×
ContextoExato

Contexto Exato

Brasil - Brasília - Distrito Federal - 27 de novembro de 2021

Operação da PCDF visa coibir ações fraudulentas em nome do TJDFT

Operação da PCDF visa coibir ações fraudulentas em nome do TJDFTFoto: © Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios – TJDFT

A operação foi realizada pela Delegacia Especial de Repressão aos Crimes Cibernéticos-DRCC/PCDF, com o apoio da Delegacia de Investigações Gerais de Campinas -DIG/PCSP e do Grupo de Operações Especiais –GOE/PCSP, e também promoveu ações de busca e apreensão.

© Tribunal De Justiça Do Distrito Federal E Dos Territórios – Tjdft - 13/11/2021 - 09:57:06

Foi deflagrada na manhã desta sexta-feira, 12/11, ação denominada “Operação Falso Juízo”, com o objetivo de identificar grupo criminoso voltado para a prática de golpes contra municípios brasileiros, cometidos a partir de falsos documentos e falsas sentenças em nome do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios (TJDFT).


Ciente de tentativas de fraudes aplicadas com uso do nome da instituição, vinculando falsamente magistrados e servidores à aplicação de golpes - em especial, no que tange ao pagamento de precatórios e condenações em execuções fiscais - o TJDFT passou a monitorar as ações dessa natureza, com o apoio de delegacias especializadas, que resultou na prisão de 6 pessoas no estado de São Paulo, na data de hoje.


A operação foi realizada pela Delegacia Especial de Repressão aos Crimes Cibernéticos-DRCC/PCDF, com o apoio da Delegacia de Investigações Gerais de Campinas -DIG/PCSP e do Grupo de Operações Especiais –GOE/PCSP, e também promoveu ações de busca e apreensão.

GOLPE

O golpe aplicado consistia basicamente em ligações telefônicas realizadas às prefeituras de diversos estados, cobrando o pagamento de condenações supostamente oriundas do TJDFT. Para tanto, o grupo utilizava números telefônicos incorretos, forjava documentos e e-mails, e encaminhava falsos boletos em nome do Judiciário do DF.

Diante disso, o TJDFT volta a alertar sobre a necessidade de verificar a idoneidade de toda e qualquer documentação recebida em nome do órgão, por meio dos telefones e e-mails informados em seu site na Internet.

Em caso de suspeita de fraude é importante registrar boletim de ocorrência na delegacia policial e comunicar a Ouvidoria-Geral do TJDFT, pelo 0800 61 46466 (das 12h às 19h, em dias úteis), pelo Alô TJ – 159, ou pelo e-mail ouvidoria@tjdft.jus.br.

Por fim , o TJDFT alerta que em nenhuma hipótese utiliza telefones ou e-mails privados para suas comunicações e que em nenhuma hipótese solicita pagamento de condenações via boletos bancários.

Conteúdo relacionado

Comentários para "Operação da PCDF visa coibir ações fraudulentas em nome do TJDFT":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório
Covid-19: TJDFT confirma que paciente com risco de trombose tem direito à vacina específica

Covid-19: TJDFT confirma que paciente com risco de trombose tem direito à vacina específica

A autora de 44 anos apresentou relatório médico que comprova trombofilia hereditária, causada por mutação genética que aumenta de duas a seis vezes o risco de doença vascular arterial e em até quatro vezes o risco de trombose venosa

Passageira que fraturou coluna após queda em ônibus deve ser indenizada

Passageira que fraturou coluna após queda em ônibus deve ser indenizada

A decisão foi unânime.

Cirurgias reparadoras em transexuais devem obedecer ordem de prioridade do SUS

Cirurgias reparadoras em transexuais devem obedecer ordem de prioridade do SUS

Conheça os termos da Portaria 2803/13, do Ministério da Saúde.

Conselho mantém lei que altera contribuição previdenciária de servidores e pensionistas do DF

Conselho mantém lei que altera contribuição previdenciária de servidores e pensionistas do DF

A decisão foi unânime.

Ex-cônjuge que não recebe pensão alimentícia não tem direito a ser incluída em plano de saúde

Ex-cônjuge que não recebe pensão alimentícia não tem direito a ser incluída em plano de saúde

Processo em segredo de justiça.

Distrito Federal deverá custear exame genético para tratamento neurológico em criança

Distrito Federal deverá custear exame genético para tratamento neurológico em criança

Cabe recurso da decisão.

Invasão de perfil em rede social gera dever de indenizar

Invasão de perfil em rede social gera dever de indenizar

Dono de perfil hackeado no Instagram deverá ser indenizado após empresa agir com desídia (negligência) ao não permitir exclusão de contas falsas vinculadas. A decisão é do juiz titular do 2º Juizado Especial Cível de Brasília.

Transgêneros e não binários são 2% dos brasileiros, revela estudo

Transgêneros e não binários são 2% dos brasileiros, revela estudo

Pesquisadores ouviram 6 mil pessoas em 129 cidades de todo o país

Procon orienta sobre compras na Black Friday

Procon orienta sobre compras na Black Friday

Informações sobre loja ou empresa é fundamental

SLU suspende edital para cooperativas de recicláveis por sugestão do MPDFT e MPC/DF

SLU suspende edital para cooperativas de recicláveis por sugestão do MPDFT e MPC/DF

Representação recebida pela Prodema alegava que o chamamento público estaria direcionado para excluir integrantes da Central de Cooperativas de Materiais Recicláveis do DF

Prodecon obtém decisões que garantem abatimento em mensalidades durante pandemia

Prodecon obtém decisões que garantem abatimento em mensalidades durante pandemia

Faculdades devem restituir aos alunos percentual referente à redução de gastos obtida com a mudança do sistema de aulas para ensino a distância