×
ContextoExato

Contexto Exato

Brasil - Brasília - Distrito Federal - 05 de dezembro de 2021

O voo mais longo da história: 19 horas e 16 minutos

O voo mais longo da história: 19 horas e 16 minutosFoto:

Trajeto entre Nova York e Sydney servirá para que a empresa australiana avalie a viabilidade das viagens ultralongas

Correio Braziliense - 23/10/2019 - 09:19:33

No último domingo (20), pousou em Sydney, na Austrália, procedente de Nova York, o voo mais longo e sem escalas da história. A viagem do QF7879, ainda experimental, feita pela companhia aérea Qantas, durou 19h16min e foi para um grupo pré-selecionado pela empresa, de 49 pessoas — a maioria era de funcionários da empresa.


Também estavam no Boeing 787-9 profissionais de saúde, que tinham como tarefa monitorar os efeitos no corpo humano de voo tão longo. Cientistas de duas universidades australianas acompanharam a viagem para observar como os passageiros dormiam e se alimentavam, além de controlar o nível de melatonina, o conhecido hormônio do sono.


Como o grupo era pequeno, todos se acomodaram nas poltronas espaçosas da classe executiva. Os passageiros foram orientados a tentar acostumar o corpo ao fuso horário australiano e puderam, assim como fez a tripulação, fazer alguns alongamentos durante o percurso, para minimizar o cansaço. Para estimulá-los a driblar o sono até que chegasse o momento do ajuste ao fuso de Sydney, foram usados recursos como luzes acesas, cafeína e até comida apimentada.


Alerta com a saúde


Os pilotos tiveram sensores instalados em seu corpo para medir a atividade cerebral e o estado de alerta. A Associação de Pilotos Australianos e Internacionais (AIPA) está atenta à evolução do plano da Qantas e pediu um estudo sobre os efeitos desse tipo de voo na tripulação no longo prazo. A companhia aérea declarou que os voos experimentais são apenas um dos aspectos da pesquisa sobre a viabilidade das viagens ultralongas.


O voo entre Nova York e Sydney foi o primeiro de três que servirão para que a empresa australiana avalie a viabilidade das viagens ultralongas, para a criação de linhas comerciais regulares. Já está definido que a Qantas vai testar esse tipo de viagem entre Londres e Sydney.


O CEO da Qantas, Alan Joyce, comemorou a execução da viagem ultralonga. "É o primeiro de três voos experimentais, com os quais veremos que recomendações podem ser feitas sobre como administrar o cansaço dos pilotos, assim como a questão do fuso horário para os passageiros", declarou, assim que desembarcou em território australiano. "Depois de 19 horas neste voo, acho que fomos bem. Tenho a impressão de que estava em um voo muito mais curto que este", completou.


No tanque


Em um voo como esse, além do cansaço da equipe e dos passageiros, há o desafio do combustível. No caso do Boeing 787-9, que decolou na sexta-feira à noite do Aeroporto JF Kennedy, o peso transportado foi reduzido, o que permitiu o embarque de uma quantidade suficiente de combustível para os 16 mil quilômetros de trajeto.


Segundo o site especializado flightradar24.com, o avião decolou com o peso de 233 toneladas. Desse total, 101 toneladas eram apenas de combustível. A operação foi muito bem calculada. Os quatro pilotos a bordo se revezaram em sistema de turnos.

Combustíveis sustentáveis na fila de embarque

Comentários para "O voo mais longo da história: 19 horas e 16 minutos":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório
Museu da República no Distrito Federal exibe três mostras simultaneamente

Museu da República no Distrito Federal exibe três mostras simultaneamente

Cecília Lima, Raíssa Studart e Cléber Cardoso Xavier apresentam trabalhos produzidos durante residência artística em Olhos D’Água

Natal no Cerrado une espírito festivo e meio ambiente

Natal no Cerrado une espírito festivo e meio ambiente

Ação de conscientização ambiental acontece, simultaneamente, nos parques ecológicos Sucupira e Riacho Fundo

Dezembro começa com eventos culturais on-line e presenciais no DF

Dezembro começa com eventos culturais on-line e presenciais no DF

Bruna Mendez atração do Festival

Semana Nacional de Ciência e Tecnologia começa hoje em Brasília

Semana Nacional de Ciência e Tecnologia começa hoje em Brasília

Evento tradicional desperta curiosidades e instiga saber científico

Trânsito é liberado aos domingos e feriados na W3 Sul a partir de 5 de dezembro

Trânsito é liberado aos domingos e feriados na W3 Sul a partir de 5 de dezembro

A avenida volta a ter circulação de veículos

Chargista visita escola militarizada que sofreu censura em mural sobre racismo

Chargista visita escola militarizada que sofreu censura em mural sobre racismo

Trabalho de estudantes para o Dia da Consciência Negra recebeu pressão de militares para ser retirado

Proximidades: Inscrições estarão abertas entre 1º de fevereiro e 16 de março

Proximidades: Inscrições estarão abertas entre 1º de fevereiro e 16 de março

Mostras serão exibidas em quatro Promotorias de Justiça

Natal no Cerrado celebra meio ambiente no Distrito Federal

Natal no Cerrado celebra meio ambiente no Distrito Federal

Ações de conscientização ambiental começam na sexta (3) nos parques ecológicos do Riacho Fundo e Sucupira, em Planaltina, e vão até 6 de janeiro

Agricultoras do DF ensinam a fazer árvore de Natal e arranjos

Agricultoras do DF ensinam a fazer árvore de Natal e arranjos

São duas oficinas para ensinar a produzir arranjos natalinos

O que abre e o que fecha nesta terça-feira, Dia do Evangélico

O que abre e o que fecha nesta terça-feira, Dia do Evangélico

Torre de TV estará aberta das 9h às 17h45

Hortos medicinais reúnem mais de 80 espécies de plantas no Distrito Federal

Hortos medicinais reúnem mais de 80 espécies de plantas no Distrito Federal

Meta é produzir medicamentos fitoterápicos para complementar diversos tratamentos de usuários da rede pública de saúde