×
ContextoExato

Contexto Exato

Brasil - Brasília - Distrito Federal - 16 de maio de 2022

Oficiais médicos da FAB são obrigados a receitar kit cloroquina em hospital do DF

Oficiais médicos da FAB são obrigados a receitar kit cloroquina em hospital do DFFoto: Metrópoles

Profissionais que se recusaram a adotar o protocolo relataram ao Metrópoles sofrerem represálias e ameaças de afastamento. Aeronáutica nega

Manoela Alcântara - Metrópoles - 19/01/2021 - 07:56:21

Médicos do Hospital da Força Aérea Brasileira (HFAB) denunciaram pressão, coação e represálias para que a hidroxocloroquina seja receitada a pacientes com Covid-19 na unidade de saúde da Aeronáutica instalada no Lago Sul.

Segundo profissionais denunciaram ao Metrópoles, o diretor de saúde da Aeronáutica emitiu um comunicado instruindo que seja receitado aos contaminados um “kit cloroquina”. O medicamento, comprado pelo Governo Federal, vem em saquinhos, em doses certas para o tratamento de cinco dias.

A Nota Informativa nº 17/2020, assinada pelo diretor, coloca como opção do paciente o uso do medicamento. Porém, os médicos relataram à reportagem que todas as recusas em usar o remédio foram punidas com retaliações como transferências e mudanças de horário.

A circular (veja na galeria) determina que o “kit” tenha Sulfato de Hidroxicloroquina 400 mg comprimido. No entanto, os médicos acreditam que o medicamento não tem comprovação científica. Por isso, aqueles que se recusaram a fazer a prescrição horizontal foram punidos.

Kit cloroquina

O "kit cloroquina" tem cinco doses em saquinhos de plástico

Kit cloroquina

Documento encaminhado aos médicos determina o uso da cloroquina para quem solicitarMaterial cedido ao Metrópoles

Kit cloroquina

Profissionais do HFAB denunciaram situação ao MetrópolesMaterial cedido ao Metrópoles

Kit cloroquina

Médicos se recusaram a prescrever o "kit cloroquina" e relatam represálias Material cedido ao Metrópoles

Kit cloroquina

O "kit cloroquina" tem cinco doses em saquinhos de plásticoMaterial cedido ao Metrópoles

Kit cloroquina

Documento encaminhado aos médicos determina o uso da cloroquina para quem solicitarMaterial cedido ao Metrópoles

1

“A ordem é passar para todos os pacientes que solicitarem. Porém, quem não passa sofre retaliação. Mudam de horário, são retirados da triagem de Covid. A pressão está grande”, disse um dos médicos ao Metrópoles.

“Nem sei expressar o tamanho da humilhação”, diz outro profissional que atua na linha de frente da Covid-19 no HFAB.

O outro lado

Por meio de nota, o Ministério da Defesa (MD) e a Força Aérea Brasileira (FAB) disseram que “todos os hospitais militares têm realizado esforços no combate ao coronavírus desde que foram reportados os primeiros casos no Brasil. Dessa forma, a readequação de funções e horários de atividades foram implementados de forma a minimizar os impactos da intensificação de atendimentos desde o início da pandemia”, diz o documento.

Além disso, na nota conjunta, o MD e a FAB negaram “punição ou retaliação às decisões tomadas pelos médicos no que diz respeito à prescrição ou não da citada medicação (cloroquina). “A escolha da prescrição de medicamento é inerente à atividade do médico assistente e ocorre mediante o consentimento livre e esclarecido, sendo o paciente monitorado continuamente durante o tratamento. O MD reitera que não indica medicamentos ou interfere na adoção de condutas por parte dos profissionais de saúde”, reiteraram.

