×
ContextoExato

Contexto Exato

Brasil - Brasília - Distrito Federal - 17 de outubro de 2021

Ministro Rogerio Marinho mira no Senado e distribui tratores

Ministro Rogerio Marinho mira no Senado e distribui tratoresFoto: Governo Federal

Procurado pela reportagem, o Ministério do Desenvolvimento Regional disse que

Estadão Conteúdo - 24/09/2021 - 18:28:49

O ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho, marcou uma viagem ao Rio Grande do Norte, seu reduto eleitoral, para lançar a candidatura ao Senado e distribuir tratores e caminhões comprados com recursos do orçamento secreto. A agenda dupla começará, no domingo, em Caraúbas, num evento privado com prefeitos, onde dará largada à pré-campanha e terminará, na segunda-feira, em Mossoró, numa solenidade oficial da pasta, em que doará máquinas pesadas a 39 municípios potiguares. A realização dos atos, em sequência, é questionada por opositores como abuso de poder político.


As prefeituras beneficiadas com os equipamentos correspondem a quase um quarto da totalidade de municípios do Estado, reduto eleitoral de Marinho. Os demais municípios ainda receberão equipamentos em outras ocasiões, segundo relatou ao Estadão o presidente da Federação dos Municípios do Rio Grande do Norte, Anteomar Pereira da Silva, o Babá, prefeito de São Tomé, do partido Republicanos. "Desde abril que a gente foi procurado pelo Ministério do Desenvolvimento Regional para ajudar nessa logística dos municípios, entendeu? Nessa parceria, 166 municípios irão receber um equipamento pelo MDR. Todos do Estado. O fortalecimento dos municípios é muito importante", afirmou Babá, que estará nos eventos do domingo e da segunda-feira.



Os recursos para a compra dos tratores vieram da emenda do relator-geral do orçamento, o chamado orçamento secreto - um esquema criado pelo presidente Jair Bolsonaro para troca de apoio político. O dinheiro é distribuído, em especial, para parlamentares, sem que seus nomes sejam informados. O repasse para as prefeituras do Rio Grande do Norte foi formalizado por meio do Termo de Execução Descentralizada (TED) nº 150, de 2020, celebrado entre a pasta e a Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf).


Apesar do ministro Rogério Marinho ter dito que quem comanda as emendas de relator-geral é o Congresso, a reportagem teve acesso a uma planilha interna do Ministério do Desenvolvimento Regional que diz que o TED n.º 150 corresponde ao "GM". Segundo fontes ouvidas pelo Estadão, GM quer dizer "Gabinete do Ministro". Não por acaso, todos os R$ 26 milhões deste TED têm como destino o seu estado de origem.



Como o Estadão mostrou em junho, o gabinete de Marinho empenhou R$ 88 milhões em recursos do orçamento secreto para a compra de 90 tratores, nove motoniveladoras e 12 pás carregadeiras para o Rio Grande do Norte, por meio da Codevasf. Além de máquinas, os investimentos vão para pavimentação, compra de máquinas, perfuração de poços artesianos e implantação de sistema de abastecimento de água em vilas. Conforme o jornal mostrou também em maio, depois que Rogério Marinho assumiu a pasta em fevereiro de 2020, as verbas destinadas ao Estado natal do ministro cresceram 223% na comparação com 2019.


É nesse contexto que Marinho pretende concorrer ao Senado Federal em 2022, tendo se fortalecido no contexto interno. Nas eleições em 2018, sequer chegou a ser eleito deputado federal. Ficou como suplente. Mas agora tem a adesão de prefeitos atendidos pelos recursos do orçamento secreto para formar um arco de aliança para o próximo ano eleitoral.



A correlação entre o evento privado e a entrega pública de máquinas foi feita pelo jornalista Dinarte Assunção, em seu blog. O jornalista publicou uma frase de Rogério Marinho dizendo que se lançará candidato no evento em Caraúbas (RN). "Vamos conversar com o nosso grupo político e se posicionar como candidato. Vamos largar…", afirmou o ministro, segundo o blog.



Procurado pela reportagem, o Ministério do Desenvolvimento Regional disse que "a agenda do próximo domingo, dia 26 de setembro, é pessoal, já estava programada com antecedência e foi organizada pelo grupo político de Rogério Marinho no estado". A nota da assessoria diz que "eventuais eventos de apoio no Rio Grande do Norte não possuem vínculo com o MDR, não envolvem recursos públicos e devem ser apurados junto a lideranças políticas locais".



