×
ContextoExato

Contexto Exato

Brasil - Brasília - Distrito Federal - 22 de maio de 2022

Sítios arqueológicos do Distrito Federal ganharão sinalização

Sítios arqueológicos do Distrito Federal ganharão sinalizaçãoFoto: Divulgação

Equipamentos instalados dentro do Parque Nacional de Brasília serão inaugurados nesta sexta (29)

Destak - 29/11/2019 - 06:58:50

Ponto de passagem das Estradas Reais, entre os séculos XVIII e XIX, o Parque Nacional de Brasília (Parna) e a Reserva Biológica (Rebio) da Contagem abrigam vestígios históricos de ocupação humana desde a era pré-colonial. Parte desses principais pontos ocupados no passado poderá ser conferida pelos visitantes a partir do dia 29 de novembro, ás 8h.

Ao todo, oito sítios arqueológicos históricos, identificados no local, vão ser sinalizados. As placas, implantadas sob a coordenação da Superintendência do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional no Distrito Federal (Iphan-DF), serão inauguradas no dia do aniversário do parque.


"Essa sinalização é um presente para o parque e para os seus frequentadores. São vinte e duas placas, algumas indicativas e outras descritivas, que serão mantidas em parceria com o Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), que ficará responsável pela manutenção dos equipamentos", destaca o superintendente do Iphan-DF, Saulo Santos Diniz.

"Nessa área, há alguns sítios arqueológicos de ocupação pré-histórica – com sítios líticos dos caçadores e coletores de até 11 mil anos atrás, como também os do período colonial brasileiro, tendo vestígios de postos fiscais, estradas reais e cemitérios. Outro que merece destaque está ligado à implantação de Brasília, incluindo desde o Acampamento da Comissão Cruls (Comissão Exploradora do Planalto Central e Comissão de Estudos da Nova Capital da União) até as áreas extrativistas que serviram de apoio para a construção da nova Capital Federal", conta a arqueóloga do Iphan-DF, Margareth de Lourdes Souza.

Visitas

Parte das áreas sinalizadas encontra-se em uma região do parque já aberta à visitação. Já as demais só poderão ser acessadas pelo público por meio de visitas guiadas de caráter educativo e com autorização prévia da unidade de conservação.

"Essa iniciativa reforça a importância das áreas protegidas, além da conservação ambiental. A região possui um patrimônio histórico e cultural relevante para a capital federal e para Brasília", destaca a chefe do Parque Nacional de Brasília e da Reserva Biológica da Contagem, Juliana de Barros.

Sinalização

Quatro pictogramas foram criados para sinalizar os sítios. Um dos ícones indicará a localização de cemitério rural usado por moradores de áreas distantes dos núcleos urbanos, entre os séculos XVIII e XIX.

Outro ícone sinalizará o Valo - um tipo de vala ou rego seco escavado no chão, usado para marcar divisas de propriedades, áreas de moradias, pastagens e para a contenção de gado. Os valos geralmente eram construídos pelos escravos e possuíam de 2,10 a 2,40 m de largura e entre 1,30 a 1,60 m de profundidade.

Já os demais sinalizarão as Estradas Cavaleras utilizadas antigamente para o trânsito de pessoas, mercadorias e caravanas nos séculos XVIII e XIX; e também as Estradas Reais, abertas no século XVIII, no atual território do Distrito Federal e do Estado de Goiás, como forma da Coroa Portuguesa controlar a entrada e saída do ouro, mercadorias e pessoas, numa época em que mais de três mil comitivas passavam pela região.

"Temos aqui Estradas que foram abertas nos séculos XIX e XX interligando os atuais municípios goianos do entorno, como Luziânia, Formosa e Planaltina. Esses trajetos receberam também essa denominação por se interligarem à Estrada Real da Bahia ou Estrada Real do Nascente, que seguia para o Rio de Janeiro", acrescenta a arqueóloga.

Comentários para "Sítios arqueológicos do Distrito Federal ganharão sinalização":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório
Festival nacional de fotografia promove periferias brasileiras

Festival nacional de fotografia promove periferias brasileiras

Ceilândia, periferia da capital do país, abriga a segunda edição do projeto Foto de Quebrada

Monitoramento 24 horas por dia no DF protege vítimas de agressores

Monitoramento 24 horas por dia no DF protege vítimas de agressores

SSP acompanha casos de mulheres atendidas por medidas protetivas de urgência. Desde março de 2021, tecnologia alertou para descumprimentos de determinações judiciais e motivou três prisões

Zoológico de Brasília preparado para enfrentar o frio

Zoológico de Brasília preparado para enfrentar o frio

O amor está no ar, e a natureza agradece

Hepatite misteriosa: Adolescente passa por transplante em PE e caso é investigado

Hepatite misteriosa: Adolescente passa por transplante em PE e caso é investigado

“No caso desta adolescente, todos os exames foram realizados e não houve a identificação da causa da doença. Por isso, o diagnóstico dela seria de hepatite, em sua causa mais desconhecida.”

MP do DF quer informações sobre leitos de UTI e campanha para incentivar vacinação contra a Covid-19

MP do DF quer informações sobre leitos de UTI e campanha para incentivar vacinação contra a Covid-19

Secretaria de Saúde deverá informar, no prazo de dez dias, sobre o legado dos leitos de UTI pós-pandemia. MPDFT também solicita campanha de conscientização sobre vacinação

Donos de cachorros de grande porte são condenados por ataque

Donos de cachorros de grande porte são condenados por ataque

A decisão foi unânime.

Moradores de rua do DF tem abrigo provisório para noites de frio

Moradores de rua do DF tem abrigo provisório para noites de frio

São 100 vagas para pernoite das 20h às 8h, por ordem de chegada

Distrito Federal recebe projeto pioneiro para reciclagem de bituca de cigarro

Distrito Federal recebe projeto pioneiro para reciclagem de bituca de cigarro

Com apoio da Administração do Plano Piloto e do SLU, empresa paulista instalou 100 coletores; iniciativa foi apresentada no Museu da Limpeza Urbana

Projeto 'Conte lá que eu canto cá' se apresenta para estudantes do DF

Projeto 'Conte lá que eu canto cá' se apresenta para estudantes do DF

O grupo ainda quer mais. Uma das metas para próximas temporadas é inserir no repertório novos autores e compositores e mira o olhar para as culturas do Norte e Sul do país.

Distrito Federal registra um estupro de vulnerável por dia

Distrito Federal registra um estupro de vulnerável por dia

No 1º trimestre, 82,2% dos casos de violência sexual contra crianças e adolescentes aconteceram no ambiente familiar

Servidores da CGU decidem entrar em greve a partir de 30 de maio

Servidores da CGU decidem entrar em greve a partir de 30 de maio

Com essa decisão, o número de carreiras em greve sobe para quatro