Além disso, o ministério e a FAB informaram seguir as diretrizes do Ministério da Saúde (MS) e da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA) quanto à prevenção, à testagem e às respostas médicas relacionadas à Covid-19. “Os pacientes com suspeita de exposição ao novo coronavírus ou com quaisquer sinais da doença, por mais leves que sejam, são direcionados ao isolamento e recebem o tratamento preconizado pelo MS”, informaram ainda por meio de nota.



Comentários para "Oficiais médicos da FAB são obrigados a receitar kit cloroquina em hospital do DF":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório
Portaria institui Rede Nacional de Polícias Judiciárias no Combate à Corrupção

Portaria institui Rede Nacional de Polícias Judiciárias no Combate à Corrupção

A coordenação da Renaccor estará vinculada à coordenação-geral de articulação institucional do Departamento de Recuperação de Ativos e Cooperação Jurídica Internacional

Precisamos nos mobilizar na defesa da vida e das terras dos povos indígenas

Precisamos nos mobilizar na defesa da vida e das terras dos povos indígenas

O marco temporal, que tramita no Supremo Tribunal Fedral, é a maior ameaça aos povos indígenas na atualidade.

Como o BTG correu contra o tempo para entregar três usinas ao governo

Como o BTG correu contra o tempo para entregar três usinas ao governo

Sede do BTG Pactual, em São Paulo; banco de investimento terá plataforma própria de criptomoedas

Lula aposta em Alckmin na cúpula e mira atração de apoio de tucanos

Lula aposta em Alckmin na cúpula e mira atração de apoio de tucanos

A ideia é arregimentar o apoio de tucanos que consideram prioridade uma aliança para derrotar o presidente Jair Bolsonaro

'Grupo que apoia Lula deixa marca dolorosa no MDB', diz Simon

'Grupo que apoia Lula deixa marca dolorosa no MDB', diz Simon

Simon afirma que, em caso de polarização entre o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e o presidente Jair Bolsonaro (PL) no segundo turno, votaria, pela primeira vez na vida, em branco.

'Respeite estatuto', diz Doria ao presidente do PSDB por 'tentativas de golpe', segundo mídia

'Respeite estatuto', diz Doria ao presidente do PSDB por 'tentativas de golpe', segundo mídia

O ex-governador de São Paulo João Doria (PSDB) enviou uma carta ao presidente do partido, Bruno Araújo, em que reclama de seguidas

Aécio diz que voto de Aloysio em Lula reflete

Aécio diz que voto de Aloysio em Lula reflete "candidatura artificial" do PSDB

Hoje, o PSDB tem o ex-governador de São Paulo João Doria como pré-candidato a presidente, mas negocia uma unificação da chapa com o MDB, que lançou a senadora Simone Tebet (MDB-MS).

Delegado da PF é rebaixado após investigar filho de Jair Bolsonaro

Delegado da PF é rebaixado após investigar filho de Jair Bolsonaro

O delegado Hugo de Barros Correa, ex-superintendente da Polícia Federal no Distrito Federal, se tornou o responsável pela implementação interna de planos de saúde da instituição.

Nenhum voto sequer foi fraudado em testes de ataque às urnas, diz TSE

Nenhum voto sequer foi fraudado em testes de ataque às urnas, diz TSE

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) anunciou, nesta sexta-feira (13), que nenhuma tentativa de ataque às urnas eletrônicas foi capaz de alterar "sequer um voto", na última rodada de testes públicos de segurança nos equipamentos, que serão utilizadas nas eleições de outubro.

STF suspende forma como Estados aplicaram alíquota única do ICMS sobre diesel

STF suspende forma como Estados aplicaram alíquota única do ICMS sobre diesel

Em março, uma lei aprovada pelo Congresso Nacional e sancionada por Bolsonaro definiu que deveria haver em todo o Brasil uma alíquota única do ICMS sobre o diesel.

Desenvolvimento emocional e democracia

Desenvolvimento emocional e democracia

Nas comunidades em que há uma proporção suficientemente elevada de indivíduos maduros, existe um estado de coisas que proporciona a base para o que chamamos democracia