×
ContextoExato

Contexto Exato

Brasil - Brasília - Distrito Federal - 26 de maio de 2022

Projeto capacitará agricultores para a venda de alimentos

Projeto capacitará agricultores para a venda de alimentosFoto: Divulgação/Sema

No sistema da CSA, o agricultor deixa de vender seus produtos por meio de intermediários e conta com participação das pessoa para o financiamento e escoamento da sua produção, os chamados coagricultores

Agência Brasília* | Edição: Renata Lu - 26/01/2022 - 21:45:54

Ação coordenada pelo GDF e pelo CITinova é mais uma etapa que atende aos beneficiários dos sistemas agroflorestais mecanizados

A Secretaria do Meio Ambiente do Distrito Federal e o Projeto CITinova: Desenvolvendo Cidades Sustentáveis iniciaram uma nova etapa das ações de sistemas agroflorestais (SAFs) mecanizados, que beneficiam pequenos agricultores nas bacias do Descoberto e Paranoá. Será realizado um curso de formação em Comunidade que Sustenta a Agricultura (CSA), um sistema econômico alternativo que conecta agricultores e consumidores.

A ação faz parte da última etapa do projeto e visa promover a comercialização dos alimentos produzidos pelos agricultores familiares. “É importante que essas famílias tenham apoio e ferramentas para continuar se desenvolvendo nesse sistema de cultivo sustentável e gerando renda”, ressaltou o secretário Sarney Filho.

“Optamos pela metodologia da CSA, por esse sistema estabelecer uma relação mais justa na comercialização dos produtos. O trabalho também apoiará na identificação dos coagricultores”Nazaré Soares, coordenadora técnica do CITinova no Distrito Federal

No sistema da CSA, o agricultor deixa de vender seus produtos por meio de intermediários e conta com a participação das pessoas para o financiamento e escoamento da sua produção, são os chamados coagricultores.

“Optamos pela metodologia da CSA, por esse sistema estabelecer uma relação mais justa na comercialização dos produtos. O trabalho também apoiará na identificação dos coagricultores”, explica a coordenadora técnica do CITinova no DF, Nazaré Soares.

Além dos cursos de formação, com 20 horas de conteúdo em formato híbrido, o projeto inclui uma cartilha didática para orientar os agricultores na prática e manutenção do sistema. Também será feita a instalação de duas unidades de CSAs junto aos beneficiários, uma em cada bacia de referência.

A equipe de técnicos da Sema e do CITinova e a empresa Matres Gestão Socioambiental, contratada para execução do projeto, já estão em campo desde a semana passada fazendo o mapeamento e o diagnóstico das comunidades rurais.

A ação faz parte da última etapa do projeto e visa promover a venda dos alimentos que são produzidos pelos agricultores familiares | Foto: Divulgação/Sema

O trabalho tem apoio do CITinova, projeto multilateral realizado pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI). Os recursos são do Global Environment Facility (GEF), com implementação a cargo do Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (Pnuma). A execução no DF é pela Sema, em parceria com o Centro de Gestão e Estudos Estratégicos (CGEE).

*Com informações da Secretaria do Meio Ambiente

Comentários para "Projeto capacitará agricultores para a venda de alimentos":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório
Novos processos seletivos do IBGE ampliam vagas para o Censo 2022

Novos processos seletivos do IBGE ampliam vagas para o Censo 2022

Concurso terá 220 vagas em 159 municípios de 15 estados

Vagas para ganhar R$ 6 mil continuam abertas nas agências do trabalhador

Vagas para ganhar R$ 6 mil continuam abertas nas agências do trabalhador

São todas para quem tem curso superior. Mas a maioria das oportunidades do dia é para nível médio (62), com salários de R$ 1.212 a R$ 2 mil

TSE e conselhos estaduais de direitos humanos assinam acordo contra a desinformação

TSE e conselhos estaduais de direitos humanos assinam acordo contra a desinformação

Adesão de oito colegiados marcou a abertura de evento nacional realizado nesta quarta (25)

Justiça do Distrito Federal autoriza autista embarcar em voo com cão de assistência emocional

Justiça do Distrito Federal autoriza autista embarcar em voo com cão de assistência emocional

Cabe recurso da decisão.

Governo do Distrito Federal vai contratar mais professores substitutos

Governo do Distrito Federal vai contratar mais professores substitutos

Inscrições para o processo seletivo poderão ser feitas de 6 a 10 de junho. Convocação dos candidatos classificados obedecerá à ordem de pontuação

Mais prazo para concorrer a carteira de motorista de graça

Mais prazo para concorrer a carteira de motorista de graça

Interessados podem se inscrever até 6 de junho. São 5 mil vagas disponíveis para pessoas de baixa renda

Criadores de pássaros precisam renovar o cadastro ambiental

Criadores de pássaros precisam renovar o cadastro ambiental

Sistema de monitoramento dessa atividade deve ser acessado a partir de 1º de junho

Lojas fazem promoção irregular de produto que compete com amamentação

Lojas fazem promoção irregular de produto que compete com amamentação

Conclusão é de estudo do Observatório de Saúde na Infância

Hoje é dia de reforçar a importância de cuidados com a tireoide

Hoje é dia de reforçar a importância de cuidados com a tireoide

Desde 2008, o 25 de maio chama a atenção para o acompanhamento regular e o diagnóstico precoce

CNJ e Distrito Federal vão implantar programa de gestão de conflitos em escolas

CNJ e Distrito Federal vão implantar programa de gestão de conflitos em escolas

Projeto tem como objetivo a adoção de gestão de conflitos

Há 26 vagas de emprego para quem quer trabalhar em Águas Claras

Há 26 vagas de emprego para quem quer trabalhar em Águas Claras

Ao todo, são 211 oportunidades disponíveis nas agências do trabalhador do DF nesta quarta-feira (25), para diferentes profissões e em várias RAs