×
ContextoExato

Contexto Exato

Brasil - Brasília - Distrito Federal - 02 de julho de 2022

Pesquisas eleitorais: Você sabe o que são?

Pesquisas eleitorais: Você sabe o que são?Foto: Tribunal Superior Eleitoral

Ferramentas de opinião pública, elas são utilizadas por institutos ou entidades para verificar a preferência do eleitorado nos meses que antecedem uma eleição

Tribunal Superior Eleitoral - 10/06/2022 - 07:01:03

Até esta quinta-feira (9), o Portal do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) já contabiliza 660 pesquisas eleitorais relativas às Eleições Gerais de 2022. Desse total, mais de 170 se referem aos cargos de presidente e vice-presidente da República. Mas você sabe o que é pesquisa eleitoral ?

É a indagação feita à eleitora ou ao eleitor, em um determinado momento, a respeito das candidatas e dos candidatos que podem disputar ou já concorrem em uma eleição. Essa ferramenta de opinião pública é utilizada por institutos ou entidades para verificar a preferência da eleitora ou do eleitor nos meses que antecedem um pleito.

Como toda pesquisa de opinião pública, ela utiliza método científico para apurar a realidade do momento junto a segmentos representativos do eleitorado, chamados de amostra. Além de seguirem metodologias específicas, as pesquisas são obrigatoriamente registradas na Justiça Eleitoral.

O artigo 33 da Lei das Eleições ( Lei nº 9.504/1997 ) dispõe que as empresas e entidades que realizam pesquisas de opinião pública relacionadas às eleições ou a candidatas e candidatos são obrigadas a registrar cada uma delas no Sistema de Registro de Pesquisas Eleitorais (PesqEle) da Justiça Eleitoral até cinco dias antes da divulgação.

Tal registro, contudo, não implica obrigatoriedade de divulgação dos respectivos resultados, já que a Justiça Eleitoral não exerce qualquer controle prévio sobre essa etapa, tampouco gerencia ou cuida da publicação dos levantamentos. Assim, a divulgação do resultado, bem como a metodologia utilizada e outras informações sobre a pesquisa são de total responsabilidade da empresa que a realiza.

Informações para o registro

O registro da pesquisa na Justiça Eleitoral deverá conter as seguintes informações: quem contratou a pesquisa e quem pagou, com os respectivos números no Cadastro de Pessoas Físicas (CPF) ou no Cadastro Nacional de Pessoas Jurídicas (CNPJ); valor e origem dos recursos; metodologia usada; e período de realização do levantamento.

Outros dados necessários são o plano amostral e ponderação quanto a gênero, idade, grau de instrução e nível econômico do entrevistado, assim como o questionário completo aplicado ou a ser aplicado, o nível de confiança, a margem de erro da pesquisa e o nome do estatístico responsável.

As regras estabelecidas para o registro e a divulgação de pesquisas eleitorais são fundamentais para evitar levantamentos fraudulentos. Essa transparência permite que as pesquisas sejam auditadas e contestadas. Os partidos políticos, o Ministério Público, as candidatas e os candidatos, as coligações e as federações partidárias detêm legitimidade para impugnar o registro ou a divulgação de uma pesquisa eleitoral mediante requerimento à Justiça Eleitoral, bem como para apresentar as ações judiciais eleitorais cabíveis.

Com isso, eles podem ter acesso ao sistema interno de controle, verificação e fiscalização da coleta de dados das entidades e das empresas que divulgarem pesquisas de opinião, a fim de confrontar e conferir os dados publicados, preservada a identidade das pessoas entrevistadas.

A divulgação de pesquisa fraudulenta constitui crime, punível com detenção de seis meses a um ano e multa no valor de R$ 53.205,00 a R$ 106.410,00.

Consulta

As pesquisas de opinião sobre as Eleições 2022 e eventuais candidaturas ao pleito podem ser consultadas por qualquer cidadão na página do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), por meio do Sistema de Registro de Pesquisas Eleitorais (PesqEle). A divulgação de pesquisas sem registro prévio das informações na Justiça Eleitoral também esta sujeita à multa no mesmo valor da pesquisa fraudulenta.

Ao acessar o sistema, o interessado pode obter informações como: número de registro; período em que foi realizado o estudo; margem de erro; nível de confiança; quantidade de entrevistas; nome da entidade que fez o levantamento; e, se for o caso, de quem a contratou.

Além de contribuir para tornar o processo eleitoral mais transparente, a medida torna-se especialmente útil para que os eleitores não sejam vítimas de fake news, uma vez que poderão conferir a veracidade do que é divulgado, por exemplo, nas redes sociais.

Passo a passo

1º Acesse PesqEle. Na primeira tela, preencha o campo “Eleições”, selecionando “Eleições Gerais 2022”; em UF, indique o estado ou se prefere a opção “Brasil”. Caso prefira, é possível refinar a busca adicionando mais elementos. Em seguida, clique em “Pesquisar”.

2º Na segunda tela, serão exibidos os resultados. Clique em cada um para ter acesso ao conteúdo.

3º Para uma análise mais específica, clique no ícone de lupa à direita de cada registro. Na página, poderão ser encontrados detalhes sobre a pesquisa, como a empresa que a realizou, estatísticas sobre o público entrevistado e a metodologia utilizada. Ao final da página, a pessoa pode baixar o questionário completo em PDF e dados relativos aos municípios e bairros abrangidos.

MC/LC

Comentários para "Pesquisas eleitorais: Você sabe o que são?":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório
Apenas pessoas físicas que utilizem o CPF como chave PIX poderão doar recursos para partidos e candidatos

Apenas pessoas físicas que utilizem o CPF como chave PIX poderão doar recursos para partidos e candidatos

Para o Plenário do TSE, modalidade permite maior transparência na fiscalização das arrecadações de campanha pelo eleitorado

Presidente do TSE faz balanço das ações no combate à desinformação

Presidente do TSE faz balanço das ações no combate à desinformação

Fachin enumerou seis iniciativas do Tribunal, em parceria com diversas instituições, para enfrentar a propagação de notícias falsas

Chatbot: Tira-Dúvidas do TSE no WhatsApp traz novidades para as Eleições 2022

Chatbot: Tira-Dúvidas do TSE no WhatsApp traz novidades para as Eleições 2022

Nova versão do assistente virtual vai permitir que os eleitores interajam com o Tribunal Superior Eleitoral para receber serviços e informações relevantes sobre o processo eleitoral

Associações acadêmicas aderem ao Programa de Enfrentamento à Desinformação

Associações acadêmicas aderem ao Programa de Enfrentamento à Desinformação

Presidente do TSE se reuniu nesta sexta (24) com representantes de três instituições. Parceria também busca o fortalecimento da confiança nos órgãos eleitorais

Confira as ações do TSE para preparar um dos maiores pleitos democráticos do mundo

Confira as ações do TSE para preparar um dos maiores pleitos democráticos do mundo

Segurança, transparência, auditabilidade, participação da sociedade e dos partidos e enfrentamento da desinformação são metas buscadas pela Corte para as eleições de outubro

TSE promove evento histórico com jovens mulheres para debater participação feminina na política

TSE promove evento histórico com jovens mulheres para debater participação feminina na política

Campanha sobre fake news

TSE lança campanha para incentivar mais mulheres na política nas Eleições 2022

TSE lança campanha para incentivar mais mulheres na política nas Eleições 2022

Iniciativa, composta por várias peças de comunicação, será divulgada em rede nacional

Presidente do TSE lança sistema para recebimento de denúncias sobre desinformação

Presidente do TSE lança sistema para recebimento de denúncias sobre desinformação

Eleitoras e eleitores poderão comunicar à Justiça Eleitoral o recebimento de notícias falsas que envolvem as eleições

Comissão e Observatório de Transparência das Eleições debatem inspeção e combate à desinformação

Comissão e Observatório de Transparência das Eleições debatem inspeção e combate à desinformação

Temas foram abordados na segunda parte da reunião conjunta dos organismos, criados pelo TSE para ampliar a publicidade e a segurança de todas as etapas do processo eleitoral

TSE divulga montante do Fundo Eleitoral destinado aos partidos para as Eleições 2022

TSE divulga montante do Fundo Eleitoral destinado aos partidos para as Eleições 2022

Distribuição dos recursos foi publicada por meio da Portaria nº 579 e também será divulgada na edição extra desta sexta (17) do Diário de Justiça Eletrônico do Tribunal

Ministros Alexandre de Moraes e Ricardo Lewandowski são eleitos presidente e vice do TSE

Ministros Alexandre de Moraes e Ricardo Lewandowski são eleitos presidente e vice do TSE

Eleição aconteceu em sessão administrativa nesta terça-feira (14). Solenidade de posse está marcada para o dia 16 de agosto, às 19h