×
ContextoExato

Contexto Exato

Brasil - Brasília - Distrito Federal - 19 de janeiro de 2022

Sem ajuda da população do DF, restrições mais duras voltarão, diz Saúde

Sem ajuda da população do DF, restrições mais duras voltarão, diz SaúdeFoto: Hugo Barreto - Metrópoles

Secretário adjunto de Assistência à Saúde do DF alerta para a necessidade de intensificar medidas de combate ao coronavírus

Manoela Alcântara - Metrópoles - 12/05/2020 - 09:51:56

Ainda em curva ascendente no número de casos do novo coronavírus, o governo do Distrito Federal colocou em prática a fiscalização do uso de máscaras pela população a partir dessa segunda-feira (11/05).

Mesmo com possibilidade de punição financeira de R$ 2 mil para quem desobedecer a regra, alguns cidadãos saíram de casa sem a proteção, conforme mostrou o Metrópoles . Mais tarde durante a segunda-feira, o GDF afirmou que, “no momento”, ainda não vai cobrar a multa.

Não foi divulgado balanço sobre punições nesse primeiro dia, mas a Secretaria de Saúde faz um alerta: “Se a população não colaborar, voltaremos a ter medidas mais duras e restritivas”, garante Ricardo Tavares, secretário adjunto de Assistência à Saúde. Assim, o governo poderia voltar às decisões do primeiro decreto, quando mais tipos de comércio foram fechados.

Ele alerta que a proteção facial é apenas uma a mais para quem sai de casa, mas o isolamento ainda é o melhor método de prevenção. “As pessoas não podem relaxar. Para começarmos a flexibilizar comércio e outras atividades, é necessário usar máscara e manter uma série de cuidados”, alertou.

Tavares explica que só o equipamento não protege 100% contra o coronavírus.

“Se duas pessoas estiverem conversando de máscara, a proteção é de 70%. É preciso manter a distância de 2 metros ou 1,5 metro, lavar as mãos, passar álcool em gel. Só a máscara não é suficiente. Além disso, sempre que for possível, as pessoas devem ficar em casa”, complementou o secretário adjunto de Assistência à Saúde.

Distanciamento e leitos de UTI

De acordo com o último boletim da Secretaria de Saúde, há 44 mortes pelo novo coronavírus no Distrito Federal – 43 moradores da capital e uma do Novo Gama (GO), que faleceu em hospital da cidade. Os últimos dois registros foram feitos nessa segunda (11/05).

“O distanciamento é para evitar que as UTIs fiquem cheias, mas ainda temos uma boa situação no DF. Além disso, se os leitos destinados ao coronavírus chegarem a 50%, temos capacidade para abrir mais”, disse Tavares.

Também nesta segunda, o governador Ibaneis Rocha (MDB) visitou o hospital de campanha montado no Mané Garrincha e afirmou que ele começará a receber pacientes no próximo dia 20 de maio.

De acordo com o chefe do Executivo local, a Secretaria de Saúde monta um plano para tirar os doentes mais leves dos hospitais a fim de levá-los ao hospital de campanha, de forma que os casos mais graves permaneçam nos locais de referência. “É mais fácil a gente trazer aqueles doentes mais leves para cá para fazer um acompanhamento e deixar os casos mais graves com os especialistas que já estão no Hran [Hospital Regional da Asa Norte]”, afirmou.

Comentários para "Sem ajuda da população do DF, restrições mais duras voltarão, diz Saúde":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório
Uso de máscaras ao ar livre volta a ser obrigatório em todo o DF

Uso de máscaras ao ar livre volta a ser obrigatório em todo o DF

GDF publicou novas medidas de enfrentamento à pandemia. Pistas de dança em bares, restaurantes, boates e casas noturnas estão proibidas

Escolas públicas do DF voltam às aulas em 14 de fevereiro

Escolas públicas do DF voltam às aulas em 14 de fevereiro

O ano terá 200 dias letivos obrigatórios; estudantes das Instituições Educacionais Parceiras (IEP) iniciam em 10 de fevereiro

Distrito Federal vacinará crianças contra covid-19 a partir dos 8 anos de idade

Distrito Federal vacinará crianças contra covid-19 a partir dos 8 anos de idade

Atualmente, 14 pontos estão aplicando imunizante da Pfizer

Por quanto tempo um paciente com covid deve se manter em isolamento? Tire essa e outras dúvidas

Por quanto tempo um paciente com covid deve se manter em isolamento? Tire essa e outras dúvidas

Em seu quarto guia epidemiológico, publicado em 10 de janeiro, o Ministério da Saúde reduziu de 10 para cinco dias o tempo mínimo de isolamento para pacientes contaminados e sintomáticos

Inmetro recomenda atenção na compra de materiais escolares

Inmetro recomenda atenção na compra de materiais escolares

Quando comprar, exija a nota fiscal

Vacinação infantil contra a Covid-19 no DF prossegue em 14 pontos

Vacinação infantil contra a Covid-19 no DF prossegue em 14 pontos

Até o momento, foram aplicadas mais de 5 mil doses, sendo 1,3 mil na segunda-feira (17)

Fiocruz investiga hesitação de pais em vacinar crianças contra a Covid-19

Fiocruz investiga hesitação de pais em vacinar crianças contra a Covid-19

Estudo teve participação de 15.297 pais, mães e responsáveis

Farmácias no DF farão teste gratuito de Covid-19

Farmácias no DF farão teste gratuito de Covid-19

Cerca de 800 mil testes gratuitos para a covid-19 serão serão distribuídos para 23 farmácias do DF

Audiência discutirá novas regras para o parcelamento do solo do DF

Audiência discutirá novas regras para o parcelamento do solo do DF

População poderá participar do encontro, a ser realizado em 16 de fevereiro nos formatos presencial e virtual

Procura por vacina infantil contra a Covid-19 no DF é grande no primeiro dia

Procura por vacina infantil contra a Covid-19 no DF é grande no primeiro dia

Imunizante foi disponibilizado em 11 postos de saúde

Domingo de vacinação infantil contra a Covid-19

Domingo de vacinação infantil contra a Covid-19

Paco agradeceu aos profissionais da saúde que, de acordo com ele, estão empenhados, desde o início da pandemia, em atender a população.