×
ContextoExato
Responsive image

PF investiga suposto esquema de lavagem de dinheiro envolvendo servidor do Ministério da Infraestrutura

PF investiga suposto esquema de lavagem de dinheiro envolvendo servidor do Ministério da InfraestruturaFoto: Beatriz Pataro/G1

Agentes cumprem quatro mandados de busca e apreensão, além do bloqueio de contas bancárias, veículos e imóveis dos investigados. Ação ocorre em endereços do DF e Goiás; G1 aguarda posicionamento da pasta.

Por Sthefanny Loredo E Marília Marques, Tv Globo E G1 Df - 22/01/2021 - 09:42:02

A Polícia Federal deflagrou uma operação, nesta sexta-feira (22), para investigar um esquema de lavagem de dinheiro no Ministério da Infraestrutura supostamente cometido por um servidor público. A suspeita também é da prática de outros crimes como corrupção passiva e sonegação fiscal.

Ao todo, estão sendo cumpridos quatro mandados de busca e apreensão, além do bloqueio de contas bancárias, veículos e imóveis do servidor e de outros investigados. A ação ocorre em endereços de Brasília e de Cidade Ocidental (GO), no Entorno do DF.

Os mandados foram expedidos pela 12 ª Vara da Justiça Federal do DF. Até a última atualização desta reportagem, não houve prisões em flagrante. O G1 aguarda um posicionamento do ministério.

PF investiga suposto esquema de lavagem de dinheiro envolvendo servidor do Ministério da Infraestrutura — Foto: PF/Divulgação

PF investiga suposto esquema de lavagem de dinheiro envolvendo servidor do Ministério da Infraestrutura — Foto: PF/Divulgação

A Justiça Federal também determinou o afastamento preventivo do servidor público. A identidade dele não foi informada. A medida vale pelos próximos 30 dias.

A investigação começou no ano passado, a partir de apurações da Controladoria Geral da União (CGU) e da Subsecretaria de Conformidade e Integridade (SCI) – esta última vinculada ao Ministério da Infraestrutura.

De acordo com a PF, a apuração demonstrou que o servidor suspeito "apresentou crescimento patrimonial incompatível com sua renda, bem como a realização de gastos incompatíveis com sua remuneração".

"Os dados e informações já obtidos também apontam para a possível utilização de parentes na lavagem de ativos, bem como a construção de uma casa de luxo e aquisição de veículos com os valores não declarados", disse a PF, em nota.

Leia mais notícias sobre a região no G1 DF.

Comentários para "PF investiga suposto esquema de lavagem de dinheiro envolvendo servidor do Ministério da Infraestrutura":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório