×
ContextoExato

Brasil - Brasília - Distrito Federal - 23 de outubro de 2018


O furão como animal de estimação

O furão como animal de estimação

A natureza do furão no âmbito doméstico

Por Vanessa Lopes - Do Peritoanimal / Foto: Pixabay - 26/02/2018 - 18:54:37

O mundo dos animais de companhia cada vez se diversifica com mais frequência, uma vez que quando se trata de acolher um animal em nossa casa com o qual se pode criar um vínculo emocional são inúmeros os animais que se podem comportar como excelentes animais de estimação.

O furão é um mamífero carnívoro que conta com um instinto de caçador, pois esta é a sua natureza. No entanto, ao contrário do que se possa pensar, foi domesticado há aproximadamente 2500 anos com o objetivo de caçar coelhos.

Neste artigo do PeritoAnimal falamos-lhe falar do furão como animal de estimação e vamos tentar esclarecer as dúvidas que possa ter a este respeito.

A natureza do furão no âmbito doméstico

O furão é um animal que tem uma grande energia e vitalidade, além disso é um excelente animal de companhia, pois possui um caráter muito brincalhão e gosta de compartilhar momentos de lazer com a sua família humana. Obviamente, como muitos outros animais, precisa de presença e dedicação diárias.

A interação do furão com os seus donos irá proporcionar-lhe grandes momentos, pois estes animais são tão sociáveis como inteligentes e o seu comportamento é complexo. O furão não se pode comparar a um animal que precise de cuidados mínimos, adotar um furão é semelhante a compartilhar a casa com um cachorro ou um gato.

O furão é capaz de aprender o seu nome e de responder cada que vez que o seu dono o chamar, do mesmo modo pode adaptar-se a passear com coleira, a manter-se quieto sobre os nossos ombros e tem inclusive a capacidade de abrir portas.

Se está procurando um animal sociável, divertido e brincalhão, o furão pode ser o animal de companhia ideal para si.

O que um furão doméstico precisa?

Se está disposto a adotar um furão como animal de estimação, deve ter em conta que este animal possui necessidades básicas e que é da nossa responsabilidade proporcionar-lhe um ambiente no qual possa ter um pleno estado de bem-estar.

Antes de adotar um furão recomendamos que tenha em conta as seguintes considerações:

- O furão precisa de possuir um passaporte com chip e de manter em dia o programa de vacinação definido.
- Muitas pessoas optam por manter o furão livre em casa, embora seja um animal que pode viver uma gaiola de dimensões apropriadas. Apesar disso, é fundamental que o furão possa sair da gaiola durante várias horas por dia.
- É importante que o furão siga uma alimentação equilibrada, pelo que geralmente recomenda-se dar-lhe uma alimentação equilibrada específica para este tipo de animais.
- O furão é um caçador inato, devemos redobrar as precauções se em nossa casa viverem também pássaros ou pequenos roedores.
- Este animal precisa de banhos periódicos, podem realizar-se de duas em duas semanas ou inclusive a cada 2 meses, isso dependerá da atividade de cada animal em concreto. Neste caso devem-se usar produtos de higiene específicos para este animal.
- Recomenda-se que os furões sejam castrados.
- Precisam de atenções especiais durante o verão, pois são muito susceptíveis a sofrer de golpes de calor.

Se está disposto a cumprir com estas regras básicas com as quais se deve comprometer qualquer dono de um furão, então é o momento de falar dos cuidados veterinários, os quais são imprescindíveis para o seu furão.

Cuidados veterinários do furão doméstico

Como referimos antes, é fundamental que o furão se submeta a um programa de vacinação que se iniciará a partir dos 2 meses de vida e que incluirá vacinas contra a raiva e a cinomose, a administração destas deverá ser repetida anualmente.

O furão também se deverá submeter de forma periódica a medidas preventivas contra as doenças mais comuns nele, como aquelas utilizadas para repelir os mosquitos que podem transmitir a dirofilariose.

Deverá levar o furão a um centro veterinário se suspeita de uma possível patologia ou se observar algum dos seguintes sintomas no seu furão:

Perda de pelo
Perda de apetite
Vômitos
Diarreia
Dificuldade respiratória
Mudanças na evacuação de fezes

Do mesmo modo, é muito importante contatar um veterinário especializado em furões, pois assim conseguimos proporcionar a melhor atenção sanitária ao nosso pet.

Comentários para "O furão como animal de estimação":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório