×
ContextoExato

Contexto Exato

Brasil - Brasília - Distrito Federal - 18 de janeiro de 2022

Standard & Poor's reduz perspectiva da nota do Brasil para 'estável'

Standard & Poor's reduz perspectiva da nota do Brasil para 'estável'Foto: Sputnik Brasil

A agência de classificação de risco Standard & Poor's (S&P) reduziu de "positiva" para "estável" a perspectiva da nota da dívida pública brasileira.

Sputnik Brasil - 07/04/2020 - 06:13:33

À decisão foi divulgada na noite desta segunda-feira (6) e ocorre quase quatro meses depois de a agência ter indicado que poderia subir a nota do país.

Atualmente, a S&P concede nota BB- para o Brasil, três níveis abaixo do grau de investimento, garantia de que o país não corre risco de dar calote na dívida pública. A perspectiva positiva indica que a nota poderia ser elevada. A perspectiva estável significa que a agência não pretende mudar a nota do país nos próximos dois anos.

A S&P calculou que o crescimento da economia será "severamente golpeado" pela crise da COVID-19 e calculou que o déficit fiscal do governo baterá os 12% do PIB em 2020, ante 6% em 2020. As informações foram publicadas pela agência Reuters.

Segundo o comunicado, existe um "aumento de incerteza em relação a capacidade de avançar na agenda de reformas estruturais uma vez que a pandemia se dissipe, dado o desentendimento contínuo entre os poderes Executivo e Legislativo".

Comentários para "Standard & Poor's reduz perspectiva da nota do Brasil para 'estável'":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório
Como organizar os pagamentos das obrigações fiscais no início do ano

Como organizar os pagamentos das obrigações fiscais no início do ano

É possível dividir um ano fiscal em quatro trimestres ou em 12 meses - quanto maior é a divisão mais controle a empresa possui sobre o fluxo de caixa, as variações de desempenho e outros dados financeiros relevantes.

Inflação é maior para ‘pais’ de pets, que adaptam compras

Inflação é maior para ‘pais’ de pets, que adaptam compras

Para o presidente da Associação Brasileira da Indústria de Produtos para Animais de Estimação, José Edson Galvão de França, a inflação no setor teria superado os 50%

Comércio eletrônico ao vivo traz mais oportunidades aos produtos brasileiros na China

Comércio eletrônico ao vivo traz mais oportunidades aos produtos brasileiros na China

Gilberto Fonseca Guimarães de Moura (à direita), cônsul-geral do Brasil em Shanghai, apresenta os produtos brasileiros com a equipe na sala de transmissão ao vivo em 10 de janeiro de 2022.

Safra 2021 foi de 253,2 milhões de toneladas, queda de 0,4% ante 2020, diz IBGE

Safra 2021 foi de 253,2 milhões de toneladas, queda de 0,4% ante 2020, diz IBGE

A área colhida em 2021 foi de 68,6 milhões de hectares, alta de 4,8%, ou 3,1 milhões de hectares a mais, na comparação com 2020.

Mais de 195 mil empresários pedem adesão ao Simples na 1ª semana de prazo

Mais de 195 mil empresários pedem adesão ao Simples na 1ª semana de prazo

O prazo de adesão ao regime começou no último dia 3 e termina em 31 de janeiro

Valor da cesta básica aumenta em todas as capitais em 2021

Valor da cesta básica aumenta em todas as capitais em 2021

Maior alta foi em Curitiba (16,3%) e a menor, em Brasília (5,03%)

Sem chips, venda de carros cresce 3% em 2021, abaixo do previsto

Sem chips, venda de carros cresce 3% em 2021, abaixo do previsto

Variedades

BNDES se afasta da função de único financiador de grandes obras

BNDES se afasta da função de único financiador de grandes obras

Os números marcam a consolidação do primeiro passo na mudança do papel do BNDES na infraestrutura.

Superávit da balança comercial bate recorde em 2021

Superávit da balança comercial bate recorde em 2021

Exportações superam importações em US$ 61,01 bilhões

Inflação de 2021 pressiona alta de preço no início do ano

Inflação de 2021 pressiona alta de preço no início do ano

Apesar de considerar que o impacto da inércia será forte, pondera que os efeitos da alta de 7,25 pontos porcentuais da taxa básica de juros sobre a atividade podem mitigar os reajustes.

Planejamento e organização são fundamentais para sair das dívidas

Planejamento e organização são fundamentais para sair das dívidas

Especialista dá dicas de como deixar as contas no azul