×
ContextoExato

Contexto Exato

Brasil - Brasília - Distrito Federal - 21 de setembro de 2021

Semana Mundial da Amamentação destaca que responsabilidade é partilhadaFoto: Unicef/UNI148848/Vishwanathan Edit

Semana Mundial da Amamentação destaca que responsabilidade é partilhada

Atividades destacam que aleitamento reduz o risco de doenças

Portal Onu News De Noticias - 01/08/2021 - 07:51:02

Eventos em todo o mundo expõem vantagens do processo para mães e bebês; OMS e Unicef endossaram Declaração Innocenti, que foi adotada há 31 anos para proteger, promover e apoiar o aleitamento.

Os primeiros sete dias de agosto marcam a Semana Mundial da Amamentação. Todos os anos, autoridades de saúde realizam atividades nacionais e internacionais para aumentar a consciência sobre o processo.

As comemorações são inspiradas na aprovação da Declaração Innocenti, visando proteger, promover e apoiar a amamentação. O documento adotado na cidade italiana de Florença, em 1990, foi mais tarde endossado por agências da ONU.

Responsabilidade

O processo definiu metas ambiciosas para a ação internacional promovendo o aleitamento. Participaram formuladores de políticas e entidades como o Fundo da ONU para a Infância, Unicef, e a Organização Mundial da Saúde, OMS.

Ato de amamentar também ajuda a economizar custos para famílias

Unicef//Ilvy Njiokiktjien VII Photo

Ato de amamentar também ajuda a economizar custos para famílias


As atividades realizadas na Semana Mundial da Amamentação pretendem incentivar o aleitamento materno e promover a melhora da saúde dos bebês em todo o mundo. A meta é realçar que o ato de amamentar é a melhor fonte de nutrientes na primeira infância.

Aumento

O tema da Semana Mundial da Amamentação em 2021 é “Proteger o Aleitamento Materno: Uma Responsabilidade Compartilhada”.

Em relatório publicado este ano, a OMS estima que nas últimas quatro décadas houve um aumento de 50% no aleitamento materno exclusivo.

Declaração Innocenti definiu metas ambiciosas para a ação internacional promovendo o aleitamento

Unicef/UN0156352/Dubourthoumieu

Declaração Innocenti definiu metas ambiciosas para a ação internacional promovendo o aleitamento


O resultado da medida são 900 milhões de bebês se beneficiando com o aumento da sobrevivência, o crescimento e o desenvolvimento, graças à amamentação exclusiva.

As vantagens do aleitamento vão desde a nutrição, a saúde e o bem-estar de uma criança ao longo da vida. O ato ajuda a reduzir alergias, eczema e asma, além de cânceres infantis, incluindo leucemia e linfomas.

Custos

O método também ajuda a economizar custos para famílias, unidades de saúde e governos ao proteger as crianças de infecções e salvar vidas. Além disso, consolida o vínculo emocional entre mães e bebês e tem um efeito positivo na saúde mental.

Para as mães, o aleitamento reduz o risco de doenças como diabetes ou cânceres de mama e ovário.

Vídeo de aquivo:

Comentários para "Semana Mundial da Amamentação destaca que responsabilidade é partilhada":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório