×
ContextoExato

Contexto Exato

Brasil - Brasília - Distrito Federal - 17 de outubro de 2021

Pacientes reclamam da falta de parafusos para cirurgias ortopédicas no DF

Pacientes reclamam da falta de parafusos para cirurgias ortopédicas no DFFoto: ANDRE BORGES/ESPECIAL PARA O METRÓPOLES

Espera para realização de procedimentos cirúrgicos ortopédicos demora semanas, segundo pacientes. MPC recebeu denúncia sobre o caso

Por Isadora Teixeira - Metrópoles - 06/01/2021 - 15:18:53

A demora para realização de cirurgia ortopédica aflige pacientes da rede pública do Distrito Federal. O problema relatado é o mesmo: faltam parafusos necessários para os procedimentos.

Tadna Taiane da Silva Souza, 29 anos, e Rebeca de Souza Vale, 19 anos, por exemplo, estão no Hospital Regional de Taguatinga (HRT) sem saber quando vão ser operadas.

A dona de casa Tadna caiu em casa e quebrou o pé em 12 de dezembro de 2020, segundo contou a mãe dela, Mariana da Silva Souza, 48 anos. A mulher deu entrada no HRT no mesmo dia e aguarda a cirurgia desde então.

“Minha filha está no hospital há 26 dias esperando cirurgia no pé, que depende de um parafuso, mas informam para a gente que esse material está em falta em toda a rede pública”, disse Mariana. Tadna tem dois filhos, de 6 e 7 anos. “As crianças estão sofrendo, querendo ver a mãe e não entendem a situação.”

A estudante Rebeca contou que está há 11 dias internada. Ela disse que quebrou a fíbula (osso da perna) na calçada em frente da casa em que mora e, para se recuperar, precisa colocar parafuso. “A ortopedia está lotada e o risco de pegar Covid é grande, porque tem casos no hospital. Mas eles continuam dizendo que estão sem parafusos e pinos. Tem gente com mais de um mês de espera”, destacou.

O Ministério Público de Contas do Distrito Federal (MPC-DF) recebeu denúncia sobre ausência de parafusos para cirurgias. A reclamação foi registrada na Ouvidoria do MPC-DF pelo senador Izalci Lucas (PSDB-DF). “Mandei um pessoal meu ir checar e, na prática, não está faltando só no HRT. A saúde está um caos”, disse à coluna.

A demora na realização da cirurgia ortopédica no HRT não é de hoje. Em reportagem publicada em setembro de 2020, o Metrópoles mostrou que 81 pessoas estavam na fila para realização do procedimento. À época, a direção da unidade de saúde justificou que faltavam perfuradores e anestesistas. Em outubro, o hospital anunciou um mutirão.

O que diz o GDF

A Secretaria de Saúde do DF afirmou que já assinou contrato para adquirir materiais da área de ortopedia e o empenho para a compra será feito nos próximos dias.

“A pasta esclarece também que houve um aumento significativo na demanda dos casos de ortopedia, com atendimento a pacientes inclusive da região do Entorno. Ao mesmo tempo, no período de pandemia, houve dificuldades para aquisição de equipamentos, insumos, produtos e materiais no mercado nacional e internacional”, assinalou.

A secretaria disse que a fila para os casos ortopédicos é dinâmica: “Muda constantemente, em razão da entrada de pacientes em estado grave que têm preferência no atendimento”.

A diretoria do HRT pontuou que, mesmo diante da pandemia, o hospital efetivou 1.053 cirurgias da especialidade, de janeiro a outubro de 2020. “Além disso, realizou uma força-tarefa, no início do mês de novembro de 2020, beneficiando 44 pacientes que aguardavam na fila”, acrescentou.

Um novo mutirão está sendo preparado para este mês, segundo a chefia da unidade hospitalar.

Comentários para "Pacientes reclamam da falta de parafusos para cirurgias ortopédicas no DF":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório
Campanha

Campanha "Natal Sem Fome" começa neste domingo em todo o país

Cada R$1 doado para a campanha "Natal Sem Fome" equivale a um prato de comida

Distrito da Fome: Inflação e pobreza ameaçam soberania alimentar de famílias brasilienses

Distrito da Fome: Inflação e pobreza ameaçam soberania alimentar de famílias brasilienses

Já são mais de 116 milhões de pessoas em situação insegurança alimentar.

MST lança loja online de alimentos agroecológicos e orgânicos no DF

MST lança loja online de alimentos agroecológicos e orgânicos no DF

Vendas online serão abertas oficialmente neste sábado, 16

Documentação Urbanística amplia acesso ao público

Documentação Urbanística amplia acesso ao público

Sistema oferece diversas informações aos usuários

GDF ameaça continuidade do projeto “Jovem de Expressão” na Ceilândia

GDF ameaça continuidade do projeto “Jovem de Expressão” na Ceilândia

Local utilizado pelo projeto tem 116 metros e é um antigo posto policial abandonado

Moradores das novas quadras do Guará reivindicam medidas para aumentar a segurança

Moradores das novas quadras do Guará reivindicam medidas para aumentar a segurança

O deputado Delmasso enumerou melhorias necessárias em urbanização e prestação de serviços públicos para a região, como iluminação pública, pavimentação, saúde e transporte

Carga tributária sobre combustíveis no DF será reduzida pelos próximos três anos

Carga tributária sobre combustíveis no DF será reduzida pelos próximos três anos

CLDF aprovou a diminuição da alíquota do ICMS em três pontos percentuais. Medida é gradativa para os próximos três anos, começando em 2022

Via Campesina ocupa Aprosoja para denunciar a fome no Brasil

Via Campesina ocupa Aprosoja para denunciar a fome no Brasil

Ação fez parte da Jornada Nacional da Soberania Alimentar

Izalci diz que DF está hoje “nos piores lugares em tudo”

Izalci diz que DF está hoje “nos piores lugares em tudo”

O governo é único. Não pode cada um fazer o que quer. Hoje os secretários nem conversam.

Polícia do DF atribui denunciação caluniosa à mulher que acusou Eduardo Bolsonaro

Polícia do DF atribui denunciação caluniosa à mulher que acusou Eduardo Bolsonaro

O delegado afirma que ela cometeu o crime de denunciação caluniosa.

Zoo de Brasília tem tumulto na porta e polícia é acionada

Zoo de Brasília tem tumulto na porta e polícia é acionada

Aglomeração ocorreu depois que parque atingiu limite de público