×
ContextoExato

Contexto Exato

Brasil - Brasília - Distrito Federal - 25 de junho de 2022

ONU lança plano de emergência para refugiados venezuelanos

ONU lança plano de emergência para refugiados venezuelanosFoto:

O Plano de Reposta de Migrantes e Refugiados Regional foi lançado esta sexta-feira em Genebra. Este é o primeiro plano do tipo já produzido nas Américas.

Da Assessoria De Comunicação / Da Onu News / Foto: Amanda Nero / Oim / Divulgação / Onu - 15/12/2018 - 19:41:46

Plano coordenado por agências das Nações Unidas foi produzido por 95 organizações de 16 países que procuram responder a necessidades urgentes de milhares de refugiados e migrantes da Venezuela e comunidades de acolhimento.

O Plano de Reposta de Migrantes e Refugiados Regional foi lançado esta sexta-feira em Genebra. Este é o primeiro plano do tipo já produzido nas Américas.

Com coordenação da Agência da ONU para Refugiados, Acnur, e a Organização Internacional para Migrações, OIM, o plano é resultado do trabalho em conjunto de 95 organizações de 16 países que enfrentam o maior fluxo populacional na América Latina dos últimos tempos.

Objetivo
O objetivo do plano é estabelecer uma resposta compreensiva para as necessidades urgentes de milhares de refugiados da Venezuela, assim como as das comunidades que os recebem.

Apesar dos venezuelanos estarem deixando seu país de origem há anos, este movimento aumentou em 2017 e teve um crescimento ainda maior em 2018, com uma média de 5,5 mil pessoas deixando a Venezuela por dia.

Plano
O documento apresenta um plano operacional com modelo de coordenação e estratégia para auxiliar os venezuelanos em movimento e assegurar a inclusão social e econômica deles nas comunidades onde chegam.

O plano, que também faz um apelo por financiamento, foca em quatro áreas principais, assistência de emergência direta, proteção, integração socioeconômica e cultural e fortalecimento das capacidades de acolhimento dos países destinatários.

Apelo
O representante especial da Acnur-OIM para os refugiados e migrantes venezuelanos, Eduardo Stein, explicou que o “plano é um apelo para as comunidades doadoras, incluindo as instituições financeiras internacionais e atores de desenvolvimento que podem ter um papel chave nesta situação.”
Stein contou que os venezuelanos que encontrou falaram de “fome, falta de acesso a cuidados de saúde, insegurança, ameaças e medo.” O representante acrescentou que eles eram “famílias, mulheres sozinhas, crianças, jovens meninos e meninas, todos em condição de vulnerabilidade extrema.”

Destinos
O financiamento solicitado no plano para o ano de 2019 é de US$738 milhões. As intervenções irão focar em 2,7 milhões de pessoas em 16 países. Destas, 2,2 milhões são venezuelanos e 500 mil são pessoas das comunidades de acolhimento.

Até o momento, a maior parte dos refugiados e migrantes venezuelanos foi para Colômbia. Vários deles permaneceram no país, mas muitos continuaram a jornada, a grande maioria para o Equador e o Peru e em quantidade menor para o Chile e a Argentina.

O Brasil também está entre os principais destinos dos refugiados e migrantes da Venezuela. O México, Caribe e países da América Central receberam um número menor de chegadas.

De acordo com a ONU, esta tendência deve continuar em 2019.

Comentários para "ONU lança plano de emergência para refugiados venezuelanos":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório
China pede solidariedade e abertura à medida que o mundo enfrenta mudanças

China pede solidariedade e abertura à medida que o mundo enfrenta mudanças

A comunidade internacional deve defender a Carta das Nações Unidas e se esforçar para manter a paz em um mundo volátil, disse ele.

Vitória de Gustavo Petro fortalece avanço da esquerda na América do Sul

Vitória de Gustavo Petro fortalece avanço da esquerda na América do Sul

Segundo analistas, trata-se de uma "mudança de maré" provocada pelo descontentamento com governantes anteriores.

Major Carvalho, apelidado de 'Pablo Escobar' brasileiro, é preso na Hungria

Major Carvalho, apelidado de 'Pablo Escobar' brasileiro, é preso na Hungria

A Polícia Federal brasileira informou que a prisão decorreu das investigações desenvolvidas no âmbito da Operação Enterprise

Itamaraty parabeniza Gustavo Petro por vitória eleitoral na Colômbia

Itamaraty parabeniza Gustavo Petro por vitória eleitoral na Colômbia

Jair Bolsonaro na abertura do Fórum de Investimentos Brasil 2022, em 14 de junho de 2022 © Alan Santos / Palácio do Planalto / CCBY 2.0

222 milhões de crianças afetadas pela crise precisam urgentemente de assistência educacional

222 milhões de crianças afetadas pela crise precisam urgentemente de assistência educacional

A Educação Não Pode Esperar

Ball Corporation avança em investimentos na América do Sul com nova fábrica de latas de alumínio no Peru

Ball Corporation avança em investimentos na América do Sul com nova fábrica de latas de alumínio no Peru

A empresa, líder global em embalagens sustentáveis de alumínio, anunciou abertura que vai gerar mais de 100 empregos diretos e 300 indiretos.

ACNUR solicita apoio urgente para ajudar quase 16 mil pessoas forçadas a se deslocar em Burkina Faso

ACNUR solicita apoio urgente para ajudar quase 16 mil pessoas forçadas a se deslocar em Burkina Faso

Milhares de burquinenses que se deslocaram pelo massacre em Seytenga encontraram segurança além da fronteira com o Níger.

Estados Unidos alertaram sobre projeto de bagagem gratuita vetado por Bolsonaro

Estados Unidos alertaram sobre projeto de bagagem gratuita vetado por Bolsonaro

Acordo foi assinado em março de 2011, no governo Dilma Rousseff, e entrou em vigor em maio de 2018, na gestão de Michel Temer, após aprovação pelo Congresso.

Liderança da UE diz que crime no AM é fruto da postura de Bolsonaro; aliados criticam presidente

Liderança da UE diz que crime no AM é fruto da postura de Bolsonaro; aliados criticam presidente

Aliados de Bolsonaro acham que presidente errou

FC Barcelona e Acnur formam parceria para apoiar crianças refugiadas

FC Barcelona e Acnur formam parceria para apoiar crianças refugiadas

O logotipo do Acnur é apresentado, pela primeira vez, no uniforme dos jogadores da principal equipe masculina e feminina do time espanhol

Cartéis de Miami, Medellín e Sinaloa sustentam um Estado paralelo na Amazônia

Cartéis de Miami, Medellín e Sinaloa sustentam um Estado paralelo na Amazônia

Apesar de toda a movimentação militar em Atalaia, amigos de Pelado continuam entrando e saindo de terras indígenas com embarcações que levam freezers para pescados