×
ContextoExato

Contexto Exato

Brasil - Brasília - Distrito Federal - 09 de dezembro de 2021

Supremo começa a decidir se é crime não pagar ICMS declarado

Supremo começa a decidir se é crime não pagar ICMS declaradoFoto: 247

A Corte julga um recurso de um empresário de Santa Catarina que declarou o recolhimento de R$ 30 mil de ICMS, mas não pagou o valor.

Por André Richter - Agência Brasil Brasília - 11/12/2019 - 19:12:04

O Supremo Tribunal Federal (STF) começou a decidir hoje (11) se é crime não pagar o Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) devidamente declarado. O imposto é a principal fonte de receita dos estados, cobrado pela movimentação de mercadorias e serviços, devendo ser recolhido e repassado ao governo por uma empresa na venda de algum produto ou serviço.

Até o momento, o placar do julgamento está 2 votos a 1 pelo reconhecimento do crime. Votaram nesse sentido o relator, ministro Luís Roberto Barroso, e Alexandre de Moraes. Gilmar Mendes se manifestou contra por entender que a conduta não foi tipificada na lei de crimes tributários, sendo apenas uma dívida fiscal. Os demais votos serão proferidos na sessão de amanhã (12).


A Corte julga um recurso de um empresário de Santa Catarina que declarou o recolhimento de R$ 30 mil de ICMS, mas não pagou o valor. O contribuinte foi acusado do crime de apropriação indébita tributária, mas foi absolvido pela Justiça. Na sentença, o magistrado entendeu que não pagar ICMS é mero inadimplemento do imposto. Dessa forma, o empresário não pode ser processado criminalmente pelo fato.

Em seguida, o Superior Tribunal de Justiça (STJ) mudou o entendimento no caso e decidiu que o não pagamento do ICMS é crime de apropriação indébita tributária, punido com pena de seis meses a dois anos de detenção e multa. Insatisfeita com a decisão, a defesa do comerciante recorreu ao STF.

Em seu voto, Barroso disse que crimes tributários não são crimes de pouca importância e o calote impede o país de "acudir as demandas da sociedade". No entendimento do ministro, o ICMS não faz parte do patrimônio da empresa, que é mera depositária do valor, devendo repassá-lo à Receita estadual.

"O cidadão paga mais caro para que o comerciante repasse o valor à Fazenda estadual. Tenho dificuldade de entender que argumento legitimaria que o comerciante que acresceu esse valor ao preço pudesse não recolhê-lo ao Fisco", afirmou.

Em seguida, o ministro Alexandre de Moraes afirmou que a forma de combate à sonegação no Brasil é um incentivo ao não pagamento de impostos. Segundo o ministro, a sonegação retira muito mais dinheiro da saúde e da educação do que a corrupção. Moraes também citou a pena baixa em casos de condenação e a possibilidade de adesão a programas de refinanciamento de dívidas (Refis). "Nem se pedir para ser preso, o sonegador vai conseguir", disse.

O julgamento trata da modalidade de ICMS-Próprio. De acordo com informações enviadas ao STF pelo Comitê Nacional de Secretários de Fazenda (Consefaz), todos os estados possuem devedores contumazes do imposto, ou seja, contribuintes que não repassam o tributo estadual rotineiramente. Segundo o Consefaz, em 2018, o calote no Maranhão foi de R$ 4,6 bilhões, no Rio Grande do Sul, R$ 2 bilhões e no Rio de Janeiro, R$ 1 bilhão.

Edição: Lílian Beraldo

Comentários para "Supremo começa a decidir se é crime não pagar ICMS declarado":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório
Participantes de audiência debatem falta de segurança e de manutenção na Rodoviária de Brasília

Participantes de audiência debatem falta de segurança e de manutenção na Rodoviária de Brasília

Recente decisão do governo de retornar a administração da rodoviária para a Secretaria de Transportes e Mobilidade foi bem recebida pelos participantes do debate proposto pelo deputado Chico Vigilante

População do DF pode escolher o imunizante contra a Covid-19

População do DF pode escolher o imunizante contra a Covid-19

Aproximadamente 211 mil moradores do DF já poderiam ter recebido a segunda dose, mas ainda não compareceram a um local de vacinação

Publicada resolução que define níveis do Lago Paranoá para 2022

Publicada resolução que define níveis do Lago Paranoá para 2022

Resolução da Adasa define os níveis altimétricos da água que devem ser mantidos no Lago Paranoá em 2022

Posto de vacinação na Rodoviária do Plano Piloto no DF disponibiliza doses contra a Covid-19

Posto de vacinação na Rodoviária do Plano Piloto no DF disponibiliza doses contra a Covid-19

Posto de Vacinação contra a covid-19 na Rodoviária do Plano Piloto está localizado na plataforma inferior, ao lado da administração

Detran-DF reforça orientações gerais a motociclistas

Detran-DF reforça orientações gerais a motociclistas

Campanhas de conscientização do Detran são constantes e têm como foco a segurança de todos

220 mil pessoas estão com a segunda dose da vacina atrasada no DF

220 mil pessoas estão com a segunda dose da vacina atrasada no DF

Há estoque de vacinas contra o coronavírus para primeira e segunda doses, dose de reforço e dose adicional; números revelam a efetividade da campanha

Biometria passa a ser oferecida em mais três postos do Na Hora

Biometria passa a ser oferecida em mais três postos do Na Hora

Postos do Na Hora de Taguatinga, Gama e Riacho Fundo passarão a oferecer o serviço de identificação biométrica

Aulas no DF começam em 14 de fevereiro de 2022

Aulas no DF começam em 14 de fevereiro de 2022

A portaria que define o calendário anual e semestral contendo todas as datas e eventos pedagógicos previstos será publicada nos próximos dias no Diário Oficial do DF

Entidades realizam ato contra tentativa de censura em escola do DF

Entidades realizam ato contra tentativa de censura em escola do DF

Em nota, corpo docente diz que repudia “toda e qualquer forma de perseguição, cerceamento e censura ao livre trabalho docente dessa Unidade de Ensino”.

Colorida e popular: Drag queen e ativista do MST lança pré-candidatura a deputada federal no DF

Colorida e popular: Drag queen e ativista do MST lança pré-candidatura a deputada federal no DF

A presidente nacional do PT, Gleisi Hoffmann, participou do ato de filiação de Ruth Venceremos ao partido

Confira os dias e locais das feiras rurais em dezembro no DF

Confira os dias e locais das feiras rurais em dezembro no DF

Emater-DF disponibiliza mensalmente uma relação das feiras rurais, com produtores atendidos pela empresa