×
ContextoExato

Contexto Exato

Brasil - Brasília - Distrito Federal - 26 de outubro de 2021

PL torna distribuição de botijão de gás uma política pública permanente no Ceará

PL torna distribuição de botijão de gás uma política pública permanente no CearáFoto: Tiago Stille e Nívia Uchoa/Ascom Casa Civil

Em seu site, o Governo do Estado do Ceará informa que nos últimos dois anos foram entregues aproximadamente 500 mil botijões de gás às famílias beneficiadas.

Francisco Barbosa - Brasil De Fato | Fortaleza (ce) - 08/09/2021 - 11:38:37

Serão beneficiadas população em situação de vulnerabilidade e entidades que realizam distribuição gratuita de alimentos

A Assembleia Legislativa do Estado do Ceará aprovou o Projeto de Lei nº 114/2021, que torna a distribuição de gás em botijão à população cearense solicitante mais vulnerável uma política pública permanente. Com a proposta, a distribuição deverá acontecer três vezes por ano pelo Poder Executivo. Outra conquista é que agora, as entidades da sociedade civil que trabalham com projetos sociais e produzem alimentação gratuita para a população em situação de vulnerabilidade, também serão beneficiadas pelo projeto. A inclusão das entidades no PL é resultado de emenda parlamentar de autoria do deputado Elmano Freitas (PT).

Elmano afirma que a transformação do benefício em política pública permanente é mais uma decisão que comprova o compromisso e a sensibilidade do governador Camilo Santana com o bem-estar da população, em especial dos que mais precisam. Elmano ressalta a importância do trabalho dessas entidades para amenizar o sofrimento dos mais vulneráveis nesse momento de pandemia. “Muitas dessas instituições trabalham no seu limite orçamentário. Grande parte vive da contribuição de voluntários. Portanto, a aprovação da nossa emenda ajuda, fortalece e incentiva a continuidade desse trabalho tão grandioso que é alimentar quem está com fome”, justifica o deputado Elmano.

:: Três por Quatro: A economia que tira o sono dos brasileiros ::

Humberto Neto, militante do Movimento de Trabalhadoras e Trabalhadores por Direito (MTD), afirma que a importância dessa iniciativa se dá, sobretudo, pelo momento que estamos vivendo no país. “O agravamento das desigualdades ocorrido nos últimos anos, foram potencializados pela condução desastrosa do governo federal no combate à pandemia do novo coronavirus. A inflação tem castigado de maneira dura os mais pobres e tem levado à fome a inúmeras famílias brasileiras, que viram em pouco tempo o aumento do preço do gás de cozinha, da luz, da água e dos alimentos”. Para ele, a emenda do Dep. Elmano contribui com o trabalho de diversas entidades e organizações que se engajam na política de solidariedade e de combate à fome, como o do MTD, que vem desenvolvendo trabalhos com as cozinhas populares nos bairros da Bela Vista e Pirambu, em Fortaleza.

“Para nós, movimentos e entidades beneficiadas pela proposta, a emenda chega em boa hora, pois ela representa a garantia da continuidade da política de solidariedade e de combate à fome, pois manter um trabalho como esse requer recursos que geralmente são bem difíceis de conseguir”, afirma Humberto. Ele lembra que os trabalhos da cozinha popular nos bairros Bela Vista e Pirambu tiveram início com doações de movimentos parceiros e pessoas físicas que se sensibilizavam com a causa, porém com o passar do tempo, e também pelas condições difíceis que o país vive, essas doações diminuem e oscilam bastante.

De acordo com Humberto, tornar o vale gás como política permanente contribui de maneira significativa pra continuidade do trabalho e para as pessoas beneficiadas com as cozinhas populares uma medida como essa representa comida na mesa, a garantia de uma refeição digna, o que não é pouca coisa se tratando de um país que vê abismado o retorno da fome. “A garantia do gás de cozinha contribuirá bastante com as cozinhas populares, pois possibilitará o uso dos recursos que seriam destinados à compra do gás, para outras necessidades das cozinhas, como a compra de alimentos, sobretudo de proteínas, que geralmente são mais difíceis de conseguir por doações”.

Em seu site, o Governo do Estado do Ceará informa que nos últimos dois anos foram entregues aproximadamente 500 mil botijões de gás às famílias beneficiadas.

Fonte: BdF Ceará

Edição: Monyse Ravena

Comentários para "PL torna distribuição de botijão de gás uma política pública permanente no Ceará":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório
Projeto ‘Desapega DF’ recolhe doações de servidores

Projeto ‘Desapega DF’ recolhe doações de servidores

Peças de vestuário estão entre os itens requisitados para doação

Ação social do Detran-DF distribui brinquedos a 200 crianças

Ação social do Detran-DF distribui brinquedos a 200 crianças

Ação social reuniu 200 crianças na Gerência Regional de Trânsito de Taguatinga

Projeto destina 10% de vagas no Sine para mulher vítima de violência doméstica

Projeto destina 10% de vagas no Sine para mulher vítima de violência doméstica

Proposta foi aprovada hoje e segue para análise do Senado

Hemocentro do DF promove campanha para doação de sangue

Hemocentro do DF promove campanha para doação de sangue

Doações de sangue tiveram um redução de 13% neste mês e para alguns tipos sanguíneos o estoque está em níveis críticos

Aplicativo vai ajudar crianças e adolescentes a denunciar violências

Aplicativo vai ajudar crianças e adolescentes a denunciar violências

Plataforma será ligada à Ouvidoria Nacional dos Direitos Humanos

Campanha contra insegurança alimentar ilumina Congresso Nacional

Campanha contra insegurança alimentar ilumina Congresso Nacional

Campanha global lembra o Dia Mundial da Alimentação, no próximo sábado

Campanha

Campanha "Tenho Sede" conta com doações para construir 1 milhão de cisternas no Semiárido

Na campanha, mulheres do semiárido contam suas histórias sobre como o acesso à água através das cisternas transformou as suas vidas

Campanha da ASA busca doações para construir 1 milhão de cisternas no Semiárido brasileiro

Campanha da ASA busca doações para construir 1 milhão de cisternas no Semiárido brasileiro

Consideradas tecnologias simples e baratas, cisternas tendem a gerar benefícios para famílias e comunidades do semiárido

Dia Nacional do Idoso: Conheça políticas públicas para essa população

Dia Nacional do Idoso: Conheça políticas públicas para essa população

Pessoas com mais de 60 anos representam quase 18% dos brasileiros

Itamaraty não fará nada sobre deportação de crianças brasileiras dos EUA para Haiti, diz professor

Itamaraty não fará nada sobre deportação de crianças brasileiras dos EUA para Haiti, diz professor

A Sputnik Brasil conversou Thiago Rodrigues, professor do Instituto de Estudos Estratégicos da Universidade Federal Fluminense (UFF), sobre a grave crise de migração que levou milhares de haitianos à cidade texana de Del Rio.

Cerca de 930 milhões de toneladas de comida vão parar no lixo, alerta FAO

Cerca de 930 milhões de toneladas de comida vão parar no lixo, alerta FAO

2,5 milhões de pessoas na República Centro-Africana passam fome.