×
ContextoExato

Programa Bem Viver: Pandemia expõe a fragilidade das políticas para povos indígenas

Programa Bem Viver: Pandemia expõe a fragilidade das políticas para povos indígenasFoto: Brasil de Fato

Em 21 de maio, a Câmara aprovou o auxílio emergencial no valor de um salário mínimo a famílias indígenas enquanto perdurar a pandemia; matéria precisa ser avaliada pelo Senado

Brasil De Fato - 25/05/2020 - 19:31:56

Confira também os cuidados específicos que asmáticos devem ter durante a crise de saúde

A covid-19 já infectou mais de 750 indígenas brasileiros e tirou a vida de outros 35. A crise sanitária, no caso dessas populações, é agravada pela ausência de uma logística específica de pagamento do auxílio emergencial que não exija o deslocamento dos indígenas por longas horas das aldeias até as cidades.

No programa Bem Viver desta segunda-feira (25), reportagem do Brasil de Fato traz depoimentos de indígenas que criticam a negligência do Estado brasileiro e compartilham como está o cotidiano nas aldeias.

O ouvinte também acompanha entrevista com José Graziano, ex-diretor-geral da Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura (FAO). O agrônomo comenta as atuais consequências dos recuos nas políticas de combate à fome.

A edição resgata ainda a história dos moradores do Quilombo do Cumbe, no município de Aracati, a 150 km da capital cearense, Fortaleza. Com 105 famílias remanescentes de quilombos, a comunidade resiste ao avanço de grandes empresas em áreas de proteção ambiental e ao descaso do poder público.

No quadro Momento Agroecológico, o correspondente Daniel Lamir apresenta a preservação de saberes ancestrais por meio de sementes no Vale do Ribeira, região localizada entre os estados de São Paulo e da Paraíba.


Produção da Rádio Brasil de Fato vai ao ar de segunda a sexta-feira / Brasil de Fato

Sintonize

O programa Bem Viver vai ao ar de segunda a sexta-feira, das 11h às 12h, com reprise aos domingos, às 10h, na Rádio Brasil Atual. A sintonia é 98,9 FM na Grande São Paulo e 93,3 FM na Baixada Santista.

Em diferentes horários, de segunda a sexta-feira, o programa é transmitido na Rádio Super de Sorocaba (SP); Rádio Interativa, de Senador Alexandre Costa (MA); Rádio Comunitária Malhada do Jatobá, de São João do Piauí (PI); Rádio Terra Livre (MST), de Abelardo Luz (SC); Rádio Timbira, de São Luís (MA); Radio Terra Livre de Hulha Negra (RN), Rádio Camponesa, em Itapeva (SP), Rádio Onda FM, de Novo Cruzeiro (MG) e Rádio Camponesa, de Crateús (CE).

A programação também fica disponível na Rádio Brasil de Fato, das 11h às 12h, de segunda a sexta-feira, e nos aplicativos Spotify e Google Podcasts.

Assim como os demais conteúdos, o Brasil de Fato disponibiliza o programa Bem Viver de forma gratuita para rádios comunitárias, rádios-poste e outras emissoras que manifestarem interesse em veicular o conteúdo. Para fazer parte da nossa lista de distribuição, entre em contato pelo e-mail: radio@brasildefato.com.br.

Edição: Mayara Paixão

Comentários para "Programa Bem Viver: Pandemia expõe a fragilidade das políticas para povos indígenas":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório