×
ContextoExato

Contexto Exato

Brasil - Brasília - Distrito Federal - 27 de novembro de 2021

Polícia Federal desarticula esquema de desvio de recursos públicos em Roraima

Polícia Federal desarticula esquema de desvio de recursos públicos em RoraimaFoto: Assessoria de Comunicação em Roraima

Desvios de recursos destinados à saúde seria feito através de conluio em licitações

Assessoria De Comunicação Em Roraima - 19/12/2019 - 15:09:27

A Polícia Federal deflagrou, na manhã de hoje (19/12), a operação Godfather com o objetivo de desarticular um grupo criminoso que seria responsável por fraudes em licitações e desvios de recursos públicos da Saúde Pública em Roraima.

A PF cumpre sete mandados de prisão temporária e 15 mandados de busca e apreensão, expedidos pela 4ª Vara Federal de Roraima, após representação da Autoridade Policial e manifestação favorável do Ministério Público Federal. Mais de 60 Policiais Federais participam da ação em Roraima.


As investigações levantaram indícios da formação de um conluio entre os participantes de procedimento licitatório para fornecimento de alimentos para unidades de saúde estaduais de Roraima, inclusive do Hospital Geral de Roraima – HGR, no ano de 2017. O objetivo seria garantir a vitória de uma empresa já investigada no âmbito da operação Escuridão, deflagrada pela PF em 2018 para apurar desvios de recursos públicos no sistema penitenciário.

Entretanto, uma empresa que, em princípio, não faria parte do esquema, logrou-se vencedora do certame e teria sido cooptada pela organização para a participação da fraude e pagamentos de propinas. O esquema teria envolvimento de familiares de membros do poder executivo estadual, à época, e servidores públicos, além de empresários.

As propinas seriam distribuídas para viabilizar os pagamentos de faturas, permitir a renovação de contratos e garantir o atesto fraudulento de recebimento de refeições.

As investigações também apontam para a atuação criminosa da empresa investigada em outros contratos, como um firmado com a Prefeitura de Boa Vista, por exemplo, para fornecimento de alimentos ao Hospital da Criança Santo Antônio.

Apenas do governo estadual, a empresa já teria recebido mais de 14 milhões de reais entre agosto de 2017 e abril de 2019, período cuja documentação bancária e fiscal já constam consolidadas pela investigação. O contrato continua em andamento.

Os investigados poderão responder, na medida de sua participação, pelos crimes de associação criminosa, fraude em licitação, superfaturamento, extorsão, corrupção ativa e passiva e lavagem de dinheiro.

*O nome da operação faz alusão ao sobrenome do principal personagem do filme “O Poderoso Chefão”, o qual é coincidente com o nome da principal empresa investigada.

Comentários para "Polícia Federal desarticula esquema de desvio de recursos públicos em Roraima":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório
Ministério Público de MG recorre de decisão que transfere julgamento de Brumadinho

Ministério Público de MG recorre de decisão que transfere julgamento de Brumadinho

A defesa dos acusados alegou que, na denúncia apresentada pela Promotoria, há elementos que indicam interesse jurídico da União na ação. É o caso de possíveis danos a sítios arqueológicos, que são bens da União.

Vale a pena criar novo Fundo Amazônia? Especialista responde

Vale a pena criar novo Fundo Amazônia? Especialista responde

Criado em 2008, Fundo Amazônia financiado majoritariamente por Alemanha e Noruega não recebe repasses desde 2019. Em entrevista com Sputnik Brasil, especialista analisou o que governo poderia fazer com a estrutura.

Pesquisa mostra brasileiros mais preocupados com pobreza e pandemia

Pesquisa mostra brasileiros mais preocupados com pobreza e pandemia

Poluição e escassez de água potável também preocupam

Segundo dia de aplicação do Enem é amanhã

Segundo dia de aplicação do Enem é amanhã

É recomendado que se leve o Cartão de Confirmação da Inscrição

Dos pasquins à internet: Jornalismo negro atravessou séculos em luta contra o racismo

Dos pasquins à internet: Jornalismo negro atravessou séculos em luta contra o racismo

Anos à frente da mídia tradicional na cobertura das desigualdades do Brasil, mídia preta enfrenta desafios históricos

Vale, Tüv Süd e 19 pessoas são indiciadas pela Polícia Federal pela tragédia de Brumadinho

Vale, Tüv Süd e 19 pessoas são indiciadas pela Polícia Federal pela tragédia de Brumadinho

Inquérito segue agora para o MPF; gestores e diretores das empresas multinacionais estão entre os indiciados

Brasil ‘não pode ser atraente para o turismo antivacina’, diz diretor da Anvisa

Brasil ‘não pode ser atraente para o turismo antivacina’, diz diretor da Anvisa

“Agora, o Brasil não pode ser atraente para o turismo antivacina. Isso não é razoável, não é aceitável, e nós iremos às ultimas consequências defendendo as nossas posições embasadas em ciência para proteger o nosso cidadão”, complementou o diretor da Anvisa.

Campanha Natal Sem Fome do MST arrecada recursos para doação de alimentos; Saiba como ajudar

Campanha Natal Sem Fome do MST arrecada recursos para doação de alimentos; Saiba como ajudar

Para contribuir com a campanha, é possível doar recursos financeiros que irão auxiliar na produção das cestas

Decisão do STJ impede obra de resort em Restinga de Maricá no Rio

Decisão do STJ impede obra de resort em Restinga de Maricá no Rio

A ação suspende qualquer empreendimento nesta área ambiental

Banco Central regulamenta Pix Saque e Pix Troco

Banco Central regulamenta Pix Saque e Pix Troco

Novas modalidades estarão disponíveis na próxima segunda-feira

Senado aprova BR do Mar, projeto que visa impulsionar navegação em portos nacionais

Senado aprova BR do Mar, projeto que visa impulsionar navegação em portos nacionais

A proposta foi aprovada pelos senadores, mas voltará à Câmara dos Deputados uma vez que o texto sofreu alteração. Posteriormente, segue para sanção do presidente, Jair Bolsonaro.