mata 138 pessoas e leva 70 mil a hospitais

Japão: onda de calor mata 138 pessoas e leva 70 mil a hospitais

Segundo a agência, só até o último domingo (5), foram 13 mil pessoas encaminhadas aos hospitais por insolação, das quais 13 morreram e mais de 4,3 mil ficaram internadas.

Da Redação / Da Agência Brasil, Com Informações Da Nhk, Agência Pública De Notícias Do Japão, E Prensa Latina, Agência Pública De Cuba / Foto: Pública - Pixabay - 08/08/2018 - 09:39:41

A onda de calor no Japão já matou 138 pessoas e afetou a vida de mais de 70 mil que foram levadas a hospitais com sintomas de insolação. A Agência de Gestão de Incêndios e Desastres informou que o número de vítimas é o maior registrado em um único ano. A maior parte dos afetados tem mais de 65 anos.

Desde abril, quando as temperaturas começaram a subir no país, ultrapassando 40 graus Centígrados  (ºC), a agência informou que 71.266 pessoas foram hospitalizadas. O número é quase o dobro do registrado em período semelhante do ano passado.

Segundo a agência, só até o último domingo (5), foram 13 mil pessoas encaminhadas aos hospitais por insolação, das quais 13 morreram e mais de 4,3 mil ficaram internadas. 

O Ministério de Assuntos Internos dá uma série de recomendações, como evitar exposição ao sol e tomar bastante líquido.

As autoridades advertem que os idosos precisam ter mais cuidado, pois podem ficar desidratados sem perceber. A orientação é que as pessoas chamem uma ambulância rapidamente se virem alguém tendo uma convulsão ou perdendo a consciência.

Comentários para "Japão: onda de calor mata 138 pessoas e leva 70 mil a hospitais":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório