×
ContextoExato

Contexto Exato

Brasil - Brasília - Distrito Federal - 03 de julho de 2022

Nova geração no comando da PMDF

Nova geração no comando da PMDFFoto:

Convergência, mas não em tudo

Por Ana Maria Campos-eixo Capital - 11/11/2018 - 11:47:40

Ao escolher a coronel Sheyla Sampaio para o comando da PM, o governador Ibaneis Rocha atropelou a primeira e a segunda turmas de formação da corporação. A primeira é a que está atualmente no governo, com os coronéis Marcos Antônio Nunes e Cláudio Ribas. Na segunda, Ibaneis não confia também por questões de campanha. Um dos coronéis teria se juntado a adversários para atingi-lo na disputa eleitoral. Sheyla é da terceira turma. Mais do que um inédito comando feminino, entra agora uma nova geração na PM. A oficial é considerada linha-dura e competente. Foi a primeira colocada no curso de formação.


Mantido

Funcionário de carreira da Terracap, o atual presidente, Júlio César Reis, foi mantido no cargo pelo governador eleito Ibaneis Rocha. É uma sinalização de continuidade da política de regularização dos condomínios em área pública que andou bastante no governo Rollemberg.


Convergência, mas não em tudo

Se depender do discurso inicial, as forças de segurança serão mais integradas no próximo governo. O futuro diretor-geral da Polícia Civil do DF, Robson Cândido, e a coronel Sheyla Sampaio, escolhida para comandar a Polícia Militar do DF, conversaram pelo telefone e, em entrevistas, ressaltaram a importância do trabalho conjunto. Mas a oficial defende um ponto que não é aceito pela maioria dos policiais civis: o poder de PMs para lavrar termos circunstanciados em casos de crimes de menor potencial ofensivo.

Diálogo

O delegado Anderson Torres, escolhido para ser o próximo secretário de Segurança Pública e Paz Social, tem uma ótima relação com a nova cúpula da Polícia Civil do DF, especialmente com o 02 da corporação: o futuro diretor-geral adjunto, Benito Tiezzi. Também é referendado pelo Sindicato dos Delegados de Polícia Civil (Sindepo). A aposta é de que haverá diálogo e boas parcerias.


Lista tríplice para a PM?

O deputado distrital eleito Hermeto (PHS), subtenente da PM, queria lista tríplice também para o comando da PM. “Nada contra a coronel Sheyla, mas a PM deveria ter a mesma prerrogativa da Polícia Civil”, acredita.


Compliance

Ex-diretor-geral da Polícia Civil do DF, o delegado aposentado Pedro Cardoso é o responsável pelas análises das fichas dos nomes que deverão integrar o próximo governo.


 (Arthur Menescal/Esp. CB/D.A Press - 12/3/18
)

Com a palavra, o autor do projeto

Presidente do PTB/DF, Alírio Neto pode ocupar um cargo no futuro governo. Se isso ocorrer, ele deve tocar um de seus principais projetos, que Ibaneis já abraçou: transformar a Residência Oficial de Águas Claras num centro de tratamento de deficientes e crianças autistas.


Lá atrás

Depois de fazer campanhas com brilho ao Palácio do Buriti, Toninho do PSol teve desempenho fraco nas eleições deste ano para deputado distrital. Conseguiu 3.272 votos e ficou na 99º posição. Ficou atrás das novas lideranças do partido, como o presidente, Fábio Félix, que se elegeu com 10.955 votos. Maria José Maninha concorreu à Câmara dos Deputados, mas também não ganhou. Teve 6.837 votos.


Oposição

O governador eleito Ibaneis Rocha (MDB) avalia que terá na oposição, na largada de seu governo, pelo menos sete distritais. São eles: Chico Vigilante e Arlete Sampaio, do PT, Fábio Felix, do PSol, Reginaldo Veras (PDT), Eduardo Pedrosa (PTC), Leandro Grass (Rede) e Julia Lucy (Novo).


Enquanto isso...

Na sala de Justiça

O futuro presidente Jair Bolsonaro (PSL) vai nomear dois desembargadores do quinto constitucional durante o seu mandato. Oriundos do Ministério Público, os desembargadores Nidia Corrêa Lima e Humberto Adjuto Ulhoa vão se aposentar compulsoriamente, ao completarem 75 anos, respectivamente em 2021 e 2022.


Mandou bem

Está aberta a temporada do projeto dos Correios para que qualquer cidadão vire o Papai Noel de uma criança carente. Basta buscar a cartinha num dos postos da ECT e realizar sonhos.


Mandou mal

A Loja Havan insiste em instalar sua Estátua da Liberdade no SIA. A réplica tem 35m de altura, o que contraria o Plano Diretor de Publicidade do DF


Só papos


 (Heuler Andrey/AFP - 6/11/18
)

“O ex-presidente Lula foi condenado e preso porque cometeu um crime. Não foi por causa das eleições. (...) Não posso pautar minha vida por uma fantasia de perseguição política”

Sérgio Moro, em entrevista coletiva ontem, sobre o convite para assumir o superministério da Justiça no governo Bolsonaro


 (Nelson Almeida/AFP - 13/8/18
)

“A escandalosa indicação de Sergio Moro deixa claro que nossa primeira tarefa é deflagar uma campanha por um julgamento justo para Lula”

Gleisi Hoffmann, presidente nacional do PT


À QUEIMA-ROUPA


 (Minervino Junior/CB/D.A Press - 2/3/17)

Deputado Ricardo Vale (PT)


“Fica parecendo que estão preparando a cidade para receber o capitão”


Como avalia a decisão do Tribunal de Justiça do DF de derrubar uma lei de sua autoria que muda para Honestino Guimarães o nome da segunda ponte do Lago Sul?

Lamento muito essa decisão. A lei é de minha autoria, mas esse pleito é dos movimentos sociais, das famílias vítimas da ditadura militar, da comissão da verdade, daqueles que prezam pela democracia e pelos direitos humanos em nosso país e em nossa cidade.


Na decisão, a Justiça considerou que não houve debate com a sociedade sobre a mudança do nome. Como avalia isso?

Desde 1999, esse debate vem sendo realizado em vários fóruns da nossa cidade. A própria Câmara Legislativa já havia debatido e apresentado projetos nesse sentido. A Lei foi sancionada pelo governador Rodrigo Rollemberg, não cabe, portanto, arguir vício de origem, considerando que exerço minha atribuição de legislador amparado pela regra geral prevista no caput do art. 71 da LODF, que contempla a possibilidade da iniciativa parlamentar para o início do trâmite legislativo. Então, não é verdade que não houve debate.


Acredita que, numa consulta, a população optaria por Costa e Silva ou Honestino Guimarães?

Embora estejamos passando por um momento de saudosismo da ditadura militar e inclusive de ameaças ao Estado Democrático de Direito, a população certamente ficaria com o estudante que morreu lutando pela democracia e não com o ditador que assinou o Ato Institucional no. 5 e aprofundou a violência e a tortura no país!


Considera emblemático que essa volta ao nome Costa Silva ocorra agora? Por quê?

Sim, coincidência o projeto ser considerado inconstitucional só agora, após a eleição de um presidente que defende abertamente a repressão, a ditadura e torturadores. Fica parecendo que estão preparando a cidade para receber o capitão.


Você não conseguiu se reeleger. Quais são seus planos?

Continuar minha militância junto aos movimentos sociais. O que sempre fiz e que me levou a representá-los durante quatro anos na Câmara Distrital.

Comentários para "Nova geração no comando da PMDF":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório
Hong Kong 25 anos depois: Um vínculo cultural entre a China e o mundo

Hong Kong 25 anos depois: Um vínculo cultural entre a China e o mundo

Hong Kong é um lugar onde as culturas chinesa e ocidental se misturam, a tradição e a modernidade se fundem, e o antigo e o novo se unem para apresentar um contraste único.

Noruega implementa Lei de Transparência para empresas

Noruega implementa Lei de Transparência para empresas

De acordo com Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (Pnud), o país é detentor do maior Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) do mundo

'Queremos atrair mais recursos do setor privado', diz presidente do BID

'Queremos atrair mais recursos do setor privado', diz presidente do BID

Em entrevista, Claver-Carone diz que pretende financiar projetos que substituam parte da produção feita hoje fora da região. Para isso, ele tem liderado uma reforma no BID Invest

Desenvolvimento de energia renovável impulsiona China por metas de carbono

Desenvolvimento de energia renovável impulsiona China por metas de carbono

Até o final de maio deste ano, a capacidade instalada de energia renovável do país atingiu um novo recorde, ultrapassando 1,1 bilhão de quilowatts, observou o relatório.

G7 quer investir US$ 600 bilhões em programa mundial para conter avanço chinês

G7 quer investir US$ 600 bilhões em programa mundial para conter avanço chinês

No campo tecnológico, a iniciativa contempla o desenvolvimento e a expansão da tecnologia das comunicações e a informação trabalhando com "provedores confiáveis", que forneçam 5G e 6G, conforme apontou a Casa Branca.

Abuso de entorpecentes e tráfico têm impacto sobre crises humanitárias e de saúde

Abuso de entorpecentes e tráfico têm impacto sobre crises humanitárias e de saúde

Drogas ilegais apreendidas.

Suprema Corte dos EUA suspende legalização do aborto

Suprema Corte dos EUA suspende legalização do aborto

Decisão foi tomada por seis votos a três e abre margem para que estados possam vetar o procedimento.

China pede solidariedade e abertura à medida que o mundo enfrenta mudanças

China pede solidariedade e abertura à medida que o mundo enfrenta mudanças

A comunidade internacional deve defender a Carta das Nações Unidas e se esforçar para manter a paz em um mundo volátil, disse ele.

Vitória de Gustavo Petro fortalece avanço da esquerda na América do Sul

Vitória de Gustavo Petro fortalece avanço da esquerda na América do Sul

Segundo analistas, trata-se de uma "mudança de maré" provocada pelo descontentamento com governantes anteriores.

Major Carvalho, apelidado de 'Pablo Escobar' brasileiro, é preso na Hungria

Major Carvalho, apelidado de 'Pablo Escobar' brasileiro, é preso na Hungria

A Polícia Federal brasileira informou que a prisão decorreu das investigações desenvolvidas no âmbito da Operação Enterprise

Itamaraty parabeniza Gustavo Petro por vitória eleitoral na Colômbia

Itamaraty parabeniza Gustavo Petro por vitória eleitoral na Colômbia

Jair Bolsonaro na abertura do Fórum de Investimentos Brasil 2022, em 14 de junho de 2022 © Alan Santos / Palácio do Planalto / CCBY 2.0