×
ContextoExato

Contexto Exato

Brasil - Brasília - Distrito Federal - 24 de outubro de 2021

Operação Tergiversação mira organização criminosa que atuava dentro da Policia Federal no Rio

Operação Tergiversação mira organização criminosa que atuava dentro da Policia Federal no RioFoto: Agência Brasil

Foi identificada ainda a participação de empresários que movimentaram recursos em favor do grupo e atuaram como “laranjas” de alguns investigados.

Por Léo Rodrigues – Agência Brasil Rio De Janeiro - 11/06/2019 - 16:08:00

A Operação Tergiversação, deflagrada na manhã de hoje (10) pelo Ministério Público Federal (MPF) e a Polícia Federal (PF), desarticulou uma organização que mantinha um esquema de cobrança de propina de investigados em inquéritos policiais. Os crimes eram coordenados de dentro da própria Superintendência da Polícia Federal do Rio de Janeiro.

De acordo com o MPF, a operação envolveu seis mandados de prisão preventiva, três mandados de prisão temporária e 25 mandados de busca e apreensão. O esquema tinha a participação de policiais federais e empresários.

As investigações apontaram que propinas foram pagas por alvos das operações Titanium e Viupostalis/Recomeço, dedicadas respectivamente a elucidar fraudes no plano de saúde e em um fundo de pensão dos funcionários dos Correios. O delegado responsável por ambas as operações e o escrivão que trabalhava com ele solicitaram e receberam valores vultuosos para evitar a exposição de investigados na mídia e para favorecê-los nas apurações.

Além disso, houve atuação de operadores que intermediavam o contato com os investigados e faziam o pedido do pagamento das vantagens indevidas, além de viabilizar a transação e a lavagem do dinheiro. "Os pagamentos, que variaram, segundo o apurado até o momento, de R$ 400 mil a R$ 1,5 milhão, eram feitos na maior parte das vezes em espécie, mas em alguns casos foram repassados por meio de transferências a empresas ligadas aos operadores", disse, em nota, o MPF.

Foi identificada ainda a participação de empresários que movimentaram recursos em favor do grupo e atuaram como “laranjas” de alguns investigados. A investigação envolveu quebras de sigilo bancário, fiscal, telemático e telefônico. De acordo com nota divulgada pela PF, também foram celebrados acordos de delação premiada com alguns dos empresários que comprovaram os atos ilícitos. "Os elementos obtidos durante as investigações indicam a prática dos crimes de corrupção ativa, corrupção passiva, organização criminosa e lavagem de dinheiro", acrescenta a PF.

Edição: Maria Claudia

Comentários para "Operação Tergiversação mira organização criminosa que atuava dentro da Policia Federal no Rio":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório
Ponto facultativo do Dia do Servidor será em 1° de novembro

Ponto facultativo do Dia do Servidor será em 1° de novembro

Unidades responsáveis por atendimentos essenciais devem garantir a prestação ininterrupta dos serviços

Câmara Legislativa terá ciclo de exposições de trabalhos artísticos de pessoas com deficiência

Câmara Legislativa terá ciclo de exposições de trabalhos artísticos de pessoas com deficiência

A Câmara Legislativa já abrigou diversas exposições organizadas em parceria com seu Conselho Curador de Cultura

Descartar resíduos corretamente é bom pra todo mundo

Descartar resíduos corretamente é bom pra todo mundo

Lixo corretamente separado vai para cooperativas, onde é processado e reutilizado, evitando superlotação em aterros

Produções culturais femininas são destaque da agenda cultural no DF

Produções culturais femininas são destaque da agenda cultural no DF

Espetáculo “Melodrama de Xicaxaxim” é protagonizado pela atriz e palhaça Paula Sallas

Galeria dos Estados receberá Feira aos domingos

Galeria dos Estados receberá Feira aos domingos

Espaço vai oferecer arte, cultura, turismo e economia criativa para a população do Distrito Federal

Bicicletas compartilhadas têm boa aceitação do público nos primeiros dias

Bicicletas compartilhadas têm boa aceitação do público nos primeiros dias

Para retirar a bicicleta da estação, basta escolher o tipo de corrida no aplicativo, pagar pelo celular e liberar a bike apontando o celular para o QR Code próximo ao guidão|

MST lança loja online de alimentos agroecológicos e orgânicos no DF

MST lança loja online de alimentos agroecológicos e orgânicos no DF

Vendas online serão abertas oficialmente neste sábado, 16

Documentação Urbanística amplia acesso ao público

Documentação Urbanística amplia acesso ao público

Sistema oferece diversas informações aos usuários

Final de semana com muitas opções culturais no DF

Final de semana com muitas opções culturais no DF

Exposições, espetáculos teatrais e musicais estão entre as atrações para este sábado e domingo

Concurso vai escolher melhores trabalhos de artesanato

Concurso vai escolher melhores trabalhos de artesanato

Inscrições podem ser feitas até o dia 24 de outubro; premiados serão selecionados por votação popular

Redobre os cuidados ao dirigir no período das chuvas

Redobre os cuidados ao dirigir no período das chuvas

Temporada chuvosa requer atenção ampliada no trânsito |