A assessoria do ministro disse também que o ministro Rogério Marinho viajará para o Rio Grande do Norte em voo de carreira comprado no dia 16 de setembro e pago com recursos próprios. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.



fonte: Estadão Conteudo


Comentários para "Ministro Rogerio Marinho mira no Senado e distribui tratores":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório
A contragosto, governo vê Câmara aprovar verba de R$ 234 mi para combater covid entre indígenas

A contragosto, governo vê Câmara aprovar verba de R$ 234 mi para combater covid entre indígenas

Indígenas são mais suscetíveis a doenças infectocontagiosas, por isso a pandemia ampliou as ameaças que circundam o segmento

Mais de 200 entidades lançam documento rejeitando MP que extingue Bolsa Família e PAA

Mais de 200 entidades lançam documento rejeitando MP que extingue Bolsa Família e PAA

A MP significa o fim do PAA, instrumento que permite que o poder público adquira a produção de alimentos da agricultura familiar camponesa e doe para instituições que atendem população em situação de vulnerabilidade

Governo não renovará operação das Forças Armadas na Amazônia, diz Mourão

Governo não renovará operação das Forças Armadas na Amazônia, diz Mourão

Mesmo com o fim da operação de Garantia da Lei e da Ordem (GLO), militares continuarão a dar apoio logístico, disse o vice-presidente.

PF desarticula contrabando de ouro de terras indígenas venezuelanas

PF desarticula contrabando de ouro de terras indígenas venezuelanas

Operação La Cadena cumpre 40 mandados de prisão, busca e apreensão

Covid pode ter afetado 'cérebro' de Ciro Gomes, diz Lula após pedetista atacar Dilma Rousseff

Covid pode ter afetado 'cérebro' de Ciro Gomes, diz Lula após pedetista atacar Dilma Rousseff

'Vou decidir no ano que vem', diz Lula sobre ser candidato

"O mundo perdeu a admiração pelo Brasil", diz Gilberto Gil

Um dos maiores artistas da MPB e ex-ministro da Cultura lamentou o retrocesso nacional

Após leilão fracassado, oferta permanente de petróleo é

Após leilão fracassado, oferta permanente de petróleo é "ameaça eterna" em Fernando de Noronha

O arquipélago de Fernando de Noronha é considerado Patrimônio Mundial Natural pela UNESCO desde 2001

Xuxa chama Bolsonaro de 'genocida' e pede que apoiadores deixem de segui-la no Instagram

Xuxa chama Bolsonaro de 'genocida' e pede que apoiadores deixem de segui-la no Instagram

“E você que é a favor da vida, assine o impeachment agora”, completou a apresentadora, ao compartilhar vídeo em que Bolsonaro reclamava por não ter conseguido ver o jogo do Santos por não estar vacinado

Ciro fala em conspiração de Lula por impeachment de Dilma, que o acusa de mentir

Ciro fala em conspiração de Lula por impeachment de Dilma, que o acusa de mentir

Em entrevista ao podcast Estadão Notícias, Ciro lembrou que nomes com os quais Lula ensaia uma reaproximação política hoje, como os emedebistas Renan Calheiros e Eunício Oliveira, patrocinaram a deposição de Dilma, tratada pelo PT como golpe.

Fascismo está na raiz do bolsonarismo, diz coordenador do Observatório da Extrema Direita

Fascismo está na raiz do bolsonarismo, diz coordenador do Observatório da Extrema Direita

Bolsonaro usou uma série de símbolos ligados ao integralismo em seu governo, como o slogan "Deus, Pátria e Família"

Invasão de guerrilheiros e atenção de 'países poderosos' na Amazônia ameaçam soberania do Brasil?

Invasão de guerrilheiros e atenção de 'países poderosos' na Amazônia ameaçam soberania do Brasil?

A Polícia Federal confirmou que estrangeiros suspeitos de ligação com dissidência das Farc estão entrando em território brasileiro devido ao avanço do garimpo ilegal de ouro. A Sputnik Brasil conversou com um especialista em questões de Defesa e Segurança para saber o que está por trás desta