×
ContextoExato

Contexto Exato

Brasil - Brasília - Distrito Federal - 17 de janeiro de 2022

MST produz álcool 70% para abastecer centros de saúde em município de SC

MST produz álcool 70% para abastecer centros de saúde em município de SCFoto: Arquivo pessoal

Em Curitibanos, assentados destilam a substância com equipamento utilizado para a produção de cachaça artesanal

Lu Sudré - Brasil De Fato | São Paulo (sp) - 30/03/2020 - 06:33:26

Agricultores do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) produziram álcool 70% para a rede pública de saúde em Curitibanos, no estado de Santa Catarina. A produção piloto da iniciativa aconteceu na última terça-feira (24), em resposta ao desabastecimento do produto no município.

De acordo com informações divulgadas pela Secretaria de Saúde do Estado nesta quinta-feira (26), 149 catarinenses testaram positivo para a covid-19.

Em meio ao preocupante cenário, a utilização do álcool 70% tem sido amplamente indicada para higienização pessoal e limpeza de espaços coletivos como forma de conter a transmissão do novo coronavírus.

::China tem muito a ensinar, dizem imigrantes brasileiros sobre luta contra coronavírus::

Porém, no início da semana, o município de Curitibanos possuía apenas álcool 46% em suas prateleiras.

Foi então que o químico Cristian Soldi, professor da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), teve a ideia de transformar os produtos disponíveis em álcool 70% por meio da destilação, já que a capacidade de higienização com essa concentração é maior.

Sabendo que os agricultores do Assentamento 1º de Maio possuíam uma destilaria para a produção de cachaça artesanal, o maquinário adequado para que o álcool mais concentrado fosse produzido, o docente fez o convite aos assentados, que prontamente se colocaram à disposição.

::Descontrole sobre epicentros agrava exposição do Brasil à covid-19, diz pesquisador::

Soldi explica que a técnica de destilação consiste em um processo de separação de substâncias líquidas com diferentes pontos de ebulição.

“A ideia é que separemos a água do álcool. Tiramos a água que está na solução de 46% e aumentamos a concentração de álcool etílico. E para isso usamos um destilador, e eles [assentados] possuem um destilador de fluxo contínuo”, afirma o químico.

O assentado Lulis Girotto se orgulha do resultado que a primeira produção rendeu: Em uma hora, com 76 litros de álcool 46%, foram produzidos 30 litros de álcool 70 % líquido, destinados à higienização de superfícies e ambientes hospitalares.

::Quais os direitos dos trabalhadores diante da pandemia do coronavírus?::

“Nos sentimos muito felizes por estar contribuindo nesse momento difícil pelos quais as pessoas estão passando. E os responsáveis por essas instituições estão apurados para conseguir atender as demandas. É um momento muito especial para nós”, conta o produtor, que disponibilizou a máquina e a mão de obra de forma voluntária. Já as unidades de álcool 46% foram fornecidas pela prefeitura.

Família Girotto se orgulha da primeira produção de álcool 70% durante a pandemia da covid-19 / Foto: Arquivo Pessoal

Girotto aponta que o Brasil está entre os países com as maiores produções de álcool do mundo, a partir das plantações de cana-de-açúcar, e que não faz sentido algumas cidades não abastecidas com os produtos durante a pandemia.

“Se tivéssemos um governo preocupado com esse problema, fazia uma solicitação e a indústria, produzindo álcool durante meio dia, atende o Brasil. Nós, com um mini destilador, conseguimos solucionar o problema por alguns dias para postos de saúde de um município com mais de 50 mil habitantes”, aponta.

::Diante de quarentena, declarações de empresários dão o tom de ameaça a funcionários::

Perspectivas

Até o momento, apenas os 30 litros da produção teste foram entregues à prefeitura. Mas Girotto garante que, se depender dele e de sua família, não faltará álcool 70% em Curitibanos.

Os agricultores do Assentamento 1º de Maio, que possui 30 unidades de produção, também contam com o auxílio de técnicos da Empresa de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural de Santa Catarina (Epagri) para a produção da cachaça artesanal e, agora, para as adaptações que forem necessárias para a produção do álcool 70%.

::Na periferia de São Paulo, empresas abrem no primeiro dia de quarentena::

“Vamos fazer uma remessa mais significativa para garantir ao menos para as nossas unidade de saúde”, planeja Girotto.

Equipamento de destilação responsável por transformar o álcool 46% em álcool 70% / Foto: Cristian Soldi

O químico Cristian Soli afirma que, após a primeira leva dos produtos, uma empresa já manifestou interesse para uma nova parceria com o assentamento, que está sendo afinada com a prefeitura.

::Saiba onde encontrar informações verdadeiras e oficiais sobre o coronavírus::

“É um equipamento muito bom. Conseguimos trabalhar o tempo inteiro, sem parar. É só alimentar o equipamento com álcool 46%. Nos nossos cálculos, é possível produzir em torno de 200 litros por dia de álcool 70%, se tivermos o 46% disponível”, diz o docente.

Ele destaca a importância de parcerias entre instituições públicas como a UFSC, Epagri e prefeitura no combate à pandemia.

::Coronavírus: o que deve fazer quem está em grupos de risco::

“Existe uma grande diversidade de conhecimento, então podemos nos unir e trabalharmos juntos, em diferentes áreas, para controlarmos essa situação. Os centros de saúde necessitam desse material porque médicos e enfermeiros estão em contato direto com os pacientes. Nesse momento emergencial é importante a união entre as instituições públicas e com quem tem experiência em produzir, no caso do álcool, os produtores rurais. Eles são a parte mais importante do processo”, ressalta.

O docente comenta que, caso a iniciativa cresça, é justa a remuneração da mão de obra dos assentados que participam do projeto e estão dedicando seu tempo para dar suporte à saúde pública.

::Medicamento cubano é produzido na China para enfrentar surto de coronavírus::

Para o agricultor Lulis Girotto, a parceria explicita a importância das universidades públicas e da pesquisa brasileira em momentos de crise.

“Se não tivéssemos essa unidade da universidade aqui [em Curitibanos], não estaríamos produzindo esse álcool e estaríamos perecendo com a falta do produto. E isso é um resultado do trabalho da universidade. E nosso, da reforma agrária, que conquistamos a terra e lutamos por tanta coisa”, conclui.

Edição: Leandro Melito


Comentários para "MST produz álcool 70% para abastecer centros de saúde em município de SC":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório
Cultura popular é tema de festival; confira outras atrações

Cultura popular é tema de festival; confira outras atrações

Boi do Seu Teodoro é homenageado no Festival Via Satélite

Colônia de Feras do Zoológico de Brasília foi cancelada

Colônia de Feras do Zoológico de Brasília foi cancelada

Anteriormente programado para o período de 18 a 28 deste mês, evento foi suspenso por causa da covid-19

Eduardo e Mônica se amam no Cine Brasília

Eduardo e Mônica se amam no Cine Brasília

“Eduardo e Mônica” recebeu o prêmio de “Melhor Filme Estrangeiro” no Festival de Cinema de Edmonton, no Canadá, que tradicionalmente seleciona filmes que se credenciam ao Oscar de Melhor Filme Estrangeiro

Cartilha orienta sobre quesitos cor, raça e etnia

Cartilha orienta sobre quesitos cor, raça e etnia

Dados coletados deverão ser enviados periodicamente à Sejus, pasta responsável pelas ações de promoção da igualdade racial no DF

Espetáculo ‘Dança, Brasília, Dança’ estreia no Youtube

Espetáculo ‘Dança, Brasília, Dança’ estreia no Youtube

Série destaca quatro vídeos trazendo trabalhos e entrevistas com 15 coreógrafos e coreógrafas que se destacaram, em 2021, no CCBB

Passageiros das estrelas no Planetário de Brasília

Passageiros das estrelas no Planetário de Brasília

Uma média diária de quase mil pessoas tem visitado o espaço neste período de férias. Moradores do DF e turistas contam suas experiências no espaço

Templo cinematográfico, Cine Brasília emociona público na reabertura

Templo cinematográfico, Cine Brasília emociona público na reabertura

Cine Brasília reabriu esta semana depois de quase dois anos fechado, devido à pandemia

Exposições, espetáculos, feiras estão entre as atrações culturais deste final de semana

Exposições, espetáculos, feiras estão entre as atrações culturais deste final de semana

Confira a programação

Um passo importante na restauração do Teatro Nacional

Um passo importante na restauração do Teatro Nacional

Secretaria de Cultura e a Novacap estão finalizando os termos do edital para contratação de empresa que irá realizar as obras com recursos do GDF

Ícone da cidade, Cine Brasília reabre após quase dois anos fechado

Ícone da cidade, Cine Brasília reabre após quase dois anos fechado

Reabertura será com Mostra de Cinema Egípcio

Cine Brasília reabre nesta quinta-feira (6) com Mostra Egípcia

Cine Brasília reabre nesta quinta-feira (6) com Mostra Egípcia

O filme Verde Seco, que será exibido no sábado, conta a história da jovem Iman, que mantém uma posição rígida sobre a extinção das tradições sociais, o que muda diante de uma terrível descoberta